Por Autor Convidado

pela Rock Content.

Publicado em 12 de setembro de 2020. | Atualizado em 23 de setembro de 2020


A Jornada do Herói traz uma trajetória que começa no chamado de uma aventura e vai até a recompensa após cumpri-la com sucesso. Mas, que conexão isso tem com marketing e vendas? Para saber a resposta desta pergunta, confira este post escrito pela equipe da Hubify!

Quem não gosta de uma boa história, não é mesmo? Os livros e filmes importantes meios de entretenimento para nós, mas você sabia que isso também pode ser viável no mundo dos negócios?

Isso é possível com a Jornada do Herói, que é um conceito antigo do livro “O Herói das Mil Faces”, de Joseph Campbell.

Dessa forma, elaboramos este artigo como guia para direcionar alguns insights sobre como esse conceito é aplicado, em busca de melhores resultados nos negócios. Boa leitura!

Como funciona a Jornada do Herói?

A jornada do herói é composta por fases que fazem o leitor se identificar com aquele momento, a partir da persuasão e criatividade. Isso é semelhante aos conceitos que contemplam o marketing.

Por isso, vamos conhecer cada fase e suas características. Confira!

Mundo comum

É o primeiro passo e mais recente, com informações rasas sobre o personagem, como e onde vive, com quem se relaciona, seu cotidiano, qualidade e defeitos, personalidade. Transmite sensação de conforto e tranquilidade, pode viver sem medo dos perigos ao redor.

É o dia a dia do cliente ou persona, em que surge um problema para ser solucionado.

O chamado à aventura

Nesse momento, surge o primeiro conflito e o herói é tirado de sua zona de conforto para vivenciar novas situações. É comum ter uma motivação para que o personagem aceite a proposta, mas ele precisa de um tempo pra compreender por que foi chamado, e se vai aceitar.

Isso pode ser um exemplo do reconhecimento do problema e busca por soluções.

Recusa do chamado

Esse desafio pode ocasionar medos e conflitos, então, em um primeiro momento, é comum recusar. Aqui, facilidades como conforto e segurança entram em jogo, o que faz com que ele escolha permanecer nessa posição.

Outros fatores podem ser a falta de confiança e autoestima, que fazem ele se sentir inferior e despreparado. Depois, isso passa e o herói não consegue resistir ao chamado.

Isso se assemelha ao momento que surge certa resistência do cliente, e cabe a você encontrar uma nova solução.

Encontro com o mentor

Chegou o momento do “empurrão” de seu mentor como autoridade, que ajudará a enfrentar tal desafio. Pode ser um conselho, treinamento ou até poderes sobrenaturais.

O mentor é a marca, que deve transmitir a confiança necessária e conteúdos relevantes na jornada de compra.

A travessia do primeiro limiar 

É a hora do herói cruzar a fronteira do seu mundo ao desconhecido, ele assume seu papel e larga a vida antiga para encarar os desafios.

Semelhante ao momento em que o cliente supera seus limites, para ter um novo olhar sobre a solução.

Provas, aliados e inimigos

Durante o caminho, começa a surgir alguns conflitos menores para reafirmar a capacidade e maturidade do herói, sem ajuda do mentor.

Essa fase é como a superação de receios do cliente, que são compreensíveis.

Aproximação da caverna secreta

Não é só as aventuras que contam, também é importante ter um momento de recolhimento e reflexão para pausar sua jornada, antes de enfrentar o grande vilão.

Podemos relacionar com o momento pré-decisão de compra, sendo necessário conferir se o seu material é relevante para as dores do cliente.

A provação

Agora chegou o momento mais desafiador da jornada, em que o herói passa por um teste de “vida ou morte” contra seu antagonista. É a busca pela conclusão de compra do cliente.

A recompensa

Após derrotar o inimigo, é hora de ser recompensado, se tornando alguém mais forte. Se achou parecido com o momento de conversão do lead, você acertou!

O caminho de volta

Apesar de ser vitorioso, é preciso voltar com cautela e reflexões sobre a jornada. Aqui, é a volta com o pós-venda, em que a solução da sua empresa transformou a vida do cliente, assim ele poderá solucionar um problema.

A ressurreição

Essa etapa é como se fosse o da clímax da jornada. O herói precisa superar mais esse obstáculo para alcançar a aprovação final de que é vitorioso, e ele consegue.

O retorno com o elixir

Finalmente, ocorre o desfecho merecido, o herói é reconhecido com sucesso e traz novidades, assim a moral da história é elaborada.

Qual sua relação com o aumento de vendas?

Agora que você conheceu todas as fases, ficou mais fácil entender a relação da jornada do herói com o marketing, não é?

Com ênfase para o marketing de conteúdo, que utiliza storytelling e está crescendo cada vez mais. Basta adequar cada fase, de acordo com o seu produto e a persona, para que o seu cliente se inspire nos desafios abordados, tendo sua marca como solução.

Vale a pena ressaltar que ele vai além dos desafios, pois o cliente como foco, você pode estimular diferentes abordagens do conteúdo. Que tal demonstrar um case de sucesso, ou como sua empresa pode ser útil para o público? Isso pode ser feito a partir de recursos visuais e algumas fases da jornada.

Além disso, as práticas de copywriting também se adequam bastante a essa metodologia, com conteúdos relevantes e que cativem o leitor, por meio da persuasão, técnica essa que é base da jornada do herói.

Alguns exemplos práticos que podem ser utilizados são os materiais de vendas como landing pages, depoimentos, cases de sucesso e muito mais!

Espero que tenha gostado e solucionado suas dúvidas! Agora é só colocar em prática para produzir suas estratégias, cada vez mais próximo do seu público-alvo. 

Se você tiver interesse em saber mais sobre o assunto, leia nosso artigo sobre como utilizar storytelling para aumentar a conversão e o engajamento.

100.000 pessoas não podem estar enganadas
Deixe seu email e receba conteúdos antes de todo mundo

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *