Por Kellison Ferreira

Publicado em 14 de agosto de 2019. | Atualizado em 13 de março de 2020


PHP é uma linguagem de programação voltada para a web e que tem conquistado cada vez mais adeptos. Fácil de utilizar, robusta e com melhorias constantes, ela é uma escolha certeira para quem quer trabalhar em projetos qualificados e sem complicação.

A programação é uma atividade muito valorizada e com ótima demanda no mercado, uma vez que a transformação digital é uma realidade. Para quem não tem tanto conhecimento sobre as linguagens de programação, é comum a dúvida sobre o que é PHP. Hoje, é possível dizer que ela é uma das mais valorizadas, especialmente para sites, blogs e outros canais da web.

Ao longo dos anos, principalmente pela fácil acessibilidade, a linguagem PHP ganhou muitos adeptos, formando uma comunidade grande e solidária.

Por isso, quem programa com essa linguagem consegue solucionar dúvidas, aprender mais e estar sempre em desenvolvimento. Há uma série de vantagens de utilizar PHP, o que também reforça esse cenário confortável.

Neste conteúdo, falaremos mais detalhadamente sobre o que é PHP. Você entenderá tudo o que precisa saber sobre o tema nos seguintes tópicos:

Continue a leitura e saiba mais sobre o assunto!

O que é PHP e como ele funciona?

PHP é uma linguagem de programação voltada para o desenvolvimento de aplicações para a web e para criar sites, favorecendo a conexão entre os servidores e a interface do usuário.

Entre os fatores que fizeram o PHP se popularizar bastante é possível apontar, principalmente, o fato de ser em código aberto. Isso significa que qualquer um pode realizar mudanças na estrutura dessa linguagem.

Na prática, isso representa duas coisas importantes: primeiramente, por ser de código aberto, não há restrições de uso ligadas a direitos.

O usuário pode usar PHP para programar em qualquer projeto e, depois, comercializá-lo tranquilamente. Além disso, a outra vantagem é a possibilidade de melhorias constantes no código, algo que a comunidade de programadores costuma fazer.

A função principal do PHP, na prática

Quando vemos algumas definições sobre o que é PHP, geralmente, ele é descrito como uma linguagem do lado do servidor. Na prática, isso significa que ele é aplicado na programação que acontece em um servidor da web responsável por rodar a aplicação ou, mais frequentemente, um site.

Esse trabalho prévio permite que os elementos de uma página sejam carregados antes de serem exibidos ao usuário que acessa um site, por exemplo. O código PHP é executado no servidor que, ao ler os comandos, consegue ativar todos os elementos funcionais e de interface visual do site.

Talvez, a principal aplicação da linguagem PHP, quando falamos de web, seja para estruturar sites em WordPress.

O aprendizado simples e o desenvolvimento em código aberto facilitam muito o caminho para profissionais que optam por estruturar sites utilizando a plataforma. Assim, posteriormente, configurações e edições são feitas de modo muito mais simplificado.

Em quais situações o PHP é indicado?

Não é muito difícil entender o que é PHP, mas se torna mais simples saber da sua utilidade e funcionamento quando usamos exemplos concretos de aplicações.

Basicamente, como falamos, seu uso é para a web, graças à sua capacidade de conectar servidor e interface do usuário, levando todo o código HTML.

Hoje, empresas gigantes mundiais, que fazem parte do cotidiano de qualquer um, têm o PHP como base de suas aplicações. A seguir, descubra em quais situações essa linguagem de programação é indicada e entenda melhor a razão.

Aplicações em sites

Uma das principais características do PHP é o fato de ser uma linguagem bem mais dinâmica do que a maioria das outras opções que existem.

Portanto, ela é fundamental para desenvolver sites que terão aplicações robustas e necessitam de duas coisas: tempo de resposta mais ágil e conexão com banco de dados de grande porte. Por isso, nada menos do que o Facebook usa PHP!

Na prática, a ideia no uso dessa linguagem é diminuir o tempo de carregamento das páginas, deixando o servidor trabalhar de forma leve para carregar plugins e aplicações nos sites.

Desse modo, é possível desenvolver sites com ótimo desempenho, ainda que repletos de recursos, de maneira ágil e com a garantia de sustentabilidade de desempenho em longo prazo usando PHP.

Plugins WordPress

O WordPress é mais uma grande empresa que baseia todo a programação de suas aplicações na linguagem PHP. Ela é a base dessa plataforma, o que, por si só, já ajuda a entender por que o WordPress é uma escolha cada vez mais recorrente no desenvolvimento de sites.

No entanto, PHP também é aplicado em uma parte fundamental dessa plataforma: os seus plugins adicionais!

Uma das grandes bases do WordPress, os plugins ajudam diferentes projetos a manter seus sites mais completos e com funcionalidades específicas que suportam a gestão.

Assim como a linguagem dos sites, plugins também precisam ter uma comunicação dinâmica e leve com o servidor, e é justamente por isso que PHP é a escolha ideal nesse caso.

E-commerce

As lojas virtuais têm uma necessidade muito marcante, que é a comunicação frequente com bancos de dados robustos e repletos de elementos importantes.

Powered by Rock Convert

Afinal, há muitas fotos, vídeos e outras mídias relacionadas aos produtos que são vendidos. Assim, toda vez que precisa carregar páginas, é necessário se conectar com esses bancos de dados, o que poderia pesar muito a ação.

Diante disso, PHP se torna uma ótima alternativa para escapar da possibilidade de ter um e-commerce que não seja capaz de proporcionar uma experiência de navegação satisfatória ao usuário.

Por conta disso, grandes plataformas de desenvolvimento de lojas online já usam o PHP como linguagem principal para a programação de seu back-end.

Você também pode se interessar por estes outros conteúdos!
👉 Como limpar cache DNS em poucos passos
👉 Hospedagem cloud: o que é, como funciona e suas vantagens
👉 12 melhores criadores de site do mercado

Quais as vantagens de utilizar PHP?

PHP traz uma série de benefícios que são facilmente identificados quando cruzamos suas características com as diferentes possibilidades de aplicação da linguagem.

Hoje, o mercado de programação busca profissionais que tenham expertise em aplicações web e, nesse cenário, PHP é o recurso principal, e não é à toa.

A seguir, veja algumas das principais vantagens que mostram a razão de PHP ser uma linguagem amplamente utilizada, especialmente em projetos para a web!

Aprendizado fácil

A linguagem PHP é considerada uma das mais fáceis de serem aprendidas entre as muitas opções que um programador pode e deve ter em seu hall de conhecimento.

Uma das principais razões para reforçar essa maior facilidade é o suporte que a comunidade de programadores que usam a linguagem oferecem.

Há muito material disponível, como tutoriais e apostilas online desenvolvidos pelos próprios profissionais que dominam a linguagem.

Por conta dessa comunidade muito ampla e engajada, além dos materiais, é muito simples solicitar ajuda para alguns pontos específicos durante esse período de aprendizado.

PHP também é considerada a linguagem com a curva de aprendizado mais otimizada entre todas. Ela é, na prática, vista como a mais simples.

Código aberto

Por ser uma linguagem de código aberto, PHP não gera custos para os programadores que desejam trabalhar com ela, o que é uma grande vantagem, especialmente para quem trabalha de forma autônoma.

Isso representa oportunidades de desenvolver aplicações gerais para a web, sem que após isso haja problemas legais com fundadores da linguagem.

Os programadores também podem usar o facilitador do código aberto para melhorar ainda mais o PHP, eliminando qualquer tipo de falhas, bugs ou até mesmo trabalhando a otimização de desempenho.

Essa é uma prática muito comum da comunidade da linguagem, que faz questão de compartilhar as atualizações para que todos possam usar as versões melhoradas.

Suporta uma grande quantidade de dados

Uma das principais preocupações de programadores é sobre o quão robustas serão suas aplicações web, uma vez que quanto mais recursos elas têm, mais dados passam a gerir.

Sites com uma série de detalhes visuais, e-commerces e outros projetos web de grande porte tendem a precisar carregar um grande volume de informações quando estão em atividade.

Sem PHP, seria difícil conseguir executar essas aplicações com o desempenho mínimo necessário para a experiência de navegação.

Não é difícil de entender a escolha de profissionais pelo PHP para desenvolver a maioria de seus projetos web, já que, além da facilidade de trabalho, há também as vantagens diretas de desempenho.

Compatível com os principais bancos de dados

É importante que sites também tenham um bom nível de compatibilidade com bancos de dados, já que eles são parte fundamental da estrutura.

É importante ter, mais do que isso, o dinamismo para carregar elementos das páginas com agilidade e livres de falhas. PHP facilita muito, por conta de atender bem a esses dois pontos, sem restringir a atuação da aplicação.

Entre os principais bancos de dados utilizados, PHP é compatível com:

  • Oracle;
  • MySQL;
  • Interbase;
  • SQLite;
  • Sybase.

Entender o que é PHP não foi algo muito complexo, certo? O importante é saber que essa linguagem de programação é indispensável quando falamos do momento atual, totalmente voltado para as aplicações web.

Em meio a isso, além de ser uma linguagem voltada para o segmento, PHP é de fácil aprendizado e tem uma série de outras vantagens que fazem diferença!

Você sabe o que é uma Query? Entenda como esse comando é fundamental para plataformas CMS e descubra como ele dinamiza a comunicação em consultas de bancos de dados!

100.000 pessoas não podem estar enganadas
Deixe seu email e receba conteúdos antes de todo mundo

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *