Entrevistas no Marketing de Conteúdo: como aprimorar um conteúdo avançado que você respeita

Saber estruturas entrevistas no marketing de conteúdos pode parecer um pouco confuso, mas calma que aqui te explico como fazer!

entrevistas no marketing de conteudo

Se você é um freelancer de longa data, provavelmente já teve que trabalhar com artigos complexos tanto na temática quanto na buyer persona. E, às vezes, para garantir que a qualidade de assuntos extremamente técnicos a estratégia mais viável é entrevistar vários especialistas. Este especialista pode ser o próprio cliente, ou algum outro profissional indicado por ele.

O objetivo de contar com uma entrevista é facilitar a redação do texto, fornecendo uma referência extra. Mas por que será que alguns tipos de conteúdos demandam entrevistas e outros não?

Neste post, você vai entender melhor como funciona a entrevista para textos de Marketing de Conteúdo e por que deve contar com ela para construir um material épico! Está preparado?

Quem precisa de conteúdo com entrevista?

Você já deve saber que a produção de qualquer conteúdo demanda bastante pesquisa, por mais que você conheça bem aquele tema. Isso porque o embasamento em depoimentos de especialistas e visões diferentes sobre o tema enriquecem o texto, trazendo mais credibilidade ao conteúdo publicado.

Dessa forma, o embasamento extra que as entrevistas proporcionam não possuem contraindicação. No entanto, existem alguns tipos de situações nas quais esta demanda se faz ainda mais necessária:

Personas complexas

Imagine que sua persona é o CEO de um renomado banco, possui MBA em Gestão Empresarial e uma rotina marcada por reuniões de negócios, elaboração de metas estratégicas e pesquisas sobre tecnologias/transformações da pós-modernidade. Como seria escrever para alguém com este perfil?

Dependendo do nível de conhecimento e tecnicidade que nossa persona tem na sua área de atuação, só conseguimos conversar com ela por meio de um conteúdo baseado em entrevistas, já que é preciso trazer informações muito inovadoras para fazê-la aprender com seus materiais e avançar no funil de vendas.

Assuntos complexos

Você pode precisar de uma abordagem mais didática para lidar com assuntos excessivamente técnicos, complexos ou polêmicos, principalmente quando não tem muita familiaridade com eles. Neste contexto, profissionais e autoridades no tema podem contribuir com diversos tipos de analogias, experiências e conhecimentos relacionados ao seu segmento de atuação durante uma entrevista.

Clientes com necessidades específicas

Mesmo que a persona e os temas a serem tratados não sejam tão complexos, existem algumas particularidades que podem sugerir a necessidade de uma entrevista, em virtude do perfil do cliente que solicita o conteúdo. A exigência em relação à personalização do texto, o tipo de autoridade que se pretende atingir e a flexibilidade necessária ao processo de produção dos conteúdos são alguns exemplos dessas características.

Assuntos com abordagens específicas

Aqui na Rock, produzimos textos com títulos que variam desde “O que devo fazer para aproveitar melhor minhas férias” até “(X) modelos de bombas hidráulicas para esgotamento de açudes”, voltados para diversas etapas do funil de vendas. Alguns deles são bem fáceis de redigir e encontrar referências online, enquanto outros são muito técnicos, focados em um grupo distinto de leitores.

Para falar de assuntos sobre os quais não há muitas fontes disponíveis na internet, precisamos contar com uma referência extra e, por isso, é preciso cogitar o uso de entrevistas nestes casos.

Por que o Marketing de Conteúdo precisa de entrevistas?

O objetivo da entrevista é, acima de tudo, entender melhor sobre o assunto com a ajuda de um especialista e, nos casos de conteúdos voltados para o meio e fundo de funil, captar o ponto de vista da empresa para registrá-lo no texto, personalizando o conteúdo.

O cliente é, sem dúvida alguma, a pessoa mais indicada para falar adequadamente sobre seu próprio negócio, bem como seus diferenciais e serviços, certo? Não é à toa que é o time de Conteúdo Avançado que realiza entrevistas e produz conteúdos de fundo de funil aqui na Rock. Sendo assim, o ideal é que o texto tenha um pouco da voz do cliente.

Muitas vezes, as informações conquistadas em uma entrevista dificilmente são encontradas em uma busca na internet, por mais vasta que seja a gama de resultados do Google. Isso possibilita a entrega de um conteúdo mais original e de enorme valor para sua persona.

Além disso, entrevistar um nome de valor (principalmente aqueles que são referência em determinada área de atuação) garante um maior compartilhamento e alcance do seu texto. O motivo é simples: o entrevistado que domina bem o assunto sobre o qual fala é a pessoa mais capacitada para agregar valor ao conteúdo.

Como deve ser uma entrevista para textos de Marketing de Conteúdo?

As entrevistas no contexto do Marketing de Conteúdo podem ser definidas como uma conversa entre duas ou mais pessoas, com o objetivo de obter informações essenciais para a construção ou composição de um material escrito (blog post, artigo, ebook, etc.).

Ao contrário de uma entrevista caracterizada, típica daquelas que vemos em matérias jornalísticas, as entrevistas para textos de Marketing de Conteúdo devem ser marcadas com antecedência, sempre apresentando ao cliente o tema e objetivos da pauta. O entrevistado é quem definirá o momento mais adequado para conceder seu depoimento, já que muitas vezes, precisa se preparar para ele.

Como um bom roteiro pode ser construído?

Antes de colocar as mãos na massa, saiba que excelentes oportunidades poderão ser perdidas se você não investir seu tempo em pesquisas antes da entrevista acontecer. Por isso, conheça um pouco da história de seu entrevistado e o assunto que será tratado na conversa.

Pesquisar o significado de termos técnicos e conceitos ainda desconhecidos para não se sentir perdido diante de palavras que você não conhece é essencial, pois mostra que o entrevistado não precisará perder tempo explicando o básico sobre o tema. Além disso, sem um conhecimento prévio mínimo sobre o que será abordado, não será possível elaborar um roteiro para a entrevista.

Mas, e as perguntas? Tenho que fazer muitas?

O número de perguntas de um roteiro varia entre uma (sim, é possível fazer apenas uma pergunta em casos de coletâneas de depoimentos ou conteúdos comparativos, nos quais vários especialistas expressam suas opiniões sobre um mesmo tema) até quinze. Roteiros mais extensos do que isso exigem uma consulta prévia, pois podem exigir bastante tempo e disposição por parte do entrevistado.

O momento de planejar estas questões é um dos mais importantes da entrevista. Elas devem ser formuladas com cuidado e empatia, sempre se colocando no lugar da persona e imaginando o que ela gostaria de saber. Se o processo criativo estiver difícil, pense nas seguintes perguntas:

  • O entrevistado conhece alguma inovação significativa que possa compartilhar com seus leitores?
  • Se a sua persona estivesse frente a frente com ele, qual seria a primeira pergunta feita por ela?
  • Quais respostas podem contribuir para a solução de dores da nossa persona?
  • De acordo com a pauta, quais conhecimentos da fonte não seriam facilmente obtidos online e merecem ser divulgados para a persona?

Por fim, é importante gravar a conversa que fizer com seu entrevistado. Este recurso facilita as postagens em podcasts, afasta o risco de interpretações equivocadas por parte do ouvinte e dispensa a necessidade de anotações, que podem tomar grande parte da atenção do entrevistador.

Agora que você já sabe o quão importante é o papel da entrevista no Marketing de Conteúdo, que tal entender o cenário geral? Aproveite e baixe nosso guia definitivo de produção de conteúdo para que você explore ainda mais esta modalidade!

Compartilhe
facebook
linkedin
twitter
mail

Gostou deste conteúdo?

Envie-o para seu e-mail para ler e reler sempre que quiser.

Posts Relacionados

22 ferramentas de front-end para desenvolvedores

alt Andréa Calado
fev 24 | Leitura: 15min

Como manter clientes em tempos difíceis

alt Camila Morais
ago 12, 20 | Leitura: 5min

Os melhores conteúdos para sua carreira freelancer, direto na sua caixa de entrada

Inscreva-se para receber no e-mail conteúdos exclusivos e em primeira mão.