Por Ivan de Souza

Analista de Marketing na Rock Content.

Publicado em 11 de maio de 2020. | Atualizado em 11 de maio de 2020


O RH tem um papel que vai muito além de fazer processos de recrutamento e seleção em agências. O setor pode atuar de forma estratégica na retenção de talentos, manutenção do clima organizacional, comunicação interna e outras vertentes.

Você já parou para pensar na importância da gestão de RH para uma agência de comunicação? As atribuições desse setor vão muito além dos processos de recrutamento e seleção, podendo contribuir, inclusive, com a realização de testes de temperamento nos colaboradores, por exemplo.

Porém, por não ser uma área ligada diretamente às atividades-fim desenvolvidas por esse tipo de empresa, geralmente ela é pouco valorizada e reconhecida. Por conta disso, as agências que têm uma boa gestão de RH e enxergam esse setor de forma estratégica tendem a ter mais resultados positivos.

Com um RH estratégico, todas as demais áreas de um negócio funcionam melhor, fazendo com que os indicadores de desempenho cresçam de forma saudável. Continue a leitura e saiba mais.

Veja quais são as principais funções do setor de RH em uma agência

Quando falamos em Recursos Humanos, a grande maioria das pessoas pensa em processos seletivos para contratação de novos funcionários ou tarefas burocráticas, como a elaboração de folhas de pagamento e cálculos de horas trabalhadas.

É claro que o RH realiza essas funções, mas, com o uso de softwares de gestão, muitas das atividades burocráticas são automatizadas. Dessa maneira, o setor se torna mais estratégico e pode contribuir muito para diversas outras atividades.

Observe, a seguir, algumas das principais funções do setor de RH em uma agência e veja como as suas atribuições são relevantes quando bem-exploradas.

Retenção de talentos

O RH pode desenvolver um conjunto de ações e políticas para que os colaboradores se mantenham engajados com a agência. Isso é muito importante, tendo em vista que os processos de contratação e demissão custam caro.

Além disso, os funcionários novos levam um tempo para se adaptar ao novo emprego e conquistar uma boa produtividade em suas tarefas. É por isso que reter colaboradores é tão importante e os profissionais de RH têm a expertise necessária para isso.

Entre os programas de retenção que podem ser desenvolvidos, está o oferecimento de benefícios, a criação de metas de evolução profissional, a realização de eventos de integração etc.

Manutenção do clima organizacional

Os especialistas em RH também podem contribuir na gestão para agências desenvolvendo ações que proporcionam uma melhora no clima organizacional. Isso é importante para que o ambiente seja agradável e harmonioso.

Entre as possibilidades, estão ações de comunicação interna para que as políticas e ações da agência sejam transparentes. Isso é essencial para acabar com picuinhas, fofocas, “puxadas de tapete” e outras ações comuns no meio corporativo, porém pouco saudáveis para o desenvolvimento das empresas.

Definição de planos de carreira

Também é interessante definir planos de carreira para os colaboradores, sendo que essa é uma medida importante para reter funcionários e mantê-los motivados. Um estagiário que inicia no setor de criação, por exemplo, pode ter a sua jornada na empresa traçada até que se torne um diretor de arte.

Os estrategistas de RH podem elencar para cada colaborador quais são os passos que eles precisam dar para serem promovidos e dar uma estimativa de tempo para que isso aconteça. Assim, todos os funcionários sempre continuarão estudando e aperfeiçoando habilidades a fim de alcançar vôos mais altos dentro da agência.

Realização de treinamentos

Os treinamentos são muito importantes, sobretudo em uma área tão dinâmica como a comunicação, que tem novidades surgindo quase diariamente. Quem trabalha com marketing digital, por exemplo, não pode parar de estudar e acompanhar as novidades, uma vez que novas ferramentas, redes sociais, estilos de conteúdo, entre outras coisas, são lançadas cotidianamente.

Nesse sentido, o RH também pode ajudar realizando capacitações. Os responsáveis pelo setor devem acompanhar os trabalhos realizados na agência de comunicação e verificar quais são as demandas levantadas pelos colaboradores.

Se for diagnosticado que os redatores precisam melhorar a questão de ortografia e gramática, por exemplo, o RH pode providenciar a contratação de um professor de língua portuguesa ou curso online. Assim, será proporcionado um treinamento para que eles desenvolvam essa habilidade.

Coleta de feedbacks

Também é uma função do RH fazer a coleta de feedbacks dos trabalhos realizados pelos colaboradores. Para isso, o mais recomendado é ouvir os gestores de cada setor da agência para verificar o desempenho dos profissionais que atuam em suas equipes.

Se um funcionário tiver muitos feedbacks negativos, talvez seja interessante verificar o que está ocorrendo para que sejam tomadas as medidas cabíveis em direção à solução do problema.

Admissão e demissão de funcionários

Finalmente, uma das mais clássicas funções da gestão de RH é a admissão e demissão de funcionários. Sempre que abrir uma vaga, os especialistas do setor poderão criar processos de recrutamento e seleção para encontrar os melhores profissionais para a agência.

Quando for necessário demitir colaboradores, independentemente da motivação para tal, o RH também sabe como proceder de maneira legal, fazendo os cálculos dos valores que devem ser pagos ao demitido, por exemplo.

Entenda a importância da gestão de RH nas agências de comunicação

Assim como em empresas de outras áreas, é muito relevante que as agências de comunicação tenham uma boa gestão de RH. Alguns teóricos da área fazem uma analogia ao corpo humano, dizendo que o RH é o coração da empresa. Essa metáfora é bastante real, sobretudo se pensarmos que é desse setor que partem as iniciativas para que as organizações se mantenham vivas.

Ao ter um RH estratégico e eficiente, as agências de comunicação não só conseguirão contratar os melhores colaboradores para formar as suas equipes, mas também mantê-los ativos e engajados, evitando uma grande rotatividade. Isso é essencial para atender bem aos clientes.

Esperamos que você tenha compreendido como funciona a gestão de RH em agências de comunicação. Desse modo, terá subsídios para aplicar essa prática no seu negócio. É válido mencionar que esse setor também pode ser estratégico para evitar que aconteça um comportamento que deve ser evitado em agências: o efeito manada. Leia nosso artigo que fala sobre esse assunto e fique por dentro das melhores práticas.

100.000 pessoas não podem estar enganadas
Deixe seu email e receba conteúdos antes de todo mundo

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *