Por Pedro Werneck

Estagiário de Marketing na Rock Content.

Publicado em 9 de maio de 2019. | Atualizado em 22 de maio de 2019


Conheça a história da IR sem Erro e saiba como foi criada uma estratégia completa de rankeamento em 6 meses para os termos mais importantes sobre a declaração do IRPF.

Você já deve ter ouvido falar em como Marketing de Conteúdo é uma estratégia de longo prazo.

Como rankear bem para as palavras-chave do seu mercado e gerar muito tráfego orgânico pode levar mais de um ano.

Todo o esforço de produção e publicação de conteúdo, SEO, atualização, aquisição de backlinks demandam tempo, e os resultados não vão aparecer de uma hora para a outra.

Mas hoje vou contra tudo isso, e mostrar um dos cases de resultado orgânico adquirido mais rapidamente na história da Rock Content.

Sim, os resultados do IR sem Erro assustaram até mesmo nosso time interno.

Afinal, passar de 2.000 sessões orgânicas para 170.000 em um intervalo de 3 meses não é algo que se vê todo dia.

Para entender como isso foi possível, primeiro é necessário entender quem são eles, e quais são seus objetivos e desafios.

O IR sem Erro

O IR sem Erro é uma plataforma digital que analisa a declaração de imposto de renda de pessoas físicas, minimizando o risco de cair na malha fina e dando dicas para reduzir o imposto.

Sim, isso quer dizer que seu produto é sazonal.

O imposto de renda para pessoas físicas, ou IRPF, deve ser declarado entre os dias 7 de março e 30 de abril. O número de buscas no Google pelos principais termos relativos ao IR mostra essa sazonalidade:

Case 1

É nesse intervalo entre os dois picos do gráfico que a empresa pode adquirir usuários para sua plataforma.

Seu fundador, Mauricio Garcias, é também co-fundador do projeto Hora do Lar, que já era cliente da Rock Content desde o meio de 2018.

Sua experiência prévia com o gerenciamento da estratégia de conteúdo do blog do Hora do Lar te deu uma visão estratégica sobre produção e promoção de conteúdo.

Ele sabia que se quisesse conseguir resultados orgânicos durante o pico de buscas, tinha que começar cedo.

Mas quão cedo?

O desafio da IR sem Erro

Mauricio e sua equipe perceberam que tinham aproximadamente 6 meses para rankear para os termos mais importantes para a declaração do IRPF.

Com um prazo curto e concorrência de grandes portais de notícia, conquistar as primeiras posições para suas palavras-chave principais era uma missão enorme.

O IR sem Erro começou um blog a 7 meses atrás, iniciando a produção de conteúdo com um time de marketing altamente produtivo, formado por 4 pessoas.

Após um mês e 20 conteúdos produzidos, eles entenderam que o tamanho do desafio pedia uma estratégia robusta, e decidiram que era hora de colocar a Rock Content no projeto IR sem Erro também.

6 meses para rankear no Google

Já adianto que só foi possível chegar ao resultado final por conta da maturidade do cliente em relação a estratégias de conteúdo.

Quando começamos o projeto com a equipe da IR sem Erro, eles já tinham conhecimento teórico e prático sobre marketing de conteúdo. Eles definiram quais palavras-chave gostariam de ter bem posicionadas e sabiam a direção para chegar lá.

Não é atoa que investimos tanto em educação por meio de conteúdo.

Nossos clientes mais educados em marketing digital e de conteúdo são os que geram resultados melhores. Eles possuem um entendimento mais amplo das estratégias e participam ativamente das ações que trazem resultados.

Esse é o caso do IR sem Erro e sua equipe, e foi esse começo estruturado que possibilitou alcançar os resultados que vou mostrar aqui.

Mas vamos ao processo que gerou esses resultados:

A busca pelas palavras-chave principais

Com a lista das palavras-chave mais importantes para o IR sem erro em mãos, teve início a produção de conteúdo.

Os primeiros conteúdos foram publicados e começaram a brigar por posições no topo das páginas de pesquisa para as palavras-chave mais head tail da estratégia.

Alguns exemplos são:

Pagar menos imposto de renda

case IR sem Erro

Análise IRPF 2019

Case 3

Documentos para imposto de renda

Case 4

Dívidas no imposto de renda

Case IR sem Erro 5

Aumentar a restituição do imposto de renda

IR sem Erro 6

Os resultados de posicionamento estavam se mostrando muito bons, mas perceba como o IR sem Erro disputa posições com portais gigantes: Exame, Uol, Época, G1, entre outros.

Contra domínios tão fortes, foi inevitável perder ou oscilar no posicionamento para algumas dessas palavras-chave.

Para combater as quedas, a mídia paga foi usada para garantir que os conteúdos se mantivessem competitivos.

Usando mídia paga alavancar resultados

Ao notar a queda no posicionamento para palavras-chave estratégicas, sugerimos usar o Facebook Ads para fortalecer os conteúdos do IR sem Erro.

Campanhas de mídia paga levam tráfego para um conteúdo, e esse tráfego pode virar compartilhamentos em redes sociais, cliques em links internos e até conversões.

Esses e outros são fatores que ajudam a mostrar ao Google o valor de um conteúdo, e tiveram impacto importante na batalha pelo rankeamento nas primeiras posições.

As ações desenvolvidas no Facebook Ads foram baseadas em promoção de conteúdo para audiências similares, ou ‘lookalike audiences’, e conseguimos diminuir o valor por clique de 13 para 2 centavos.

O resultado das promoções de conteúdos no Facebook tiveram grande impacto nos números finais da aquisição por redes sociais do IR sem Erro:

Case 7

Quer resultados de posicionamento como esses? Converse com um de nossos consultores e entenda como podemos te colocar no lugar mais alto do Google!

Agendar consultoriaPowered by Rock Convert

O pico de buscas e seus desafios

Como expliquei, a demanda por informações sobre declaração de imposto de renda é sazonal. As buscas sofrem um pico no início de Março, abaixam um pouco e depois sofrem outro pico no fim de Abril.

Isso cria um intervalo que corresponde exatamente ao período de declaração:

Case IR sem Erro

Durante esse intervalo, os maiores portais de notícias do país fazem conteúdos sobre IRPF, que acabam ganhando muitas posições pela autoridade desses domínios e seu caráter de notícia.

Assim que o primeiro pico de buscas aconteceu, percebemos uma queda nas posições para as palavras-chave conquistadas até então.

Ao perceber a diminuição dos resultados, André Oliveira, analista de sucesso do cliente, fez uma reunião com time da IR sem Erro, e decidiram adotar todas as medidas possíveis para impulsionar o posicionamento nas buscas.

Isso foi feito através de 2 frentes principais: expansão e atualização de conteúdo.

Expansão de conteúdo

Para expandir o número de palavras-chave indexadas, destrinchamos todas as palavras-chave do ramo de imposto de renda, e selecionamos várias com base em tráfego e posição ocupada.

Montamos uma lista que priorizava as palavras-chave de mais tráfego e com melhor oportunidade de conquistar posições.

A produção dos conteúdos foi dividida entre a equipe da IR sem Erro e a Rock Content, em uma força tarefa para preencher todas as lacunas de conteúdo.

Do primeiro pico de buscas até o segundo, foram produzidos artigos atacando as palavras-chave que complementam as principais da estratégia.

Mas é preciso ir além de apenas produzir mais e mais conteúdo.

É preciso que seus conteúdos estejam bem linkados entre si, e que sejam o melhor conteúdo disponível na página de resultados.

Para garantir isso, foram feitas atualizações de conteúdo.

Atualização de conteúdo

A atualização de conteúdo é vista com muito bons olhos pelo Google, sendo um dos fatores de rankeamento mais relevantes.

Na prática, esse fator pesa tanto pois é uma ótima forma de confirmar que você olha para os conteúdos que já produziu, e mantém as informações deles o mais atuais possíveis.

Entre o primeiro e segundo pico, 5 artigos foram atualizados com extensões de conteúdo consideráveis.

Os conteúdos escolhidos para atualização foram selecionados com base nas palavras-chave mais importantes para o IR sem Erro, e que estavam sofrendo quedas no posicionamento nas serps (páginas de resposta).

Além desses cinco conteúdos que receberam atualizações maiores, foi feito um extenso trabalho de link building interno.

Essa etapa envolveu visitar quase todos os conteúdos, procurando oportunidades de fazer links para outros conteúdos do blog.

Links internos são valiosos pois ajudam tanto os leitores quanto o Google.

Para os leitores, ter um texto com links internos ajuda a navegar pelos artigos que fazem mais sentido para sua jornada, tirando todas suas dúvidas.

Para o Google, um blog cheio de links internos ajuda a entender melhor qual tema seus conteúdos abordam, e com qual abrangência. Links internos são a principal forma de construir topic clusters, uma das principais estratégias para rankear em primeiro para palavras-chave desafiadoras.

Se você acessar conteúdos do blog IR sem Erro vai perceber como eles tem links para outros posts:

Case 8


Esses links constroem uma rede de conteúdos que tornam cada post do blog mais fácil de ser encontrado e rankeado.

Os esforços entre os picos de busca foram essenciais para garantir a permanência do IR se Erro no topo das páginas de busca.

Mas como isso impactou nos números finais do período de pico?

Resultados do IR sem Erro

Como adiantei no início do texto, os resultados do IR sem Erro nos assustaram principalmente pelo tempo de estratégia.

Mas isso não quer dizer que os números atingidos em si não sejam surpreendentes.

Não é normal conseguir um aumento tão grande nos resultados orgânicos em tão pouco tempo, levando 157.262 novas pessoas para seu domínio entre Janeiro e Abril de 2019:

IR sem Erro 8

Além do número absoluto de sessões e novos usuários, é interessante ver a queda na taxa de rejeição e o aumento de páginas por sessão.

Ambas são métricas importantes para o Google, e mostram que o conteúdo do blog ficou cada vez mais atrativo e valioso para os leitores.

Somando todas as fontes, o número de sessões totais aumentou de 25.000 para 323.000, nos intervalos analisados.

Com vários conteúdos no topo das pesquisas para diversas palavras-chaves, o IR sem Erro já construiu sua base para 2020, e com um trabalho mais estruturado não há como duvidar de resultados ainda mais surpreendentes.

Quer chegar ao topo das páginas de busca? Nossos consultores te mostram como podemos te ajudar!

Receba uma avaliação da sua estratégiaPowered by Rock Convert

100.000 pessoas não podem estar enganadas
Deixe seu email e receba conteúdos antes de todo mundo

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *