Temporada de compras de 2022 traz mudanças no comportamento do consumidor, segundo pesquisa

marketing temporada de compras

As festas de final de ano estão chegando e, portanto, as compras para as festividades também. Especialmente neste ano, as pessoas começaram a fazer suas compras mais cedo do que nos anos anteriores. De acordo com o Think With Google, 26% dos consumidores já começaram as suas compras de final do ano, seja realizando a primeira compra, buscando inspiração para tomar a decisão ou iniciando a lista de presentes. 

Mas, apesar da antecipação, o orçamento está mais baixo. As buscas por “bom e barato” cresceram 40% esse ano, ainda de acordo com o Think With Google.

Por isso, preparamos algumas dicas para que você entenda a jornada de compra dos consumidores nesse trimestre e saiba como se preparar para motivar, inspirar e estar disponível na hora certa para fazer um bom negócio.

No último Natal tivemos pandemia

A busca pelo presente ideal começou cedo e será longa. O motivo é o impacto que a pandemia teve nas compras dos últimos dois anos, na variação dos preços e na disponibilidade dos produtos. Os consumidores já estão pesquisando com antecedência para garantir que vão conseguir comprar na melhor oferta, sem preços flutuantes e de acordo com o budget disponível.

De acordo com uma pesquisa feita pela Retail Dive, 83% dos consumidores entrevistados relataram aumento nos preços dos produtos que geralmente compram no final do ano. Assim, grande parte irá mudar a forma que fazem as compras nesse período para mitigar o efeito do aumento dos preços. 

Para além dos descontos, que é o mais esperado pelo consumidor, oferecer entrega grátis e rápida, facilidade de troca e devolução e estoque disponível também são ferramentas para chegar à melhor oferta disponível.

De acordo com uma pesquisa realizada pelo Think With Google, 75% das pessoas que farão compras online na temporada de final de ano pretendem comprar de empresas que oferecem entregas grátis. 

Mais do que nunca, se faz necessário ficar de olho nesse comportamento e estar preparado para oferecer descontos e vantagens no momento certo.

Conteúdo, como sempre, é tudo.

Os consumidores que já começaram suas pesquisas de final de ano, mas ainda não efetivaram a primeira compra, além de aguardar a oferta ideal, estão também buscando inspirações e ideias de presentes. Afinal, não é tão fácil assim preparar uma lista de presentes, principalmente em um ano em que todos estarão finalmente reunidos.

Um dado do último ano para levar em consideração é o uso de diferentes canais para realizar as pesquisas antes de efetivar a compra. 54% dos consumidores usaram 5 ou mais canais – mecanismos de busca, vídeos e mídias sociais – para pesquisarem as compras da temporada em um período de dois dias.

Os consumidores querem encontrar muito além de uma foto do produto, mas entender o lifestyle, o funcionamento, prós e contras e a sensação de ter o produto antes mesmo de tê-lo. As marcas e os varejistas podem ter essa estratégia entre canais como a maior ferramenta para motivar os consumidores a efetuarem as compras.

Uma dica é se atentar a conteúdos orgânicos gerados por blogs, influenciadores e clientes reais, entenda o que está sendo falado da sua marca e produto para que essa seja mais uma ferramenta para convencer o consumidor.

Neste Natal, surpreenda

O cenário econômico fez com que os consumidores passassem a escolher as compras a dedo, podendo deixar de escolher entre as marcas favoritas por conta do preço. Por isso, a Black Friday será a melhor oportunidade para oferecer as ofertas tão esperadas para quem já está com a lista pronta e convencê-los a comprar o produto da sua marca.

É importante considerar que algumas pessoas utilizam a Black Friday para outras compras que já vinham pesquisando ao longo do ano. Portanto, podem deixar os presentes de Natal para a última hora e uma próxima compra.

Uma nova pesquisa da Gartner mostra que 75% dos consumidores não esperam ver tantos descontos do que no mesmo período do ano passado. A Black Friday pode ser o momento certo de surpreender e fazer com que o cliente tenha motivos para realizar uma nova compra com você.

Um cupom de desconto para a próxima compra ou cashback pode ser o fator que fará com que ele volte ainda neste trimestre.

Tempo é tudo. As pessoas que deixam tudo para a última semana provavelmente começarão a desconsiderar encontrar o melhor preço. Mas ainda sim é um bom momento para oferecer entrega grátis e rápida para a data esperada ou até mesmo começar a direcionar os clientes para as lojas físicas. 

Conseguir entregar o produto quando o cliente precisa também é um fator determinante para a confiança e fidelização do cliente.

Para finalizar

O trimestre promete ser bem aquecido. Com os consumidores se antecipando, as marcas e os varejistas vão passar por um período bem equilibrado de vendas, visto que as compras começaram ainda em setembro. Com uma boa oferta – não apenas preço, mas velocidade e qualidade – é possível antecipar algumas compras para outubro.

Mas é importante se adequar: os consumidores estão mais exigentes tanto na qualidade do produto quanto no preço. E, para isso, é necessário estar em todos os canais para convencer. Vale destacar que antes de efetivar a compra, o consumidor está buscando inspiração e ideias para presentes, e a marca que oferecer isso a ele estará um passo à frente.

Quer continuar atualizado com as melhores práticas de Marketing? Então se inscreva na The Beat, o boletim interativo da Rock Content. Lá, você encontrará todas as tendências que importam no cenário do Marketing Digital. Vejo você lá!

Compartilhe
facebook
linkedin
twitter
mail

Inscreva-se em nosso blog

Acesse, em primeira mão, nossos principais posts diretamente em seu email

Quer receber mais conteúdos brilhantes como esse de graça?

Inscreva-se para receber nossos conteúdos por email e participe da comunidade da Rock Content!