Não deixe o dinheiro ser um obstáculo à sua carreira freelancer — 3 fatos que comprovam

dinheiro como obstáculo à carreira freelancer

Desde que comecei a trabalhar com uma Comunidade de freelancers, me surpreendi com a quantidade de profissionais que já consideraram iniciar uma carreira autônoma, mas nunca o fizeram.

Tornar o próprio trabalho independente, ir em busca de ganhos maiores é o sonho de muitas pessoas que, neste momento, estão paralisadas na carreira.

Mas, então, por que não estão pipocando novos freelancers por todos os lados agora?

Ganhos maiores sempre vêm acompanhados de riscos maiores. E é compreensível que as pessoas desistam ao pensar neles. Ser freelancer é ser empreendedor, não há como fugir disso.

No entanto, ao pesquisar mais a fundo, percebi que muitas pessoas acreditam não ter dinheiro para começar a própria carreira freelancer.

Cursos, branding, site, marketing, eventos, softwares etc. Tudo isso deve ser bancado por si mesmo, e a ideia de gastar mais dinheiro em um momento econômico delicado pode ser assustadora!

Por isso, se o capital inicial é uma coisa que te preocupa ao começar uma carreira freelancer, tenha os fatos a seguir em mente:

Você pode fazer 100% do trabalho só com ferramentas grátis

Vamos supor que você é um freelancer de Produção de Conteúdo: redator, revisor, planejador de conteúdo ou jobs relacionados. Segue a lista das ferramentas que você mais vai utilizar que são totalmente gratuitas ou com funcionalidades grátis viáveis para trabalhar.

Garanto que você pode fazer um trabalho excelente e não vai precisar de mais do que os apps listados a seguir. É claro, opções pagas existem, mas o essencial não depende delas:

Além disso, se você quer criar um site ou portfólio, há também um monte de opções profissionais grátis, ainda que você não saiba nada de programação ou design!

  • WordPress: construtor de sites e blogs open source.
  • Medium: plataforma de blogging e mídia social.
  • Pixabay: banco de imagens de qualidade com licença para utilização comercial.
  • Canva: aplicativo de design online intuitivo e com muitos templates prontos.
  • GIMP: software open source de edição de imagens, comparável ao Photoshop e outros apps relacionados.

Não há nada que, utilizando esses recursos, não possa ser feito no mundo do Marketing de Conteúdo. E eu poderia fazer outra lista com ainda mais opções, que são intermináveis.

Ainda que você eventualmente decida gastar um pouco com uma hospedagem para seu site site, um domínio ou alguma ferramenta mais robusta, ainda sim continuará utilizando boa parte das citadas acima. Aqui na Rock Content não é diferente, assim como em qualquer lugar do mundo.

A sua receita inicial pode te dar o necessário

Para ser um freelancer, não é preciso pensar em como vender os seus serviços para todo mundo.

O segredo, na verdade, está em encontrar um cliente de cada vez. Afinal, você não vai chegar ao centésimo cliente sem passar pelo primeiro, não é mesmo?

Se você quer reduzir riscos ao começar a carreira, não é preciso abandonar a vida que você tem.

Tente estabelecer um portfólio de clientes aos poucos, pelo menos até que seu negócio possa cobrir os próprios custos tranquilamente. Assim, você poderá corrigir erros aos poucos, encontrar fragilidades no seu modelo de negócios e testar muitas alternativas.

Uma maneira excelente de começar é utilizando uma plataforma de freelance. Aqui na Rock Content, por exemplo, você precisa só precisa tirar o nosso certificado (grátis) e prestar uma candidatura rápida.

Assim que aprovado, o freelancer começa a receber tarefas imediatamente. Ou seja, vencida essa barreira inicial, você poderá se conectar aos seus primeiros clientes.

E isso não é exclusividade da Rock Content. Várias outras plataformas também têm sistemas parecidos ou, se você preferir, pode encontrar clientes em mídias sociais como Linkedin e Facebook.

Faça o teste e, dessa maneira, você pode ter um negócio rodando de maneira sustentável sem abrir mão da segurança de um emprego ou outro trabalho.

Dinheiro pode ser economizado

É verdade que muitas coisas podem ser criadas gratuitamente. No entanto, tudo isso tem um custo em tempo e trabalho.

Em outras palavras, isso significa que tudo pode ser feito com menos custos, desde que você faça um investimento suficiente de tempo e dedicação própria.

Por exemplo, para conseguir clientes, você quer criar um site. Para isso, você pode:

  1. contratar alguém para fazer isso por você — que é a alternativa mais rápida e com maiores custos em dinheiro;
  2. aprender a fazer você mesmo, trocando o investimento em dinheiro pelo investimento de tempo e trabalho.

Evidentemente, você não precisa fazer tudo sozinho. Nem sempre isso é saudável. Mas alguns conhecimentos serão estratégicos e fundamentais no longo prazo.

Portanto, a maior lição sobre esse fato é que em muitos casos você poderá trocar tempo por dinheiro. Se você estiver lucrando o suficiente, pode investir em recursos para acelerar o seu trabalho. Se tiver tempo ocioso, pode economizar dinheiro aprendendo sozinho.

Conclusão

De fato, dinheiro e saúde financeira devem ser uma preocupação profissional. No entanto, esses fatos servem para comprovar que o maior obstáculo para você investir em uma carreira independente é psicológico, não material.

O dinheiro pode ser um obstáculo? Sim, mas na maior parte dos casos não é o que parece. Tampouco ele é a solução para todos os problemas. Começar o próprio negócio (e mantê-lo funcionando) pode ser muito mais barato do que você imagina.

Portanto, se você sente que dinheiro é a única coisa que falta para começar de vez uma carreira freelancer, faça uma pesquisa mais detalhada — e encontrará mais oportunidades que imagina.

E, se de alguma forma esse artigo foi útil para você, que tal arriscar e pensar em fazer o seu primeiro freelance? 🙂

Se tiver dúvidas, deixe-as nos comentários e terei prazer em responder!

Até logo!

Compartilhe
facebook
linkedin
twitter
mail

Gostou deste conteúdo?

Envie-o para seu e-mail para ler e reler sempre que quiser.

Posts Relacionados

Checklist Rock Content para um texto campeão

alt Edmar Ferreira
jan 14, 14 | Leitura: 3min

Organização pessoal: como o método GTD te ajuda com essa habilidade?

alt Comunidade Rock Content
dez 14, 20 | Leitura: 10min

Os melhores conteúdos para sua carreira freelancer, direto na sua caixa de entrada

Inscreva-se para receber no e-mail conteúdos exclusivos e em primeira mão.