Por Ivan de Souza

Analista de Marketing na Rock Content.

Publicado em 10 de junho de 2020. | Atualizado em 10 de junho de 2020


A diferença crescimento linear x exponencial é uma questão da teoria matemática, mas que também se tornou um fator decisivo de negócio. Veja por que apostar na exponencialidade e como fazer isso em agências de comunicação.

Todo CEO quer ver sua empresa crescer. Crescer em visibilidade, em lucros, em confiança de mercado, em capacidade produtiva. Mas, no mercado atual, não basta apenas dar pequenos passos para se manter competitivo. É preciso dar saltos confiantes e cada vez maiores para ultrapassar os concorrentes com uma gestão objetiva.

Essa é uma discussão principalmente sobre crescimento linear x exponencial. Qual é a diferença entre eles e por que isso importa para a sua empresa? Como ampliar o sucesso do negócio cada vez mais?

Neste post, vamos falar de um conceito matemático fundamental no mercado e como alcançá-lo. Acompanhe!

Crescimento linear x exponencial segundo a matemática

Antes de partirmos para os negócios, vamos fazer uma distinção clara sobre esses dois conceitos. Para tanto, usaremos o fundamento mais simples que a matemática pode nos dar sobre ambos. 

Crescimento linear

O crescimento linear é aquele em que um número aumenta estável acrescido por uma constante exponencial fixa, ou seja, o próximo valor será sempre a soma do atual mais X.

Por exemplo, se uma empresa trabalha com uma meta de 5 clientes a mais por mês e, atualmente, tem 10, no mês seguinte terá 15, depois 20, depois 25 e assim por diante. Seu crescimento sempre segue uma linha reta.

Crescimento exponencial

Já no crescimento exponencial, não há uma adição simples de uma constante, mas sim a interação de multiplicação entre o número atual e uma variável.

Nesse caso, o exemplo anterior seria um pouco diferente. Imagine que o foco não seja em 5 clientes a mais por mês, porém em aumentar em 50% a base de clientes a cada 30 dias.

No primeiro período, o resultado seria o mesmo — a empresa passaria de 10 clientes para 15. Mas, no segundo mês, em vez de 20 como dito acima, o número seria 22. Já no terceiro, seria 33, ou seja, bem mais do que os 25 do exemplo de crescimento linear.

Crescimento linear x exponencial segundo o mercado

Do conceito teórico da matemática, podemos passar para o conceito prático das agências de comunicação. Por que o crescimento linear não é mais suficiente para a competitividade no mercado?

O maior movimento para que a forma de olhar para a expansão de negócios mudasse tem nome: transformação digital.

O que a tecnologia vem trazendo para a gestão e a operação de empresas é a possibilidade de reformular processos, cortar intermediários e ampliar o poder produtivo de forma escalável.

E essa é uma palavra-chave para o crescimento exponencial. A escalabilidade é a capacidade de um negócio aumentar sua produtividade sem que isso signifique um aumento proporcional na carga de seu centro de custos.

Em outras palavras, com o mesmo esforço que se atende 10, é possível atender 20, 50, 100 etc. Aliando isso a formas modernas de gestão, é possível finalmente alcançar a exponencialidade da sua participação no mercado.

Esse poder se tornou uma corrida por inovação e transformação. Quem ainda aposta em expansão linear do negócio pode até conseguir acompanhar o mercado agora. Contudo, como mostramos nos exemplos teóricos, em pouco tempo essas agências ficarão muito para trás.

Fatores que impactam no crescimento exponencial de uma agência

Agora que determinamos a importância de crescer exponencialmente, vamos falar um pouco sobre a prática.

Criar essa cultura não depende tanto do seu produto final. Claro, um bom trabalho sempre atrai mais clientes e aumenta os lucros. No entanto, o mais importante aqui é criar uma base operacional e administrativa para absorver e impulsionar esse crescimento. São decisões que vão influenciar muito a sua capacidade de atender mercados cada vez maiores. Veja!

Aposta em uma gestão baseada em dados

Um dos focos dos gestores do futuro está no uso de dados para tomadas de decisões mais precisas e também na identificação de oportunidades de mercado que antes eram difíceis de serem analisadas com objetividade.

O interessante para agências de publicidade é que os mesmos dados podem ser usados tanto para melhorar estratégias produtivas como para entender melhor o próprio público de suas campanhas.

Nesse sentido, podemos afirmar que quem investe em dados hoje tem mais visão, torna-se mais flexível e reage mais rápido a mudanças de hábitos e tendências.

Uso estratégico de tecnologia

A única maneira de conseguir essa boa gestão de dados é utilizando tecnologia. Felizmente, o setor de comunicação e publicidade já é bastante aberto para o investimento em inovação e existem soluções incríveis como serviço, pagas com um fee mensal.

Um uso estratégico significa fazer um planejamento de implementação, escolher ferramentas certas e capacitar os colaboradores para usá-las da melhor forma possível.

Crescer exponencialmente é multiplicar o poder de seus funcionários. Isso é impossível sem suporte tecnológico de qualidade.

Foco na otimização gerencial e operacional

Falamos de produtividade escalável como uma troca de crescimento por expansão para crescimento por otimização. É hora de definir melhor o que isso significa.

A exponencialidade no mercado está diretamente ligada às oportunidades que a tecnologia traz para fazer cada vez mais com cada vez menos. Isso mudou a corrida por market share.

Assim sendo, em vez de tentar aumentar o número de colaboradores constantemente ou a quantidade de estações, tendo mais andares no prédio, por exemplo, o foco é em extrair o máximo do que se tem no momento.

Empresas mais enxutas (conceito lean) têm mais espaço para crescer exponencialmente e mais capacidade de manobra para se adaptar ao mercado. Portanto, está na hora de adequar sua gestão a essa nova ideia.

Estabelecimento de métricas específicas

O exemplo que demos lá no início tem muito a ver com as métricas que você deve acompanhar a partir de agora.

A simples mudança de um foco em ganho linear de clientes para um crescimento percentual muda a forma como seus indicadores de desempenho (KPI) são apresentados.

Por isso é hora de revisar projeções e tentar aproximar seus objetivos de curvas mais acentuadas. E lembre-se de que essa é uma corrida de longa distância. Manter o monitoramento e ajustar estratégias ao longo do tempo vai garantir o seu sucesso.

Softwares de gestão como o primeiro passo para crescer exponencialmente

De todas as tecnologias que você pode implantar para crescer exponencialmente, um software de gestão é, com certeza, seu primeiro investimento. Esses sistemas, também conhecidos como ERP, são capazes de coletar, integrar e analisar dados em ambientes virtuais únicos.

Assim, você ganha visão de negócio e tem a oportunidade de reformular processos produtivos dentro da empresa — atendendo mais clientes sem perder em prazos ou qualidade.

Quando falamos de crescimento linear x exponencial, a diferença maior é exatamente essa. É entender que é possível multiplicar produtividade sem aumentar igualmente os custos. Basta saber investir certo e apostar em inovação.

E que tal traçar esse objetivo e alcançá-lo o mais rápido possível? Então, veja 7 dicas práticas para superar as distrações no trabalho!

100.000 pessoas não podem estar enganadas
Deixe seu email e receba conteúdos antes de todo mundo

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *