Por Matheus Clemente

Especialista em Growth Hacking no Rock Stage

Publicado em 26 de agosto de 2019. | Atualizado em 16 de março de 2020


Quando um usuário clica no endereço para solicitar um conteúdo, a CDN entra em ação: encontra um servidor geograficamente mais próximo para exibir os dados requeridos. Com uma taxa de transferência muito maior, a usabilidade do site é atestada. Ao reconhecer que a página é mais amigável, o motor de busca melhora seu rankeamento.

A velocidade de um site interfere no processo de otimização do tráfego e está intimamente ligada à qualidade e à localização física do servidor. Quanto mais distante geograficamente está o servidor, mais essa condição fica comprometida.

CDN é um recurso que garante esse desempenho. A usabilidade de uma página é muito maior quando seu conteúdo carrega rapidamente: é essa agilidade que melhora as taxas de conversão, inibe índices de rejeição e permite que um site tenha mais relevância no rankeamento dos motores de busca, tornando sua estratégia de Marketing Digital mais efetiva.

Apesar de sua grande funcionalidade para o desempenho das páginas na internet, a CDN ainda é desconhecida pela grande maioria das pessoas. Outros têm ciência de sua importância, mas não sabem o que fazer para usufruir de seus benefícios.

Ao compreender os conceitos básicos de uma CDN, e aprender como adicioná-la ao seu siteWordPress, você garante melhor desempenho e relevância da sua marca na web.

Neste artigo, apresentaremos:

Continue com a gente!

 

O que significa uma CDN?

CDN significa Content Delivery Network, cuja tradução é Rede de Distribuição de Conteúdo. Embora uma CDN não seja um host nem substitua a necessidade de hospedagem na web, o recurso permite armazenar em cache o conteúdo para melhorar o desempenho do site.

As plataformas de hospedagem investem em CDNs porque conseguem reduzir a largura de banda da hospedagem, o que evita interrupções no serviço, melhora a experiência do usuário e adiciona uma camada extra desegurança na web.

Existem três tipos de CDNs:

  • protocolos de serviço de conteúdo: redes hospedadas, gerenciadas e projetadas para veicular o conteúdo de um site;
  • ponto a ponto (P2P): redes configuradas entre computadores pessoais;
  • redes privadas: funcionam como um cluster próprio de servidores.
 

Como funciona uma CDN?

Cada um dos servidores que compõem a rede armazena réplicas do conteúdo dos sites na memória (cache). Funciona como um compartilhamento de dados, e as cópias são mantidas para uma eventual solicitação.

Quando um usuário clica no endereço para requerer esse conteúdo, a CDN encontra o servidor físico mais próximo e exibe os dados solicitados, em uma taxa de transferência muito maior, ou seja, com uma latência menor. Além disso, como o conteúdo é carregado a partir de vários servidores, o site se torna mais resiliente a picos de tráfego e resistente a falhas, a vulnerabilidades e a ameaças.

Isso porque alguns recursos, como o balanceamento de carga, distribuem o tráfego de rede uniformemente em vários servidores e facilitam o dimensionamento de impulsos rápidos. Além disso, o failover inteligente fornece serviço ininterrupto mesmo que um ou mais servidores da CDN estejam offline, principalmente em função do mau funcionamento do hardware.

De forma resumida, a CDN é um grupo de servidores de hospedagem baseado no mundo todo, que compartilha os dados de páginas para agilizar o tempo de carregamento do conteúdo solicitado. No caso de um data center inteiro estar com problemas técnicos, o roteamento da CDN transfere o tráfego para outro data center disponível, garantindo que nenhum usuário perca o acesso ao site.

 

Por que usar uma CDN no seu site?

Veja alguns motivos que fazem com que a CDN seja tão importante para o crescimento do seu negócio a partir do aumento no tráfego do site.

Elevar a velocidade do site

Já abordamos como a velocidade pode ser uma diferencial em seu site. Além de melhorar a experiência do usuário, permite que os motores de busca reconheçam a usabilidade da página e melhorem seu rankeamento.

Manter estratégias efetivas de SEO

Você sabe o que é SEO (Search Engine Optimization)? O Google e outros mecanismos de pesquisa valorizam sites eficientes. Com isso, a velocidade é um fator determinante para a classificação da página nos motores de busca. Quanto mais rápido for o site, mais ele aparecerá. Visibilidade é sinônimo de mais leads e, consequentemente, mais vendas.

Além disso, um site rápido aumenta otempo de permanência do usuário na página. Ele se sente mais à vontade para navegar, pois sabe que a experiência naquele endereço será superior.

Powered by Rock Convert

Garantir escalabilidade

A CDN protege seu site contra picos de tráfego que podem fazer com que ele pare de responder. Assim, os usuários finais não são afetados, mesmo com uma demanda maior de acesso.

Reduzir custos

Uma CDN pode reduzir drasticamente os gastos mensais com infraestrutura, já que minimiza os custos de largura de banda e do servidor (menor carga nos servidores de origem).

Apesar de alguns provedores de CDN cobrarem mensalmente, o que permite maior previsibilidade dos gastos, algunsCMS (Content Management Systems), como o WordPress, viabilizam esse recurso sem cobrar a mais por isso.

Viabilizar maior segurança

Qualquer site está sujeito a ataques DDoS ou a outras ameaças. Com uma CDN, o tempo de resposta é mais curto, o que inibe as brechas e as vulnerabilidades que afetam a segurança na rede.

Além disso, a maioria das CDNs permite configurar o SSL (Secure Sockets Layer) completo, para que você possa criptografar o tráfego entre a CDN e o usuário final, bem como o tráfego entre a CDN e os seus servidores de origem, usando certificados personalizados ou fornecidos pela própria CDN.

 

Como usar uma CDN?

Você sabe como criar um site ou um blog, mas não sabe como usar uma CDN? É preciso implementar uma CDN logo no início da criação do seu site ou landing page, para que seja mais fácil planejar, escolher um provedor e implementá-lo de acordo com as necessidades do seu negócio.

A primeira coisa que você deve fazer é escolher entre a grande variedade de opções. Para isso, é preciso considerar sua demanda e os recursos disponíveis para investimento.

Para sites com grande volume de solicitações, é indicado escolher um provedor de CDN maior. Existem muitas soluções no mercado, como o Google CDN e o Amazon CloudFront. Já sites médios a pequenos, com baixa demanda por escalabilidade, podem optar por serviços de hospedagem que oferecem a CDN como parte de seu serviço.

Se você optou por uma empresa de hospedagem que oferece uma CDN como parte integrada de seus serviços, como o WordPress, basta atualizar as configurações da sua conta para garantir que ela esteja ativada para o seu site.

Agora, se o seu site tem um tráfego muito grande, e você prefere optar pela terceirização do serviço de CDN, será preciso escolher entre vários provedores disponíveis no mercado: Cloudflare, MaxCDN, Amazon CloudFront, Amazon S3 e CoralCDN, por exemplo.

Instalar uma CDN pode ser um processo relativamente fácil. Na maioria das situações, é possível seguir as configurações mais simples e personalizar os recursos para atender às necessidades específicas. Antes de começar a adicionar uma CDN ao seu site, lembre-se de que será preciso um acesso de administrador no painel do WordPress. Depois, basta utilizar plugins, como o Plugin WP Super Cache.

Esse plugin acelera o site, uma vez que fornece arquivos HTML estáticos em cache sempre que possível. Isso reduz o estresse no servidor para renderizar páginas completas doWordPress em todas as solicitações. Ele também se integra a qualquer CDN, pois requer arquivos diretamente do site, em vez do domínio. Veja o passo a passo:

  • acesse configurações > WP Super Cache no painel do WordPress;
  • na guia CDN, marque a caixa “ativar suporte à CDN”;
  • cole a URL fornecida pela CDN escolhida no espaço de entrada de texto;
  • salve as alterações.
Como usar uma CDN
Como usar uma CDN

Existem outros plugins, como Plugin W3 Total Cache, usado como opção mais avançada, pois oferece um controle mais preciso sobre as configurações de cache e CDN e, embora ofereça benefícios semelhantes ao WP Super Cache, há mais opções para ajuste da solução.

Mas sua habilitação é um pouco mais complexa, por isso é indicado consultar as configurações de forma mais aprofundada. Depois de escolher o plugin certo para sua demanda, instale-o e ative-o no seu site WordPress. Em seguida, você poderá conectar os pontos entre a plataforma e sua nova CDN.

Uma CDN pode ser a solução mais rápida e eficaz para melhorar a escalabilidade e disponibilidade do seu site. Ao armazenar em cache os dados por meio de uma rede de servidores otimizada e geograficamente distribuída, você consegue reduzir de forma significativa o tempo de latência e agilizar o carregamento da sua página para melhorar a experiência de seus usuários finais.

Com plugins e suporte de plataformas como o WordPress, ainda é possível usufruir de recursos adicionais de mitigação de ameaças como o DDoS, permitir a comunicação criptografada entre o site e o navegador por meio do SSL completo, monitorar os usuários e compactar ativos.

CDN é uma ferramenta imprescindível para otimizar o uso de sites com volume de tráfego superior e garantir a visibilidade da marca por meio do rankeamento estratégico em motores de busca.

Veja como usufruir dessas vantagens da CDN associada à conta do WordPress por meio da nossa plataforma, Rock Stage!

Avalie a performance do seu site

100.000 pessoas não podem estar enganadas
Deixe seu email e receba conteúdos antes de todo mundo

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *