Por Laura Bernardes

Analista de Marketing na Rock Content

Publicado em 14 de novembro de 2019. | Atualizado em 14 de novembro de 2019


A partir do dia 14 de novembro de 2019, todos os criadores de conteúdo devem assinalar em suas contas se produzem conteúdos para crianças ou não. A mudança visa atender um acordo feito entre a Comissão Federal de Comércio e a Procuradoria Geral de Nova York. Entenda mais sobre os impactos da alteração!

O Youtube anunciou, nesta semana, uma importante alteração nos canais que produzem conteúdo para crianças. A partir do dia 14 de novembro, todos os criadores de conteúdo devem informar à rede se produzem conteúdos para crianças

O objetivo desta ação é garantir o cumprimento da Lei de Proteção da Privacidade Online das Crianças (COPPA, em inglês). A regra foi criada com base em um acordo entre a Comissão Federal de Comércio (FTC, em inglês) e a Procuradoria Geral de Nova York.

Para entender mais sobre a alteração e seus impactos, destrinchamos os seguintes pontos da mudança:

Continue conosco!

 

O que será alterado?

A partir do dia 14 de novembro de 2019, todos os criadores de conteúdo devem assinalar se produzem conteúdos para crianças ou não.

Em janeiro de 2020, o Youtube limitará os dados coletados em conteúdos para crianças, para atender a legislação. Isso pode impactar diretamente a monetização dos produtores de conteúdo, uma vez que não serão mais exibidos anúncios personalizados nesse tipo de vídeo. 

Recursos como comentários, notificações, clube dos canais, cards de informação ou tela final, reprodução no miniplayer, salvar na playlist serão desativados. Para ver a lista completa, clique aqui.

Caso o canal seja assinalado como “conteúdo para crianças”, além da desativação de alguns recursos, histórias, guia sobre a comunidade na página do canal, sino de notificação, salvar na playlist e salvar para assistir mais tarde, também não poderão ser usados.

 

Por que essas alterações acontecerão?

As alterações no Youtube são obrigatórias para cumprir com o acordo feito com a Comissão Federal de Comércio e a Procuradoria Geral de Nova York. Elas ajudarão o youtuber a cumprir a COPPA e outras legislações aplicáveis.

Independentemente do país de residência, a definição do tipo de conteúdo deve ser feita. Caso o criador de conteúdo não assinale, o próprio Youtube fará a marcação. Apesar de usar machine learning para identificar quais são os vídeos voltados para crianças, a plataforma afirma que o mecanismo pode apresentar erros e taxar erroneamente canais e conteúdos. 

As contas que não definirem com precisão o conteúdo dos vídeos, poderão ter problemas de conformidades com a FTC e sofrer penalidades aplicadas pelo Youtube. 

 

O que é um conteúdo para crianças?

De acordo com as orientações da FTC sobre a COPPA, um vídeo voltado para o público infantil é, resumidamente, aquele que:

  • tem crianças (por exemplo, em idade pré-escolar) como público-alvo principal;
  • tem crianças como público-alvo secundário. Um exemplo disso são vídeos de desenhos animados voltados principalmente para adolescentes, mas que também são conteúdo para crianças.

Alguns fatores devem ser levados em consideração, como:

  • a temática do vídeo;
  • se as crianças são o público-alvo ou os espectadores do conteúdo;
  • se o vídeo tem atores ou modelos infantis;
  • se o vídeo mostra personagens, celebridades ou brinquedos infantis;
  • se a linguagem do conteúdo é adequada para crianças.

Para ver a lista completa, clique aqui.

 

Como fazer a alteração na conta?

A categorização dos vídeos dependerá da quantidade de conteúdos voltados às crianças. Se o canal não tiver nenhum conteúdo com essa temática, basta que seja evidenciado no nível do canal. 

Se existirem conteúdos para crianças e outros ao público em geral, o nível do vídeo deve ser definido. Por fim, se todos os conteúdos forem voltados para crianças, deverá ser definido no nível do canal.

categorização do youtube

Para fazer a definição do seu canal e vídeos, siga este passo a passo:

  1. faça login no studio.youtube.com;
  2. no menu à esquerda, clique em Configurações;
  3. clique em Canal;
  4. clique em Configurações Avançadas; 
  5. em Público, selecione:
    • “Sim, configurar este canal como sendo destinado a crianças. Eu sempre envio conteúdo para crianças.” 
    • “Não configurar este canal como sendo destinado a crianças. Eu nunca envio conteúdo para crianças.”
    • “Quero avaliar esta configuração para cada vídeo.” 
  6. clique em Salvar.

Como você pôde ver, a sinalização do tipo de conteúdo enviado ao seu canal é imprescindível e, em caso de descumprimento, a conta pode sofrer penalidades. Sendo assim, não deixe de assinalar para a plataforma o mais rápido possível o posicionamento de sua conta.

E, para aprender mais técnicas sobre a gestão de um canal, baixe nosso guia gratuito sobre Marketing no Youtube!

Marketing no YouTubePowered by Rock Convert

100.000 pessoas não podem estar enganadas
Deixe seu email e receba conteúdos antes de todo mundo

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *