Por Gabriel Camargo

Redator freelancer da Rock Content.

Publicado em 2 de março de 2020. | Atualizado em 5 de março de 2020


Utilizar o Google Analytics para negócios locais é uma prática cada vez mais necessária para quem quer destacar a sua marca nos diferentes canais digitais e, é claro, superar a concorrência. Com as estratégias adequadas e o direcionamento correto, é possível realizar tudo o que você planejou e conseguir ganhos satisfatórios.

Para quem tem o desafio de administrar uma empresa de menor porte e com uma atuação mais restrita, é fundamental saber como investir melhor os recursos disponíveis para atrair consumidores.

Com a transformação digital, essa tarefa se tornou mais fácil e um dos caminhos é o uso do Google Analytics para negócios locais.

Não importa o tamanho da sua empresa: para ter sucesso, é necessário contar com o auxílio de algumas ferramentas e soluções. Se engana quem pensa que não é preciso — ou possível — utilizar a tecnologia para, por exemplo, realizar ações de Marketing mais eficientes, reduzir o tempo com atividades operacionais ou mesmo ter grandes ganhos.

Por isso, preparamos este artigo completo sobre o auxílio que uma das principais soluções do Marketing Digital pode oferecer para a sua empresa.

Dentro do nosso guia do Google Analytics para negócios locais, vamos abordar os seguintes tópicos:

Ficou curioso e quer saber mais? Continue a leitura deste artigo para tirar todas as suas dúvidas sobre o assunto! 

 

Qual a importância de utilizar a tecnologia como aliada?

Você sabia que estudos mostram que 92% dos consumidores pesquisam por informações online dos negócios locais que eles têm interesse? Então, como ignorar esses números tão impactantes?

Cuidar da relevância e da performance das suas estratégias de Marketing Digital se tornou, portanto, essencial para ter sucesso em seu mercado de atuação.

O importante é ter a noção de que as suas ações digitais vão refletir diretamente no desempenho do seu negócio físico.

Na prática, quanto melhor for o seu trabalho nos principais canais digitais, maiores são as suas chances de atrair mais consumidores e, como consequência, fechar mais vendas.

Portanto, não se prenda ao tamanho do seu negócio local ou ao mercado de atuação: utilize a tecnologia como aliada para facilitar o seu trabalho.

Com tantas ferramentas e soluções disponíveis no mercado, é vital se aproveitar desses recursos para, por exemplo, otimizar a sua gestão de tempo, potencializar o seu plano de Marketing ou atrair mais clientes.

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.
Powered by Rock Convert
 

Qual é a utilidade do Google Analytics para negócios locais?

O Google Analytics é um exemplo desses recursos que podem ser utilizados para tornar um negócio ainda mais bem-sucedido. Mas antes de saber como encaixar o produto do Google à sua empresa, é importante é entender o cenário atual para os negócios locais quando o assunto é desempenho nos principais canais e plataformas digitais.

Não adianta se basear em números de grandes empresas e do mercado em geral para avaliar o sucesso ou fracasso das suas estratégias quando falamos em negócio local.

Quer um exemplo? De acordo com um estudo da BrightLocal, um negócio local recebe, em média, 414 visitantes únicos por mês; 13% do total recebe menos de 100 visitas ao mês.

Outro indicador importante gerado pelo mesmo relatório é referente a origem das visitas feitas pelos usuários. Em média, 50% do tráfego gerado por negócios locais é oriundo do trabalho orgânico.

Ou seja, poucos links patrocinados são utilizados de forma eficiente, assim como email marketing e redes sociais são deixados de lado.

O tempo de permanência em uma página também é vital para identificar se o que está sendo oferecido é, de fato, atrativo para os usuários que você quer se aproximar.

Segundo a BrightLocal, são cerca de 96 segundos, em média, que cada usuário gasta nas páginas de um negócio local. Com um bounce rate na casa dos 60%.

Esse último dado serve como um forte indicativo de que a maior parte dos negócios locais não está utilizado os canais digitais de forma eficiente. Por isso, é fundamental encontrar maneiras de direcionar melhor as suas campanhas e ações de comunicação e, como consequência, atrair mais consumidores em potencial e fechar mais vendas.

 

Como aplicar filtros avançados?

Que tal, então, saber como ajustar o seu Google Analytics para rastrear o tráfego que vem diretamente de buscas de locais do seu negócio?

Para facilitar essa tarefa para você, montamos um passo a passo com o que você precisa fazer para entender melhor o comportamento dos usuários que realmente interessam para você. Confira!

1º Passo: Abra a sua conta no Google Analytics e selecione “Administrador” no canto superior esquerdo da sua tela.

como aplicar filtros avançados no google analytics

2º Passo: Com essa aba aberta, selecione “Criar vista”, selecione “Website” e coloque um nome para essa vista de relatórios.

como aplicar filtros avançados no google analytics

3º Passo: Com a vista criada, é hora de aplicar os filtros necessários para que você faça uma análise baseada no tráfego de buscas locais. Clique em “filtros” e selecione o botão “Adicionar filtro”.

aplicando filtros avançados no google analytics, para negócios locais

4º Passo: Dê um nome ao filtro e selecione “Personalizado” dentro de “Tipo de Filtro”.

aplicando filtros avançados no google analytics, para negócios locais

5º Passo: Marque “Incluir” e selecione “Cidade” ou “Região” no campo de filtro.

aplicando filtros avançados no google analytics, para negócios locais

6º Passo: Escreva as regiões ou cidades que você quer limitar a sua análise da seguinte maneira: “Regiao1|Regiao2|Regiao3|Regiao4”.

7º Passo: Clique em verificar para ver como ficariam os resultados com esse filtro com base no tráfego dos últimos sete dias.

Tarefa concluída! Não é tão difícil, certo? Agora é só aplicar esse filtro de acordo com as suas preferências e necessidades para conseguir analisar melhor o público ideal para aumentar as vendas e os resultados do seu negócio.

 

Quais são as melhores fontes de insights para o seu negócio?

Você já sabe como filtrar seus relatórios, certo? Mas como tirar ações concretas das análises dessas métricas?

Afinal, os indicadores sozinhos não representam muita coisa e é preciso saber como utilizar o Google Analytics para negócios locais de maneira realmente eficaz. 

Por isso, separamos algumas dicas que podem direcionar a sua atenção para os pontos mais relevantes desse trabalho de monitoramento e, é claro, para conseguir melhores resultados. Confira!

Foque no que é importante para você

Pode parecer um conselho desnecessário, mas as diversas ferramentas e tecnologias fornecem diversas informações sobre um único site e nem sempre é simples separar o joio do trigo, certo? 

Para evitar que você se perca em meio a tantos dados, o primeiro passo é definir quais são as estatísticas mais importantes para acompanhá-las de perto e conseguir decifrar quais são as possíveis melhorias.

A mesma pesquisa da BrightLocal que mencionamos anteriormente mostra que mais da metade dos negócios locais (54%) não estabelece metas a serem alcançadas pelo desempenho das suas páginas. 

Ou seja, colocam algumas estratégias em ação e, na prática, não conseguem descobrir se os resultados melhoraram ou pioraram, por exemplo.

A boa notícia é que a própria ferramenta do Google possibilita um maior controle para quem quer monitorar suas metas de perto.

Mas por que é tão importante estipular esses objetivos? A resposta é simples: são esses indicadores que vão mostrar se as estratégias adotadas pelo seu negócio estão gerando os resultados esperados ou não.

Ficar acompanhando o desempenho da sua taxa de conversão, por exemplo, vai ajudar você a entender quais ações e páginas são realmente importantes para atrair mais consumidores em potencial para o seu negócio.

Quer um exemplo? Dados mostram que 34% das sessões em páginas de negócios locais são feitas via mobile. Com essa informação geral, você pode cruzar com os indicadores próprios da sua empresa e entender melhor qual é o comportamento da sua persona.

Identificando que essa é uma tendência dentro do seu público-alvo também, talvez seja hora de investir em um site com um design responsivo, por exemplo.

Utilize os canais mais adequados

As plataformas de comunicação também são cada vez mais variadas, porém, isso não significa que você deve investir o mesmo tempo — e recursos — em cada uma delas.

Nem todas podem ser eficientes quando o assunto é convencer a sua persona a visitar a sua loja ou deixar as suas informações de contato. Fazer uma peneira em relação aos canais que podem ser mais eficientes é, portanto, fundamental.

Como descobrir essa resposta? Simples, o próprio Google Analytics mostra qual é a origem do seu tráfego. E não estamos falando apenas do trabalho geográfico — que solucionamos no tópico anterior —, mas também das plataformas que eles vieram.

Caso a maior parte dos acessos seja via Google, você deve montar uma estratégia de links patrocinados e garantir um planejamento voltado para SEO (Search Engine Optmization).

Será que as redes sociais também não são uma fonte importante de tráfego para as suas páginas? Pensar em ações estratégias para esses canais passa a ser, portanto, outra prioridade. 

É claro que você não deve negligenciar plataformas e fontes de tráfego, mas não dá para realizar tudo com perfeição, especialmente quando falamos em equipes e orçamentos pequenos. Direcionar melhor o seu foco pode ser um diferencial.

Otimize o seu Google Analytics

Quando pensamos em Google Analytics para negócios locais, o trabalho de monitoramento não é tão simples de ser colocado em prática. Estipular filtros como indicamos acima é um passo necessários para fazer um melhor uso dessa ferramenta.

Porém, além dessas restrições, sempre procure por ações podem potencializar a eficiência e a precisão da solução do Google para o seu negócio.

Principalmente para páginas que não recebem muitos visitantes, o tráfego interno — as visitas ao site feitas pelas pessoas da sua própria empresa — acaba influenciando negativamente as suas métricas e indicadores.

Um acesso para tirar uma dúvida ou testar um novo post, não importa, acaba sendo contabilizado pelo Google Analytics e pode gerar um tráfego sem relevância para você acompanhar.

Para evitar isso, repita os três primeiros passos do tópico anterior e crie um novo filtro. Selecione “Predefinido” e marque as três opções na seguinte ordem: “Excluir” + “tráfego dos endereços IP” + “que são iguais a”. Coloque o endereço de IP dos dispositivos da sua empresa e pronto.

Agora, o seu Google Analytics vai passar a analisar o tráfego que realmente interessa para você entender o comportamento de quem você quer conquistar.

google analytics para negócios locais

Monitore e organize todas as suas ações

Para quem quer saber como priorizar as ações de Marketing e conseguir investir melhor os seus recursos disponíveis, o passo mais importante a ser colocado em prática é o monitoramento das suas campanhas.

Dessa forma, você vai, aos poucos, identificando quais são os caminhos mais indicados para conseguir, de fato, conquistar clientes para o seu negócio local.

O objetivo nessa etapa é justamente compreender como as suas ações funcionam na prática e o impacto que elas causam em seus consumidores, o que vai significar se um caminho funciona ou não. 

Criar um dashboard de métricas, por exemplo, vai facilitar a visualização daquilo que realmente importa para o crescimento do seu negócio, além de potencializar o trabalho de Marketing Digital dentro da sua empresa.

Potencializar o uso do Google Analytics para negócios locais é, portanto, uma forma eficiente de aumentar as chances de sucesso da sua empresa.

Por mais que o seu nicho de atuação seja restrito ou você não consiga atender uma região maior do que já faz, a tecnologia sempre pode tornar o seu plano de Marketing ainda mais eficiente.

Agora que você já sabe como o Google Analytics pode ser útil para potencializar o seu negócio local, que tal ficar por dentro de outras dicas com o mesmo objetivo?

Para aproveitar o melhor do seu mercado, preparamos um material sobre SEO local com todas as instruções para colocar seu negócio no topo das páginas de busca!

SEO LocalPowered by Rock Convert

100.000 pessoas não podem estar enganadas
Deixe seu email e receba conteúdos antes de todo mundo

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *