Por Raphael Pires

Publicado em 21 de janeiro de 2020. | Atualizado em 28 de fevereiro de 2020


Negociar com os veículos de comunicação é essencial para assegurar boas condições de divulgação das campanhas publicitárias produzidas pelas agências. Essa é uma das principais missões do analista de mídia, que exerce um importante papel estratégico nesse meio.

ilustração sobre o analista de mídia
Você sabe qual o papel do analista de mídia na agência?

Quando se fala em agência de comunicação, os profissionais de criação são os mais lembrados. Contudo, há outras peças que são fundamentais para o bom funcionamento da engrenagem desse tipo de negócio. Entre elas está o analista de mídia, que é responsável por negociar tanto com os clientes quanto com os veículos de comunicação.

As escolhas e a capacidade de negociação desse profissional podem ser fundamentais para o sucesso das campanhas desenvolvidas pela agência. Afinal, é imprescindível que os anúncios sejam veiculados de acordo com as mídias mais consumidas pelo público do cliente, do contrário todo o esforço realizado pode ir por água abaixo.

Que saber mais? Confira, a seguir, qual é o papel do analista de mídia nas agências de comunicação!

O que é um analista de mídia?

O analista de mídia é o profissional que atua no setor de mídia das agências, o qual é de suma importância para aqueles clientes que não têm a experiência de saber quais são os melhores canais para divulgar seus produtos.

É esse profissional quem estuda as mídias tradicionais, online e alternativas — como televisão, jornais, revistas, rádio, Google, Instagram, Facebook Ads etc. —, analisa os hábitos de consumo de mídia do público-alvo do cliente e aponta quais são os meios ideais para anunciar.

A partir de um bom plano de mídia é possível tornar a marca mais relevante no mercado, evitando que os empreendedores gastem muito dinheiro em canais de comunicação que não trarão resultados para o seu tipo de produto e de consumidor.

Quais são as características do profissional de mídia?

No seu dia a dia de trabalho, o mídia está em contato com o cliente e com os veículos que divulgam as campanhas criadas pela sua agência, tendo como finalidade conseguir as melhores condições para as empresas que ele está representando.

Diante disso, é essencial que o profissional tenha boa capacidade de negociação para conversar com os veículos e escolher as estratégias mais apropriadas para o sucesso das campanhas.

Nesse sentido, também é importante ser bem relacionado, o que facilita o trato com os diferentes veículos de comunicação. Para tanto, é recomendado ser organizado e ter uma lista de contatos, pois isso o permite saber exatamente com quem conversar na hora de optar por uma mídia para um determinado anúncio.

Quais são as funções do analista de mídia?

Conforme já foi dito, as decisões tomadas pelo analista de mídia podem ser cruciais para que uma campanha seja bem-sucedida ou não. Por isso, seu trabalho é realizado em etapas cautelosas. Abaixo, veja quais são as funções do profissional.

Estudar os hábitos de consumo de mídia dos públicos

Para indicar as melhores mídias para um cliente, o mídia precisa conhecer as características do público em questão.

Sendo assim, ele divide o público em segmentos, como região demográfica, gênero, idade, classe social e econômica, geolocalização e comportamento.

Ao fazer isso, pode-se entender quais são as preferências do público, bem como quais são as mídias que ele mais utiliza.

Selecionar mídias corretas para cada campanha

Com todas as informações colhidas no processo anterior, o profissional de mídia seleciona as mídias mais adequadas para cada campanha criada pela agência.

Por exemplo, se o cliente tem pessoas com características diferentes dentro do seu próprio público, o mídia pode sugerir anúncios em veículos diferentes para melhor atingir as categorias de consumidores.

Determinar a vigência do contrato com o veículo midiático para veiculação de anúncios

As campanhas publicitárias têm um período de veiculação. Portanto, cabe ao analista de mídia negociar com os veículos midiáticos para determinar a vigência do contrato de cada anúncio, ou seja, por quanto tempo eles serão veiculados.

Qual o papel estratégico do analista de mídia nas agências?

A atuação do mídia reflete no sucesso das agências. Isso porque é ele quem faz o planejamento de mídia, escolhendo os veículos de divulgação e direcionando os investimentos do cliente na campanha.

Para que isso seja possível, o profissional está em constante contato com o cliente, procurando compreender quais são suas necessidades e, somente a partir disso, desenvolve seu planejamento. Sua função se difere do atendimento pelo fato de não ficar restrito a entender o cliente, já que ele tem que definir as estratégias a serem aplicadas para conquistar os objetivos por meio do orçamento disponível para anunciar.

Sem falar que o analista de mídia é quem melhor conhece o cliente, seu público e as mídias, logo indica quais serão os veículos de comunicação a serem usados e que apresentam maior potencial de bons resultados. Ele também faz as negociações dos custos, visando economizar, e programa as inserções. Nesse contexto, o profissional ainda pode identificar novas oportunidades de negócio para as empresas as quais está representando.

Em seu cotidiano, o mídia tem que lidar com todos os tipos de veículos de comunicação, envolvendo os offline e os online. Assim, é de extrema importância que ele se dedique ao estudo desses canais, mantendo-se atualizado sobre as tendências para cada plataforma e como elas podem impactar as campanhas publicitárias.

A relação entre cliente e veículo sem que haja a intermediação do analista de mídia pode ser bastante prejudicial para a estratégia publicitária, visto que cada veículo tende a defender apenas os seus benefícios e, muitas vezes, o cliente não tem o conhecimento necessário para avaliar e definir qual será a melhor escolha. Nesse cenário, o mídia é indispensável para negociar condições favoráveis para os clientes da agência.

Mídia online X Mídia offline

Embora muito se fale neste sentido, a mídia online não veio para substituir por completo a mídia tradicional ou offline. Na atualidade, a aposta tem sido em estratégias de crossmedia, o que consiste na união das ferramentas dos doi stipos de mídias para alcançar melhores resultados.

Porém, com a possibilidade de uso da internet na publicidade, é crucial que o profissional de mídia esteja inteirado sobre como gerir os anúncios em Facebook, AdWords, YouTube, Twitter, Instagram etc. Além disso, é necessário saber interpretar as métricas com os resultados obtidos por meio do lançamento de campanhas nas diferentes plataformas.

Considerando tudo isso, fica claro que o analista de mídia é uma peça-chave para as agências de comunicação. Somente a partir dele pode-se encontrar os melhores canais para as campanhas criadas pelo restante da equipe, de modo a gerar repercussão positiva e garantir a satisfação do cliente.

E aí, gostou deste post sobre o analista de mídia? Então, assine a nossa newsletter e receba conteúdos exclusivos sobre o mundo das agências de comunicação no seu email!

100.000 pessoas não podem estar enganadas
Deixe seu email e receba conteúdos antes de todo mundo

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *