Tudo o que você precisa saber para acertar na Hospedagem de Sites

Tudo o que você precisa saber para acertar na Hospedagem de Sites

Por mais que seja atrativo e pareça algo simples, o trabalho como freelancer têm diversas dificuldades, independente de qual for o ramo que atua. Problemas como dificuldades financeiras, organização e manter a satisfação de clientes são fatores que fazem muitos freelancers terem dores de cabeça.

Trabalhar como freelancer de hospedagem de sites não é diferente. Custos com o serviço e manutenção podem ser um problema, principalmente quando a empresa não envia nenhum aviso prévio sobre eles.

Além disso, clientes podem ficar insatisfeitos com o serviço prestado em seu servidor. Mesmo que problemas com desempenho e disponibilidade sejam culpa da empresa de hospedagem que escolher e não sua.

Bom, e como escolher a melhor empresa para trabalhar com revenda de hospedagem e evitar estes e vários outros problemas?

A resposta para essa e outras perguntas está logo abaixo. Acompanhe comigo!

Problemas com a Hospedagem

Problemas com empresas de hospedagem de sites contratadas são mais comuns do que você pode imaginar.
E quando você está administrando um servidor em revenda, qualquer tipo de problema pode ser crítico, pois afeta não somente você, mas seus clientes também.

Por isso é importante observar tudo o que a empresa garante em cada plano de hospedagem e pesquisar sobre casos positivos e negativos de clientes da mesma. Muitos problemas podem ser evitados antes de fechar negócio dessa maneira!

Apesar de os problemas nestas situações serem os mais variados possíveis existem 3 fatores que são os principais “geradores de dores de cabeça” em um serviço de hospedagem que deve ficar atento.

1. Uptime

Uptime é o tempo que a empresa de hospedagem garante que seu servidor estará online. Geralmente é encontrado em valores maiores que 98%, mas este valor varia de empresa para empresa.

Olhando para esse número parece algo quase insignificante o tempo que seu produto poderá ficar offline, certo?

Pode até parecer, mas não é! Imagine que você hospeda em seu servidor uma loja simples e pequena, com um lucro de R$500,00 por mês. Se o seu servidor possuir um Uptime de 98% ela pode ter um prejuízo mensal de R$10,00 ou até R$120,00 por ano.

Nenhuma empresa de hospedagem pode garantir um Uptime de 100%, pois algumas manutenções devem ser feitas reiniciando o servidor ou desligando-o temporariamente.

Portanto, quanto maior for este valor, melhor será para você e seus clientes.

2. Desempenho

Existem alguns diferenciais entre os servidores que pode optar para sua revenda de hospedagem. Principalmente, na parte do hardware.

Serviços mais baratos são muito limitados e possuem os hardwares mais básicos que uma hospedagem pode oferecer.

Existem 3 elementos para sua escolha de hospedagem que deve observar.

I- Memória

Esta corresponde ao total de espaço que poderá ser utilizado por todos os seus clientes, seja individualmente ou em conjunto.

Além disso existem dois tipos: memórias em HDs ou SSDs.

Os HDs são muito mais lentos que as memórias em SSD, porém são mais baratos. Por suas características são também mais frágeis e propensos a dar algum tipo de problema.

O uso de um SSD em seu servidor otimizará toda a experiência e o desempenho de seu serviço. Isso porque um SSD trabalha até 10 vezes mais rápido do que um HD e tem uma chance mínima de ocorrer algum tipo de defeito.

II- CPU

A CPU é o processador de sua máquina. É ele quem será responsável por desenvolver todos os processos que estão sendo solicitados em seu servidor, como criar uma conta, colocar uma imagem etc.

Geralmente é classificada em uma hospedagem pelo número de cores (núcleos) que possui e além de outros fatores técnicos é isso o que determina seu desempenho. Nesse caso, quanto mais núcleos o processador possuir, melhor seu processamento.

III- Memória RAM

A memória RAM serve para auxiliar o trabalho dos demais componentes do hardware. Ela armazena temporariamente todos os dados que precisam ser processados pela CPU.

Muitos dos problemas de lentidão estão relacionados à esta parte. Por isso, é importante ter uma quantidade suficiente de memória RAM em seu servidor de revenda para suportar todos os sites de seus clientes.

3. Suporte

Quando você opta pelo serviço de uma empresa, espera que caso algum problema ocorra possa contar com um suporte, certo?

Mas infelizmente muitas empresas de hospedagem de sites não possuem um suporte eficiente ou até mesmo na nossa língua. Isso dificulta muito na hora que precisar de um auxílio, causando uma dor de cabeça atrás da outra.

E você ainda encontra suportes extremamente demorados, com um tempo de resposta de horas, ou até dias.

Tempo que você, seu servidor e seus clientes não devem esperar.

4. Monitoramento

O monitoramento dos recursos é extremamente importante para evitar quedas e instabilidades. Com ele você pode analisar o consumo de recursos dos sites de seus clientes e identificar se ele está com algum problema de desenvolvimento, se está tomando algum ataque, se está na hora de fazer um upgrade/downgrade, entre outros.

E como evitar problemas como estes?

Bom, o maior segredo para escolher a melhor hospedagem de sites para trabalhar como freelancer é pesquisar, pesquisar muito.

Sei que por vezes queremos adquirir logo alguma coisa, mas o importante é ver todas as opções e compará-las antes de tomar a decisão de aquisição.

Pesquise!

Como citei, pesquise bastante sobre os planos e sobre a hospedagem de sites que pretende contratar. Sua história, seus clientes, casos de sucesso e por aí vai.

Faça uso de ferramentas como o Reclame Aqui para observar os problemas que os clientes da empresa possam ter. é uma ferramenta gratuita e muito importante para qualquer consumidor e vendedor.

Um dos recursos que é essencial e algumas hospedagem ainda não oferecem é o serviço de Backup, algo extremamente importante em seu servidor que garante um melhor serviço para você e seus clientes.

Converse

Entre em contato com a empresa para tirar suas dúvidas antes de comprar um serviço com ela. Assim você adquire conhecimento sobre o atendimento da empresa, seu suporte e tudo o que a hospedagem oferece para revendedores freelancer.

Mantenha em ordem

Além de tudo o que já foi citado, uma das partes fundamentais para manter tudo em ordem é administrar bem seu servidor.

Trabalhar com revenda de hospedagem exige cuidados, pois você oferece seu serviço para diversas pessoas. Sendo assim, cuide com sites infectados por malwares ou sites excessivamente grandes e “pesados”.

Preze sempre pela qualidade do serviço que irá prestar. Assim, terá clientes satisfeitos e ajudará todos a crescer.

Espero que tenha gostado do artigo! Se quiser tirar mais algumas dúvidas, dê uma olhada em nosso blog, tenho certeza que vai encontrar as respostas lá!

Esse post foi escrito pela equipe da Secnet, portal de compartilhamento de materiais sobre inovação e novos negócios.

Curso por email - Hacks de produtividade banner

Compartilhe
facebook
linkedin
twitter
mail

Gostou deste conteúdo?

Envie-o para seu e-mail para ler e reler sempre que quiser.

Posts Relacionados

Como otimizar vídeos no Instagram

alt Isabela Sartor
maio 28 | Leitura: 10min

Elabore um conteúdo para email conquistador em 7 passos

alt Amanda Veloso
fev 14, 18 | Leitura: 6min

Redator freelancer, quanto vale a sua palavra?

alt Renato Ribeiro
nov 19, 18 | Leitura: 5min

Os melhores conteúdos para sua carreira freelancer, direto na sua caixa de entrada

Inscreva-se para receber no e-mail conteúdos exclusivos e em primeira mão.