Por Gabriel Camargo

Redator freelancer da Rock Content.

Publicado em 26 de março de 2020. | Atualizado em 17 de junho de 2020


Não é só de anúncios nas redes sociais que a sua estratégia deve sobreviver. O impulsionamento também é um recurso valioso para conseguir causar impacto no seu público-alvo. Com planejamento, é possível aumentar a eficiência e os resultados das suas publicações.

Em um cenário de muita competição, é fundamental fortalecer a presença digital da sua marca nas plataformas mais utilizadas pelos usuários.

Não à toa, o Facebook Ads é uma das ferramentas mais utilizadas quando o assunto é redes sociais. Porém, outro recurso muito importante é o impulsionamento das suas publicações dentro desses canais.

De maneira segmentada, é possível impactar uma audiência ainda maior com os seus posts, sendo um recurso valioso para fortalecer o brand awareness e até mesmo captar mais leads.

Apesar dos benefícios do impulsionamento, é preciso saber utilizá-lo com cautela e precisão. Uma ação mal planejada pode não gerar os resultados esperados para o seu plano de Marketing.

Neste artigo, vamos abordar os seguintes tópicos:

Ficou curioso e quer saber como aumentar o desempenho das suas publicações no Facebook? Continue a leitura e tire suas dúvidas!

O que é impulsionamento?

O impulsionamento nas redes sociais, como Facebook e Instagram, consiste no aumento do alcance original de uma publicação em sua página.

Ou seja, em vez de impactar apenas um número restrito de usuários, esse recurso permite que o seu post seja exibido para mais possíveis interessados naquele conteúdo.

É uma forma de potencializar o que foi feito. Afinal, por mais que seja possível criar conteúdos com engajamento em suas páginas, muitas vezes pode ser importante potencializá-los.

Mesmo com uma estratégia e planejamento eficientes para a atração de tráfego orgânico, a limitação imposta pela plataforma pode ser um empecilho. De acordo com o próprio Facebook, o alcance orgânico das publicações foi reduzido nos últimos anos.

Dentro do Marketing Digital, porém, é preciso fazer com que a sua marca apareça. Além dos anúncios tradicionais, o impulsionamento é um método simples de fazer isso.

Como o seu alcance gratuito é limitado, é fundamental conhecer quais são as suas opções para, quando necessário, causar mais impacto no seu público-alvo.

Para quem deseja mais reações, comentários e compartilhamentos nas suas publicações, o impulsionamento é uma das opções mais práticas. Quando bem estruturada, não apenas aqueles usuários que seguem as suas páginas são impactados, mas também quem nunca sequer ouviu falar sobre a sua empresa.

O impulsionamento é, portanto, um recurso relevante para a sua estratégia dentro das redes sociais e deve ser levado em consideração para usos pontuais.

A partir da segmentação precisa de quem deve ser impactado e a oferta de um conteúdo relevante para esse público, os seus resultados podem ser ainda melhores, gerando mais leads, engajamento e até mesmo conversões.

Qual a diferença de criar campanha e impulsionar?

Na prática, quais são diferenças entre realizar o impulsionamento ou colocar em ação uma campanha de anúncios?

O principal deles é o objetivo final. Enquanto o primeiro busca mais engajamento e alcance, o segundo foca nas conversões. Afinal, o anúncio não vai aparecer na linha do tempo da sua página, mas em outras áreas de exposição da rede social.

Normalmente, o anúncio é utilizado para quem tem um objetivo específico para aquela campanha, como conseguir mais conversões, um verdadeiro anúncio.

Já o impulsionamento procura tornar uma das suas publicações mais impactantes, aumentando o seu alcance — uma estratégia mais utilizada para quem está querendo, por exemplo, se posicionar dentro do segmento de mercado.

Por mais que seja necessário um planejamento adequado para a execução de qualquer um dos dois formatos, seus objetivos são diferentes.

Para quem está começando, por exemplo, pode ser mais indicado impulsionar publicações do que fazer um anúncio para quem nem mesmo sabe o nome da sua empresa. Construa a reputação antes e, depois, uma campanha pode ser eficiente.

Além disso, você pode criar vários anúncios ao mesmo tempo, enquanto o impulsionamento só funciona com um post por vez.

Mesmo com uma ferramenta de segmentação, aumentar o alcance da sua publicação não tem tantas opções quanto a criação de uma campanha. Outra pequena diferença é a exposição, enquanto um vai apenas para o feed e o outro pode aparecer nas laterais.

Guia do Facebook AdsPowered by Rock Convert

Quais são as vantagens do impulsionamento?

Por que, então, o impulsionamento deve ser um recurso utilizado para fortalecer a sua estratégia nas redes sociais? Listamos algumas vantagens desse formato para que você avalie se é válido ou não ser encaixado ao seu planejamento. Confira!

Mais usuários impactados

O principal benefício do impulsionamento de publicações no Facebook é a possibilidade de impactar mais usuários. Como explicamos, o alcance orgânico é limitado pela rede social e, por isso, alguns dos seus posts devem ser potencializados. Afinal, até mesmo quem não curte a sua página pode passar a conhecer um pouco mais sobre a sua empresa.

Precisão no alcance

Nem todas as pessoas vão ser impactadas pela sua publicação. É possível segmentar o impulsionamento, aumentando as chances de alguém realmente se interessar pelo conteúdo.

O processo não é feito de qualquer maneira e pode ser importante para alcançar parte do seu público-alvo que ainda não conhecia os produtos e serviços que a sua empresa tem para oferecer.

Mais engajamento

De acordo com o Social Media Trends 2019, o principal desafio das empresas é manter o público engajado em suas páginas nas redes sociais. Quando você realiza o impulsionamento de uma das suas publicações, as chances de interação se tornam muito maiores.

Afinal, esse é um dos principais objetivos desse recurso: conseguir mais interações, comentários e compartilhamentos. Além disso, é possível fortalecer o seu processo de captação de leads, como mostramos no vídeo abaixo:

Fortalecimento da presença digital

Como consequência dos tópicos anteriores, temos mais um benefício: presença digital. Para vender mais em um cenário tão competitivo, é preciso ser conhecido.

Nada melhor do que apresentar ao seu público-alvo o que de melhor você tem para oferecer, certo? Com mais alcance, precisão e engajamento, a sua marca começa a se estabelecer como uma das autoridades dentro do segmento.

Como impulsionar uma publicação?

Acha que o impulsionamento pode ser eficiente para o seu planejamento? Os benefícios são os mesmos que você está procurando fortalecer dentro da sua empresa? Então, siga o nosso passo a passo para potencializar o alcance das suas publicações. Confira!

Escolha a publicação

O primeiro passo para impulsionar uma publicação é definir qual é a mais relevante para o seu objetivo. Afinal, você só pode potencializar um dos seus posts por vez e é preciso pensar em qual tem o conteúdo mais indicado para impactar o público desejado.

Definiu? Vá até a sua página e selecione “promover” na barra esquerda lateral e escolha “impulsionar uma publicação”.

Impulsionar publicação no Facebook

Selecione o objetivo e o público

Agora é a hora de escolher o objetivo do impulsionamento: o que aquele conteúdo deve resultar para a sua página?

Com essa resposta, escolha qual vai ser o público impactado. Essa é uma tarefa muito importante, já que a segmentação é o que vai garantir a eficácia da publicação escolhida. Ainda é possível “criar um novo público” no canto inferior direito.

Quanto melhor for a definição da sua persona, maiores são as chances do seu investimento, de fato, causar o efeito esperado. Sem a segmentação, o impulsionamento pode gerar apenas as perigosas métricas da vaidade.

Público para o impulsionamento no Facebook

Defina o investimento e a duração

Outra etapa importante é a definição do investimento. A própria ferramenta do Facebook oferece uma espécie de simulador para que você tenha uma ideia de quais são os recursos necessários para aumentar o alcance e gerar o impacto esperado na sua audiência.

A duração também é um importante fator a ser definido.

Orçamento do impulsionamento

Acompanhe o desempenho

Após a definição da publicação a ser impulsionada, a tarefa ainda não está concluída. Lembre-se de que um dos grandes benefícios do Marketing Digital é o monitoramento em tempo real.

Acompanhe de perto algumas métricas e indicadores — sempre relacionadas com o seu objetivo — e descubra o que funciona melhor, o que causou impacto e quais formatos talvez não sejam tão eficientes.

Para se destacar dentro das plataformas digitais e se diferenciar dos concorrentes, é fundamental criar uma estratégia completa.

Ou seja, por mais que impulsionamento e anúncios sejam bem diferentes, é preciso contemplar os dois formatos em seu planejamento. Cada um com seu propósito, podem otimizar as suas ações nas redes sociais e gerar melhores resultados.

Agora que você já sabe o que é o impulsionamento, a sua importância e como colocá-lo em prática dentro do seu planejamento, que tal dominar outro recurso fundamental para a sua presença nas redes sociais?

Baixe o nosso ebook sobre o assunto e descubra como otimizar suas conversões com o Facebook Ads!

Como otimizar conversões do Facebook AdsPowered by Rock Convert

100.000 pessoas não podem estar enganadas
Deixe seu email e receba conteúdos antes de todo mundo

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *