Saiba como fazer distribuição de conteúdo, quais são as suas etapas e canais

Fazer uma boa distribuição de conteúdo pode otimizar o alcance da sua empresa. Para isso, é essencial entender quais são os canais possíveis, saber quem é a sua persona, definir boas metas e mensurar os resultados para ajustar a estratégia.

distribuição de conteúdo
Estratégias de Conteúdo com Patrícia Moura

Além de produzir informações de valor, fazer uma boa distribuição de conteúdo ajuda a alcançar as pessoas certas e, consequentemente, ter um bom resultado no Marketing de Conteúdo. Para isso, é importante entender alguns aspectos essenciais para o sucesso da estratégia.

Por exemplo, é necessário compreender quais são os canais possíveis, para quem você vai direcionar o conteúdo desenvolvido, como vai mensurar os resultados de suas campanhas e de que forma isso afeta sua performance. Mas não se preocupe! Para ajudar a realizar a distribuição de conteúdo de modo eficiente, preparamos um material especial. Nele, você vai encontrar os seguintes tópicos:

    Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

    Não se preocupe, não fazemos spam.

    O que é a distribuição de conteúdo?

    Sabe quando você compartilha um blogpost em suas redes sociais? Nesse momento, você está fazendo a distribuição de conteúdo. Esse conceito nada mais é do que o ato de compartilhar, promover ou publicar materiais em seus canais de comunicação.

    Assim, você consegue oferecer valor a sua persona por meio de informações que façam sentido. As redes sociais exercem uma boa função de distribuir conteúdo, mas há diferentes canais que você pode usar.

    Ou seja, você utiliza Instagram, Facebook, YouTube e outros para divulgar temas interessantes, além de fazer isso em blogs, sites, fóruns, comunidades, email marketing e muitos mais.

    Quais são as etapas de distribuição de conteúdos?

    Agora que você já sabe o que é, para começar a entender como fazer a divulgação de informações, vale aprender quais são as etapas. Nesse sentido, há três a que você deve dar atenção:

    • pré-produção: sabe quando você está definindo o tema que vai abordar? Essa é a pré-produção. Essa fase vai desde o desenvolvimento de um calendário editorial até o começo da elaboração dos conteúdos;
    • produção: esse é o momento em que você está desenvolvendo e finalizando o produto. Ao terminar essa etapa, sua persona vai ter um conteúdo de qualidade para consumir;
    •  pós-produção: envolve aspectos relacionados à divulgação e ao acompanhamento dos resultados. Por exemplo, é nela que você vai definir os indicadores-chave para acompanhar o desempenho, vai fazer a divulgação no canal escolhido e produzir materiais que vão auxiliar nesse sentido.

    A partir dessas etapas, você já está um passo à frente da concorrência. Com isso, vale conhecer quais são as principais formas de fazer tudo com muita eficiência.

    Como fazer a distribuição de conteúdos?

    Agora que você já entende o papel da distribuição de conteúdo em uma boa estratégia de Marketing, é hora de colocar algumas ideias em prática. Siga a leitura e veja quais os principais passos para fazer uma distribuição de conteúdos para sua audiência.

    Defina o público-alvo

    O primeiro passo para desenvolver um bom relacionamento com o público é por meio do entendimento de quem são essas pessoas, seus interesses, suas dores e planos. Isso ajuda a delimitar os melhores canais, ajustar a linguagem e definir quais gatilhos mentais são mais eficientes na comunicação.

    Tudo isso é feito com o estudo de um público-alvo e pela definição de persona. Esse trabalho inicial pode ser realizado a partir de pesquisa de mercado, avaliação do perfil de seus consumidores ou, até mesmo, por pesquisas realizadas junto à audiência.

    Escolha os canais de distribuição

    O próximo passo é definir qual via utilizar para chegar até as pessoas que podem se interessar por seu conteúdo. O tipo de canal está intimamente relacionado com a audiência e com o problema que esse material busca resolver.

    Assim, para um público que ainda não conhece sua marca e seus produtos, é importante aumentar seu grau de consciência. Isso pode ser feito por meio de canais próprios ou por conta do suporte de profissionais que já conquistaram autoridade no seu mercado.

    Agora, se a ideia for aumentar o engajamento da audiência, você pode investir nas redes sociais, contar com o apoio de influenciadores e usar o tráfego pago para conquistar ainda mais consumidores.

    Decida os tipos de conteúdos

    A escolha dos conteúdos pode se adequar ao estágio do funil que seus clientes estão percorrendo. Para quem ainda está no topo, vale criar vários materiais informativos, como posts em blog, e-books e vídeos no YouTube. Esse material serve para orientar o público sobre o problema e as respectivas soluções que sua corporação apresenta.

    Já para quem avançou em sua jornada de compra, você pode fazer conteúdos nas redes sociais, desenvolver tutoriais e criar eventos de lançamento. Como essas pessoas já conhecem suas soluções, é hora de conduzir a audiência para a conversão.

    Faça metas de distribuição

    Mesmo para indivíduos muito comprometidos, é difícil criar hábitos de trabalho sem uma programação bem definida. Assim, para quem tem uma agenda de distribuição frouxa, um ou outro material por semana parece ser o suficiente.

    O problema de criar hábitos soltos de produção de conteúdo e contato com o público é que seu negócio corre o risco de estagnar nesse ambiente que é tão dinâmico. Por isso, traçar metas para a produção e distribuição de materiais é essencial para dar ordem e cadência para o seu trabalho.

    Crie um calendário editorial

    O calendário editorial oferece vários benefícios para sua estratégia. Por meio dele, é possível criar um planejamento cronológico de publicação e atender a diversos tipos de conteúdo de maneira ordenada. Assim, nenhum canal de distribuição fica abandonado diante de outros.

    Além disso, desenvolver um calendário editorial permite ver se sua estratégia está focada em ampliar a base de clientes, ao contar com muitos conteúdos sobre o problema que seus produtos resolvem, ou se a ideia é fidelizar o público atual e elevar seu ticket médio, por meio de materiais que apresentam novas soluções para a audiência.

    Desenvolva os conteúdos

    Com o curso traçado, você já tem tudo que precisa para colocar a mão na massa e criar seus materiais. Vídeos, posts, reels, podcasts… A lista de conteúdo é limitada apenas por sua imaginação.

    O desenvolvimento desse material pode variar conforme seus recursos, equipe disponível, setor de atuação e pelo tempo que você consegue dedicar a essa etapa. O mais importante dessa estratégia é manter a consistência e estar sempre presente para a audiência.

    Isso faz com que o público passe a confiar mais nas soluções apresentadas. Criar relacionamento com os clientes é um trabalho de longo prazo, mas compensado pela aquisição de consumidores fiéis e divulgadores da sua marca.

    Mensure resultados

    Medir o quanto as estratégias estão funcionando é necessário para efetuar ajustes em seus canais, conteúdos e calendário editorial. Isso não significa que você esteja produzindo de maneira errada, apenas que é possível sempre melhorar as estratégias e alcançar o público por meios mais eficientes dos que os atuais.

    Nesse ponto, você pode utilizar os KPIs, as metas Smart e qualquer outro recurso que utilizou para criar objetivos e métricas que possam ser atingidas. Ao fazer uma avaliação criteriosa desses indicadores, basta acompanhar sua evolução temporal e efetuar os ajustes, quando os objetivos não forem atingidos.

    Quais são os canais de distribuição de conteúdo?

    Há três possibilidades que podem ser utilizadas para você distribuir todos os materiais que você tem: canais de propriedade, ganhos e pagos. Você pode utilizá-los em conjunto para otimizar o alcance das suas publicações. Entenda mais sobre cada um, abaixo.

    Próprios

    Aqui se encontram, como o nome já diz, os canais que a empresa tem. Nesse sentido, você exerce controle sobre eles, definindo datas, horários e de que forma todos os conteúdos vão ser divulgados.

    Assim, podem ser canais próprios o site da empresa, o blog utilizado para compartilhar artigos que fazem sentido para a persona, o perfil ou as páginas nas redes sociais, os envios de email marketing e outros.

    Ganhos

    Os canais ganhos são de propriedade de outros. Sabe quando você faz uma parceria para divulgar seus conteúdos? Ela pode entrar nessa categoria. Assim, no momento em que influenciadores, empresas e outras pessoas compartilham o material criado por você, é um canal ganho.

    Dessa maneira, publicações compartilhadas, menções nas redes sociais, artigos produzidos em parceria e outros entram nesse tipo de canal. Ele pode ser uma ótima oportunidade para posicionar sua empresa e ajudar no crescimento dela.

    Pagos

    Quando você faz uma campanha com o Facebook Ads, está usando o canal de distribuição pago. Ou seja, esse meio é utilizado se você desembolsa recursos para garantir a promoção e distribuição dos materiais que você preparou.

    Aqui, podem ocorrer o pagamento com o sistema de Custo por Clique, conteúdos patrocinados, parcerias pagas com influenciadores e mais. É possível fazer campanhas no Instagram, no Facebook, usar o Google Ads etc.

    Se você quer garantir uma distribuição de conteúdo eficiente para suas estratégias de Marketing Digital, utilizar os passos que apresentamos ao longo deste texto é uma ótima ideia. Além disso, contar com uma empresa especializada ajuda a ter resultados ainda melhores em sua divulgação.

    Quer otimizar sua distribuição e alcançar mais efetividade em suas ações de Marketing de Conteúdo? Então, baixe o Relatório de Marketing de Conteúdo agora mesmo!

    Compartilhe
    facebook
    linkedin
    twitter
    mail

    Inscreva-se em nosso blog

    Acesse, em primeira mão, nossos principais posts diretamente em seu email

    Posts Relacionados

    Quer receber mais conteúdos brilhantes como esse de graça?

    Inscreva-se para receber nossos conteúdos por email e participe da comunidade da Rock Content!