Por Raphael Pires

Publicado em 25 de março de 2020. | Atualizado em 3 de abril de 2020


A gestão em tempos de crise é um tanto desafiadora. Contudo, como gestor, você precisa adotar as medidas adequadas para manter a equipe produtiva e com estado emocional adequado. Elaboramos um texto para ajudar você nisso!

Cuidar de uma agência, mesmo em momentos seguros e de estabilidade, não é das tarefas mais simples. Imagina, então, fazer essa gestão em tempos de crise! Um tanto desafiador, não acha?

Para início de conversa, saiba que, durante essa fase, você sentirá sua empresa sendo testada. Dificuldades aumentarão, metas não serão atingidas e você não conseguirá ter controle de todas as circunstâncias. Porém, adotando atitudes inteligentes será possível contornar vários efeitos negativos.

No mais, tenha isso em mente: alguns momentos de caos são necessários para nos fortalecer e nos levar a mudar processos, deixando-os ainda melhores que antes.

Confira o texto que preparamos para ajudar você a encarar melhor as situações difíceis!

Qual o papel do gestor em tempos de crise?

Todo gestor faz papel de líder e, como tal, tem a função de conduzir bem sua equipe. Isso significa que ele deve visar fatores como produtividade, motivação e desenvolvimento pessoal e profissional. Se por um lado a agência precisa ter bom desempenho, por outro as pessoas devem estar satisfeitas e enxergarem propósito naquilo que fazem.

Em uma situação nova e angustiante (como é o atual cenário da pandemia do coronavírus), o papel do gestor é ainda mais relevante. De modo geral, a equipe tende a precisar de uma postura mais ativa e acolhedora por parte do líder. Momentos assim fazem as pessoas se sentirem perdidas. Passar mais confiança e ser mais diretivo, dizendo o que precisa ser feito, costuma ser eficiente. 

Ao mesmo tempo, o acolhimento e a empatia são importantes para que todos lidem bem com suas emoções. Nesse sentido, você não pode esquecer que o bom rendimento é influenciado, entre outras coisas, por fatores emocionais.

Por fim, o gestor precisa ter inteligência emocional e segurança para tomar decisões repentinas em ambientes instáveis, já que nem sempre o tempo será hábil para inúmeras análises.

Como deve ser feita a gestão em tempos de crise?

Uma boa gestão em tempos de crise precisa de várias atitudes por parte do gestor, de modo que a agência enfrente as mudanças trazidas. Confira nossas sugestões!

Considere a gestão enxuta

Para uma gestão mais enxuta, é preciso analisar todos os processos dentro do workflow de trabalho. Descartar os desnecessários e manter apenas os que agregam valor ao serviço será essencial. O foco é eliminar desperdícios e melhorar resultados. 

Esse pensamento também vale para as hierarquias. As equipes devem contar com certa autonomia no trabalho, o que dará mais chances à criatividade e à agilidade.

Invista em tecnologia e inovação

Planejamento e controle são mais fundamentais do que nunca em uma conjuntura de crise. Analise a possibilidade de ter mais tecnologias nas atividades. Elas são capazes de reduzir burocracias nos processos internos, facilitar a comunicação, aumentar a produtividade e evitar falhas. Um software de gestão para agências, por exemplo, acompanha de perto qualquer mudança, viabilizando intervenções mais rápidas.

Pensando em ajudar as agências nesse momento conturbado da pandemia do coronavírus, a iClips está disponibilizando uma versão especial do plano Free, exclusiva para gestão de projetos, com cadastro de usuários e projetos ilimitados. A plataforma pode te ajudar bastante a gerir e manter a produtividade mesmo com o time inteiro em trabalho remoto. Esse plano estará disponível até 30 de junho. Para acessar e começar a usar é só clicar neste link!

Analise investimentos e pense em novos

Mesmo no meio de um caos é possível encontrar oportunidades. As situações difíceis são as que mais nos obrigam a adotar mudanças e pensar em estratégias, que, muitas vezes, passam a ser nossos diferenciais competitivos. Já pensou por esse lado?

A matriz SWOT ajuda você a examinar com precisão os ambientes interno e externo da sua agência, para você obter insights preciosos de ações em cada cenário.

Administre finanças e impostos

Alguns investimentos podem ser importantes, pois, apesar dos gastos iniciais, trazem-nos lucro lá na frente. Contudo, há situações nas quais custos devem ser diminuídos. 

Nesse sentido, observe a possibilidade de alterar, por exemplo, o regime tributário do negócio. Também tenha grande atenção com todas as informações operacionais, comerciais e financeiras. Mais uma vez a tecnologia, com um software de gestão de finanças, tende a ajudar você nesse lado.

Anteveja tendências na crise

O gerenciamento de riscos é um passo relevante aqui. Esse tipo de gestão entende que qualquer incerteza é um risco e, como tal, pode ser previsto. Ele nos ajuda a encontrar problema nos projetos e nos prepara para lidar com possíveis adversidades. A prática ainda nos orienta quanto a possíveis intervenções diante de oportunidades ou cenários conturbados.

Continue com o foco em marketing

O marketing não pode ser deixado de lado, não importa o desafio no qual a agência se encontre.

Com uma crise no ambiente interno, esse investimento será a oportunidade de mudar a realidade. Caso seja no ambiente externo, como diante de uma grande epidemia, a exemplo do coronavírus, entenda que seus leads continuarão sendo alimentados e poderão tomar decisões assim que tudo se reestabelecer.

Contudo, analise, antes, possibilidades de adaptar estratégias, pois, certamente, serão fundamentais.

Capacite a equipe

Como sua equipe tem encarado toda essa questão? A gestão em tempos de crise também envolve capacitar seus colaboradores. Habilitá-los para lidar com um novo software ou capacitá-los para a aquisição de algumas soft skills são exemplos totalmente plausíveis em circunstâncias desafiadoras.

Tenha abertura e honestidade

Sua abertura e honestidade para falar sobre as dificuldades fará com que a equipe tenha mais confiança na sua liderança e nos seus investimentos. Isso pode envolver o ajuste de linguagem com todos, de modo a mantê-los mais próximos. Lembre-se: o lado humano é uma questão crucial em momentos caóticos.

Quais os benefícios de fazer uma gestão em tempos de crise?

Gerenciar é planejar, organizar, dirigir e controlar. Se tudo isso é essencial em situações normais, nas difíceis tais ações trazem ainda mais vantagens. Confira algumas!

Reduz perdas

Olhando para a realidade, algumas perdas já são esperadas, concorda? Porém, ao adotar as ações listadas anteriormente, você consegue frear esse declínio. A partir de ações cautelosas, preparamo-nos melhor e evitamos alguns efeitos negativos, como cancelamentos repentinos por parte dos clientes.

Retém talentos

Pessoas devem ser valorizadas. Os tempos difíceis ensinam resiliência e outras tantas habilidades à equipe. Manter os talentos por perto será proveitoso não só agora, mas em qualquer outra situação pela qual a agência venha a passar.

Fortalece o sentimento de equipe

A dificuldade ajuda a unir as pessoas e a aumentar o sentimento de humanidade. Isso estimula a cultura da colaboração e colabora para um clima organizacional positivo. A consequência é o interesse genuíno de cada membro em colaborar, no lugar de competir. 

Gera grande aprendizado na gestão

Todo esse gerenciamento aumentará seu poder para identificar rapidamente gargalos em processos. A competência para reestruturar o que for necessário é mais uma habilidade adquirida. Essas experiências tornarão você um gestor mais habilidoso para lidar com futuros desafios que chegarem.

Sabemos que fazer a gestão em tempos de crise é um tanto trabalhoso. São muitas preocupações e questões a serem analisadas. Contudo, entenda que a vida continuará depois do caos e investir em boas práticas agora é uma forma de se preparar para ela.

Oportunidades no pós-crise

Uma hora qualquer crise acaba e a normalidade volta a reinar. E é nesse momento que uma boa gestão em tempos de crise dá o seu maior retorno. Se nos momentos difíceis você se preocupou com o negócio de seus clientes e o ajudou a passar pelas dificuldades, saiba que terá um grande promotor da sua marca para sempre.

Além disso, se você conseguiu reter custos, manter talentos e conseguiu angariar leads no momento de crise, quanto ela passar, você terá caixa, produtividade e muitas oportunidades de novos prospects para negociar no pós-crise.

Lidar com a gestão em tempos de crise é desafiador, mas se você abraçar a luta e tentar o seu melhor o tempo todo, com certeza você sairá mais forte e preparado para todos os momentos complicados que virão.

E já que essa é uma hora de mudança de hábitos, que tal começar a usar um sistema de gestão na sua agência para melhorar seus resultados e te ajudar a passar dessa crise? Comece a usar agora o iClips Free e diminua os impactos da crise na sua agência.

New call-to-action

Ou se quiser usar nossa versão especial com projetos e usuários ilimitados até 30 de junho, clique neste link.

100.000 pessoas não podem estar enganadas
Deixe seu email e receba conteúdos antes de todo mundo

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *