Descubra a diferença entre dados qualitativos e quantitativos e como usá-los

O uso de dados qualitativos e quantitativos é essencial para obter informações relevantes para a tomada de decisões estratégicas em uma empresa.Esses dois modelos de análise de dados são muito bem-vindos em uma estratégia de Marketing!

dados qualitativos e quantitativos

Dados qualitativos e quantitativos, você sabe qual deles é mais utilizado como uma ferramenta de análise em uma estratégia de Marketing? Antes de responder a essa pergunta, é preciso entender a diferença entre esses dois conceitos e de que forma eles são utilizados como um poderoso recurso para analisar dados.

A interpretação de dados é uma tarefa essencial para obter bons resultados em diversos setores de uma empresa, e no Marketing não é diferente. Os números apurados ajudam a entender diversos aspectos da estratégia e a tomar decisões mais certeiras, quando necessário.

Para isso, é preciso compreender esses dois métodos de análise de dados e como eles se complementam. Dessa forma, será possível aproveitar ao máximo as informações coletadas e assim, criar campanhas cada vez mais eficientes. Para demonstrar como utilizar esse recurso, preparamos este conteúdo com os seguintes tópicos:     

    Vamos lá? Boa leitura!

    Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

    Não se preocupe, não fazemos spam.

    O que é um dado qualitativo?

    Um dado qualitativo é aquele que se refere à qualificação ou a qualidade de determinada coisa ou situação. Na prática, é uma informação que representa uma característica em que podemos compreender melhor quando é expressa por meio de palavras, em vez de números.

    Seu objetivo é obter um entendimento mais profundo sobre o assunto avaliado. Se considerarmos uma pesquisa de satisfação do cliente, por exemplo, os dados qualitativos são aqueles que expressam conceitos abstratos e mais difíceis de serem quantificados, como os sentimentos, as sensações e as características do cliente.

    A coleta de dados qualitativos é importante, pois ela permite entender melhor o padrão de comportamento do consumidor. Por meio de respostas mais completas, os clientes podem expressar com mais detalhes suas impressões, o que fornece uma visão mais ampla do cenário analisado.

    O que é um dado quantitativo e sua diferença para o qualitativo?

    O dado quantitativo é aquele pode ser mensurado, ou seja, ele permite uma análise em que podemos medir a quantidade de algo. No exemplo que demos sobre uma pesquisa de satisfação do cliente, podemos obter informações como o grau de contentamento do consumidor, a nota que ele dá a determinado serviço, quantas vezes ele realizou determinada ação etc.

    A análise quantitativa é importante, pois ela permite a utilização de números. Isso facilita a visualização gradativa dos resultados, o que ajuda a entender a dimensão de um problema, e oferece a possibilidade de quantificá-lo.

    Basicamente, a diferença entre dados qualitativos e quantitativos é que o primeiro se refere à qualidade, à qualificação de determinada coisa, e é utilizado, por exemplo, para entender o padrão de comportamento do consumidor. Já o segundo se refere à mensuração de algo, ou seja, são dados que podemos classificar por meio de um valor numérico.

    Como analisar dados qualitativos e quantitativos?

    Agora que sabemos o conceito e a diferença entre dados qualitativos e quantitativos, precisamos entender como coletar e analisar as informações obtidas em cada um desses métodos. Confira, a seguir, como realizar essa tarefa.

    Análise de dados qualitativos

    Como mencionamos, a análise qualitativa é mais utilizada quando queremos analisar dados que não são facilmente mensurados. Por ter respostas mais completas e profundas, é indicado, por exemplo, para avaliar a possibilidade de sucesso de determinada campanha. Confira os principais passos.

    Escolha a metodologia de pesquisa

    Para fazer uma análise qualitativa, é preciso coletar dados. Para isso, existem diversas metodologias que podem ser aplicadas, entre elas:

    • etnografia: é feita pela observação da pessoa ou de um grupo de pessoas, sem a necessidade de interagir com ele;
    • pesquisa participativa: há a participação da pessoa ou do grupo analisado;
    • entrevistas: feita com uma ou mais pessoas para que elas falem a sua opinião sobre o tema analisado.

    Crie categorias

    Com os dados coletados, é preciso fazer a análise dos resultados. Esse processo é feito em etapas. A primeira delas é o agrupamento e a redução de dados. Para isso, crie categorias, pois elas ajudam a organizar e a agrupar informações semelhantes.

    Faça associações

    As categorias podem se relacionar entre si, pois os dados podem ser hierárquicos e fazer parte de um grupo maior. Por isso, é importante fazer associações ou segmentações para entender a relação entre eles e facilitar a filtragem das informações.

    Cruze as informações

    O cruzamento de dados é importante para refinar ainda mais o resultado. Na prática, é preciso considerar aqueles que realmente são importantes para a análise.

    Defina o formato de apresentação do resultado

    Escolha qual será o formato de apresentação do resultado obtido. Geralmente, em análise de dados qualitativos, é importante produzir relatórios com informações mais detalhadas que contenham, por exemplo, trechos de respostas obtidas que reforcem a análise realizada.

    Vale ressaltar que a conclusão é o momento de analisar o resultado do cruzamento dos dados e interpretar as informações obtidas. Nessa etapa, é importante avaliar se o resultado obtido está de acordo com o objetivo da análise.

    Análise de dados quantitativos

    A análise quantitativa é mais utilizada para mensurar dados. Ela é indicada para avaliações estatísticas, ou seja, quando queremos saber a quantidade de algo para acompanhar métricas e indicadores, por exemplo. Veja os passos para esse tipo de análise.

    Colete os dados

    A coleta de dados para a análise quantitativa pode ser feita por meio de questionários, que podem ser aplicados em formulários ou com o auxílio de ferramentas apropriadas. Vale ressaltar que as perguntas devem estar de acordo com a finalidade da pesquisa e também é possível utilizar dados de uma base já existente.

    Analise os resultados

    Existem diferentes formas de avaliar os dados coletados. Uma delas é por meio da tabulação de dados, em que é feita uma comparação entre os resultados para avaliar e computar a ocorrência de cada um.

    Faça a apresentação

    A apresentação de dados quantitativos pode ser feita por meio de um dashboard com a demonstração da ocorrência de cada indicativo e seus respectivos valores apurados.

    Como usar os dados quantitativos e qualitativos na estratégia de Marketing?

    Em uma estratégia de Marketing, os dois modelos de dados são importantes e se complementam. Por isso, é essencial entender como utilizá-los para desenvolver, por exemplo, campanhas de publicidade e obter os melhores resultados com elas. Confira os passos, a seguir.

    Identifique o dado mais relevante para o que se pretende alcançar

    Em uma estratégia de Marketing, não é possível trabalhar com suposições, ou seja, não podemos simplesmente achar que a tarefa de criar um blog será o suficiente para aumentar a visibilidade da marca. Na realidade, essa atividade faz parte de um conjunto maior de ações para conquistar esse objetivo.

    Na prática, primeiro, precisamos definir uma persona, o que requer uma pesquisa detalhada sobre o seu perfil. Isso é necessário, pois precisamos saber quais são as dores e as necessidades do nosso público-alvo para que a estratégia de Marketing de Conteúdo foque a resolução desses problemas e possa atrair o cliente para a marca.

    Para isso, a realização de pesquisas e a definição do que será avaliado é fundamental. Nesse cenário, os dois formatos de análise de dados se complementam, pois precisamos entender padrões de comportamento da persona e quantificar determinadas características, como a quantidade de mulheres e homens, qual o percentual por range de idade etc.

    Utilize ferramentas e recursos

    A transformação digital em que vivemos atualmente trouxe diversas ferramentas que facilitam o processo de análise. Por isso, contar com o auxílio da tecnologia nesse momento ajudará bastante a ter mais agilidade e obter maior precisão nos dados analisados.

    Existem ferramentas de automação de marketing que são extremamente úteis para realizar a análise de dados qualitativos e quantitativos. Elas oferecem funcionalidades que permitem monitorar, por exemplo, a taxa de abertura de Email Marketing, quais botões foram clicados em uma landing page e muito mais.

    Entre as ferramentas de automação de marketing disponíveis no mercado, estão o MailChimp, RD Station Marketing e muitas outras. Portanto, elas representam um poderoso recurso para auxiliar a empresa em sua estratégia de Marketing Digital.

    Utilize técnicas e métodos

    Como mencionamos, as análises de dados quantitativas e qualitativas não precisam ser utilizadas separadamente, pois elas se complementam em diversas situações. Em uma estratégia de Marketing, é preciso estabelecer qual o objetivo da pesquisa para escolher a técnica e o método que será utilizado para obter as informações desejadas.

    Vale ressaltar que elas também podem ser utilizadas separadamente. A análise quantitativa, por exemplo, é uma excelente alternativa para conhecer a jornada do cliente pelo funil de vendas ou para criar um mapa de calor, afim de identificar as áreas que mais atraem as pessoas em um site.

    Os dados qualitativos e quantitativos são essenciais para a análise de diferentes cenários e situações, como para ajudar a entender padrões de comportamentos do consumidor e em muitas outras atividades necessárias em uma estratégia de Marketing. Além disso, existem diversas ferramentas tecnológicas que facilitam o desenvolvimento dessa tarefa.

    Por falar em tecnologia, que tal ler um pouco mais sobre o assunto? Então, confira o nosso post sobre por que transformar dados em informações é essencial para a tomada de decisões estratégicas!

    Compartilhe
    facebook
    linkedin
    twitter
    mail

    Inscreva-se em nosso blog

    Acesse, em primeira mão, nossos principais posts diretamente em seu email

    Posts Relacionados

    Quer receber mais conteúdos brilhantes como esse de graça?

    Inscreva-se para receber nossos conteúdos por email e participe da comunidade da Rock Content!