Por Kellison Ferreira

Publicado em 17 de março de 2020. | Atualizado em 17 de março de 2020


Anúncios em conversa são a nova forma de gerar abordagens certeiras aos usuários do LinkedIn. Ao posicionar esse recurso em uma estratégia de Marketing Digital, é possível captar mais leads, visitas em um site e conseguir conversões, além do engajamento natural que é gerado.

Publicidade nas redes sociais não são uma novidade e à medida que as tecnologias de automação surgem, formas ainda mais eficazes de abordagens se tornam possíveis.

Recentemente, uma das novidades anunciadas foram os anúncios em conversas, no LinkedIn. A proposta desse recurso é permitir que empresas consigam um contato mais pessoal e objetivo com seus targets.

Ainda muito recente, o recurso tem despertado curiosidade, principalmente dos profissionais do Marketing Digital.

Afinal, como encaixar essa possibilidade dentro de uma estratégia? Quais tipos de resultados podem ser obtidos, principalmente pensando a partir do cenário da plataforma LinkedIn?

Neste conteúdo você entenderá melhor sobre o tema passando pelos tópicos:

Confira mais sobre o assunto a seguir!

O que são os anúncios em conversa no LinkedIn?

Os anúncios em conversas são a nova forma de anúncios que já estão sendo rodadas em versão beta no LinkedIn em todo o mundo.

São contatos que empresas poderão fazer com qualquer usuário da rede por meio da caixa de mensagens.

Isso significa que qualquer pode receber abordagens de companhias, sempre acompanhadas de CTA de acordo com suas estratégias.

Como funcionam os anúncios?

Esses anúncios foram pensados para gerar mais engajamento, como se fossem uma conversa fluída e natural entre o representante de uma empresa e um usuário da rede.

Assim, os anúncios são como uma abordagem comum, pela ferramenta de mensagens no LinkedIn, com uma proposta específica relacionada ao negócio.

Naturalmente tratam-se de mensagens automatizadas, disparadas a partir de uma programação feita na etapa de configuração do anúncio, usando o Campaign Manager do LinkedIn. Ali, o anúncio é preparado para a segmentação e os objetivos.

Objetivos dos anúncios em conversa
Fonte: LinkedIn

Anúncios são divididos em duas categorias

Ao menos até o momento, as campanhas são criadas para dois objetivos que podem ser escolhidos: gerar visitas ao site da empresa ou obter leads.

Optado um caminho, toda a abordagem será configurada de acordo com o que essa companhia pretende fazer nesse contato.

Um ponto importante que o LinkedIn tem reforçado é que o disparo dessa mensagem automatizada só é feito se o usuário está ativo naquele momento. A proposta com isso é tornar a comunicação mais instantânea e natural, o que contribuiu para o engajamento.

Nesses anúncios, as mensagens trazem uma apresentação sobre um serviço, produto ou sobre a empresa, propriamente, dependendo da estratégia utilizada.

Também é possível inserir um CTA e links que podem ser para uma landing page ou para o site institucional do anunciante.

Quais resultados podem ser obtidos com os anúncios em conversa?

Bem, entendeu sobre o recurso mas ainda precisa refletir como ele pode ser bom na sua estratégia de Marketing Digital? Ajudamos! Veja a seguir.

Geração de leads

É possível encaminhar a landing pages, inscrições a webinars, downloads de ebooks e outras opções. Isso significa que ficou mais fácil conseguir leads bem segmentados.

Engajamento certeiro

Esse modelo de anúncio em tempo real e em uma plataforma estritamente corporativa tem muito mais impacto, já que a abordagem é direta a quem realmente está propenso ao engajamento.

A restrição ao envio apenas a quem está ativo no momento reforça esse cenário.

Visitas em um site

Muitas empresas querem em um primeiro momento de suas estratégias conseguir um bom fluxo de visitas ao seu site. Com a segmentação ideal, se torna possível, uma vez que você faz o contato em tempo real com o usuário.

Contanto certeiro para empresas B2B

O LinkedIn é uma ótima plataforma para o mercado B2B. No uso dos anúncios em conversa, a oferta pode ser mais certeira, evitando um ciclo de compra grande, o que é comum nesse segmento.

A chegada dos anúncios em conversa deve servir para movimentar estratégias e repensar planejamentos. Desde já, pensar em como incluir o recurso nas ações de Marketing Digital é se antecipar aos concorrentes e gerar bons resultados.

Aproveitando o assunto, confira nosso ebook sobre Marketing no LinkedIn!

Marketing no LinkedinPowered by Rock Convert

100.000 pessoas não podem estar enganadas
Deixe seu email e receba conteúdos antes de todo mundo

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *