Por Autor Convidado

pela Rock Content.

Publicado em 27 de janeiro de 2019. | Atualizado em 20 de setembro de 2019


Quer fazer a sua estratégia de marketing decolar? Que tal apostar no comarketing com vídeos? Descubra o que é e como aplicá-lo no seu negócio.

Realizar comarketing com vídeos é uma tendência que vem ganhando espaço na estratégia de vídeo marketing de diversas empresas.

Em qualquer estratégia de marketing, conseguir alcançar o sucesso e os clientes não é uma tarefa simples. Exige muito esforço, dedicação, melhorias contínuas e uma certa dose de inovação nas campanhas.

E quando se trata de vídeo marketing, um jeito de inovar nas estratégias e conseguir expandir ainda mais o alcance delas, é com o comarketing.

Neste artigo, você vai conhecer o comarketing com vídeos. Veja a importância dos collabs e aprenda como utilizá-los para que a sua estratégia de vídeo marketing decole. Confira!

Como funciona o comarketing com vídeos

A realização de comarketing com vídeos consiste em parcerias, geralmente entre produtores de conteúdo e empresas, para a produção de materiais que exaltem as marcas e que gerem vantagens para ambas as partes.

De um modo geral, a maioria dos collabs realizados entre marcas e produtores de conteúdo se encaixa em um dos três modelos abaixo:

  • integrações escaláveis, que são comarketing com vídeos produzidos em parceria com uma rede de produtores de conteúdo em ascensão. São ideais para estratégias que visam aumentar o buzz em torno de produtos que serão lançados;
  • vídeos únicos, no qual há a criação de vídeos em parceria com grandes produtores de conteúdo, já renomados junto ao público, e que são ideais para que uma empresa consiga alcançar um novo público;
  • abordagem multicanal, que são collabs que buscam mesclar a linguagem do produtor e da empresa. Assim, o vídeo pode ser divulgado em ambos os canais, tanto do produtor, quanto da própria empresa.

Diferentemente de um anúncio comum, o comarketing com vídeos é um processo colaborativo entre anunciante (produtor de conteúdo) e anunciado (empresa).

Por isso, questões como a propriedade intelectual do conteúdo produzido e publicado, os fatores e custos de produção, bem como as formas de divulgação do vídeo, dependem de acertos diretos entre as duas partes.

No entanto, a estratégia de comarketing com vídeos ganha cada vez mais espaço. Mesmo diante da necessidade de negociações muito pouco centralizadas e que variam muito, de anunciante para anunciante.

Afinal, cada vez mais os produtores de conteúdo mais relevantes, em plataformas como o Youtube, aumentam o seu alcance e poder de persuasão.

Quais os benefícios em investir nas collabs

Os collabs apresentam diversos benefícios para os participantes, tanto para as empresas, quanto para os influenciadores digitais que participam deles.

E a mesma lógica é válida para comarketing com vídeos. A seguir, relacionamos quatro benefícios principais, para as empresas que investem em collabs.

1. Alcance de uma nova audiência

A produção de conteúdo relevante e em conjunto a um parceiro, permitirá que você alcance uma base ainda maior de espectadores.

A lógica é simples: quando você produz um conteúdo, e divulga em seus canais, alcança a sua base de usuários e aqueles que fazem parte do público em potencial.

Porém, quando expande isso para o canal de um parceiro, alcança a mesma base de usuários atuais e em potencial, que compõem a rede dele.

Você terá acesso a uma rede nova, expandindo o alcance do conteúdo que a sua empresa produzir e disponibilizar em um collab.

marketing de conteudo primeiros passos

2. Custos distribuídos

Outra das vantagens da realização de collabs diz respeito à distribuição dos custos de produção. Pense, por exemplo, na produção de um comarketing com vídeos.

Em uma situação normal, a empresa responsável pelo conteúdo arcaria com todos os custos de produção dos vídeos. No entanto, em um comarketing, o custo de produção pode ser dividido entre as partes.

Afinal, ambos serão beneficiados com a colaboração. Por isso, nada mais justo que o investimento realizado também seja repartido.

3. Mais reconhecimento para sua marca

A realização de collabs também permitirá que a empresa alcance maior reconhecimento junto ao mercado.

Por exemplo, voltando à produção de comarketing com vídeos, uma empresa pode associar a sua marca à de um produtor de conteúdo, que seja relevante no mercado em que a empresa atua.

Desta forma, a empresa absorverá, mesmo que de modo indireto, a autoridade deste produtor. Assim, podem reforçar aspectos como a construção de marca e o branding.

4. Estabelecimento de boas parcerias

Por fim, mas não menos importante, a realização de collabs também permite que uma empresa fortaleça a sua rede de parceiros.

Esta rede poderá ser muito útil na hora que a empresa for lançar um novo produto ou chegar em um novo canal. Nesse sentido, poderá utilizar o parceiro para atribuir autoridade e importância para si mesma.

Por exemplo, imagine um comarketing com vídeos que anunciem o novo canal da empresa no YouTube. No momento de abertura do canal, a empresa poderá acionar a sua rede de parceiros, para que eles indiquem o novo canal para seguidores e assinantes.

E, assim, conseguir muitos novos assinantes, apenas por associar a sua presença à de produtores de conteúdo parceiros.

Como construir boas parcerias para collabs

Agora que você conhece as possibilidades e vantagens de collabs, pode olhar em frente e começar a procurar parceiros para a produção de conteúdo.

Porém, aí surge um grande desafio: como encontrar bons parceiros para a construção de collabs verdadeiramente eficientes?

A seguir, daremos algumas dicas, para que você procure e encontre seu próximo parceiro para comarketing com vídeos.

Encontre as parcerias certas

O primeiro passo do processo de encontrar parceiros para collabs é avaliar quais potenciais parceiros poderão fazer com que a estratégia alcance bons resultados.

Para isso, é preciso avaliar alguns aspectos no momento dessa escolha

Procure por parceiros que tenham um público alvo semelhante ao seu

No caso de comarketing com vídeos, o ideal é que o parceiro também possua uma forma de comunicação e de transmissão de mensagens que não destoem muito do que a sua empresa já pratica habitualmente.

Posicione-se junto a parceiros que tenham produtos ou serviços complementares ao seu

Ou seja, parceiros que sejam eventuais concorrentes diretos de mercado.

Escolha parceiros que sejam referência no mercado e que agreguem à mensagem de seu produto.

Por isso, procure produtores de conteúdo que sejam reconhecidos como autoridades no ramo de sua empresa e que se preocupem em agregar conhecimento à sua própria audiência.

Seguindo estes pontos, será mais fácil escolher o parceiro ideal. Dessa maneira, você garante que a realização de collabs, como comarketing com vídeos, alcancem o público certo, com a mensagem correta.

Planejamento de conteúdos complementares

Outro ponto importante para escolher o parceiro ideal é avaliar como a relação de parceria poderá se desenvolver após a produção do collab.

No caso de comarketing com vídeos, é importante que a parceria se expanda para além do player. A estratégia pode incluir conteúdos nas redes sociais de ambos os parceiros, ou mesmo materiais adicionais, que complementem o tema do vídeo.

É preciso que o parceiro esteja aberto a demonstrar, no máximo de canais possíveis, que está associando a sua imagem à de sua empresa.

Assim o público dele poderá ter a certeza de que ele está falando de alguma empresa na qual verdadeiramente confia.

Não deixe de avaliar os resultados

Para averiguar se a parceria rendeu os frutos desejados, é preciso mensurar os resultados obtidos. Em um comarketing com vídeos são válidas as mesmas métricas de vídeos aplicadas em estratégias individuais.

Com estes resultados em mãos, você poderá compreender se a escolha do parceiro foi realmente correta e se o conteúdo produzido conseguiu atingir o público da maneira correta.

Com isso, poderá utilizar esse conhecimento para refinar as suas parcerias e collabs futuros. Alcançando resultados cada vez melhores.

Viu como os collabs e os comarketing com vídeos são importantes e tem muito potencial para as suas estratégias audiovisuais?

É importante ressaltar, no entanto, que se trata de uma relação que deve ser proveitosa para ambos os parceiros. Afinal, não é apenas mais um anúncio comum.

É preciso que a parceria e, principalmente, os parceiros estejam em plena sintonia quanto aos objetivos da campanha, sobre a melhor forma de conquistar o público e quais os passos seguirão para a produção do conteúdo.

São muitas as vantagens e possibilidades do collabs e do comarketing com vídeos. Porém, não se esqueça de que é preciso um compromisso das duas partes para que os resultados sejam realmente positivos.

Quer seguir aprendendo sobre marketing em vídeo? Então não deixe de conferir nosso guia completo sobre o assunto.

marketing em video

Conteúdo produzido pela VidMonsters

100.000 pessoas não podem estar enganadas
Deixe seu email e receba conteúdos antes de todo mundo

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *