Por Raissa Serique

Freelancer da Rock Content.

Publicado em 7 de junho de 2019. | Atualizado em 18 de março de 2020


O Marketing Societal é uma maneira de as empresas usarem o seu poder para mudar a forma com que o mundo funciona em questões como a comunidade e o meio ambiente. O impacto que as ações podem causar não depende do tamanho da empresa, mas sim, da vontade.

Nos últimos anos, os consumidores começaram relacionar o impacto que as empresas têm no meio ambiente e no social na hora de escolher o que consumir.

Fora isso, a própria conscientização dos gerentes e CEO das empresas para essas questões proporcionaram transformações dentro das companhias, aumentando a conscientização delas.

O Marketing Societal é uma maneira de melhorar o mundo e mostrar isso para as pessoas, dando bons exemplos e gerando um círculo virtuoso. Conheça mais sobre ele, agora, ao ler os seguintes tópicos:

Tem interesse? Continue a leitura!

O que é Marketing Societal?

A cada ano mais empresas começaram a voltar o seu olhar para as questões sobre o mundo em que vivemos e, em 2020, o despertar para essas situações continua. Na verdade, se intensificou.

Estratégias como o Marketing Societal, então, transformaram-se em uma forma de unir essa necessidade de tocar em questões importantes para a humanidade e o mundo, sem deixar de atrair o público e gerar mais vendas.

O Marketing Societal é, portanto, um tipo de Marketing Social, que leva em consideração a RSE (Responsabilidade Social Empresarial) para tomar decisões sobre o que oferecer.

Também, a maneira com que apresenta seus produtos e serviços, abordando o lado social, ambiental e ético do seu negócio.

Assim, as empresas não apenas ajudam os seus consumidores a resolver um problema, mas também, estendem o seu poder de ação para classes ou situações mais fragilizadas da sociedade.

Quais são os tipos de Marketing Societal?

O Marketing Societal pode ser realizado de diversas maneiras. A escolha de qual tipo é o ideal para cada negócio depende de alguns fatores, mas passa, principalmente, pelos valores da empresa e o core business dela. Assim, fica mais fácil tomar decisões e direcionar os esforços de marketing.

Ainda falando nessa aplicação, a escolha do tipo também contribui para a valorização da marca, pois as pessoas começam a associar suas ações ao nome da empresa.

Portanto, escolher um modelo que seja relacionado ao seu negócio faz mais sentido, para não gerar dissonâncias na comunicação para o público.

Os tipos de Marketing Societal mais conhecidos têm algumas características que os diferem. Conheça!

Marketing de Filantropia

O Marketing de Filantropia utiliza estratégias para mostrar a importância que a caridade e programas sociais têm para a empresa.

Quem faz esse tipo de Marketing Societal costuma abrir suas próprias fundações, para gerir suas ações e causar maior impacto.

Afinal, a filantropia, ou seja, fazer doações para ONGs ou programas sociais, não torna as empresas um agente transformador da sociedade, mas sim, um agente auxiliar.

Marketing de Campanhas Sociais

O Marketing de Campanhas Sociais é aquele em que as empresas aproveitam a comoção para alguma causa social de maior destaque no momento para associar a sua imagem.

Para alguns profissionais do marketing, ela também pode ser chamada de Marketing de Causas Sociais.

Geralmente, traz bons resultados para o branding e para a construção do storytelling da marca. Isso tudo, desde que ela esteja saudável, ou seja, sem ranhuras na imagem da empresa, já que a escolha de uma campanha inadequada e mal comunicada pode gerar danos.

Guia de brandingPowered by Rock Convert

Marketing de Patrocínio

Este tipo de Marketing Societal utiliza parcerias com ONGs ou outros tipos de entidades do gênero para financiar ideias que façam parte dos valores da marca.

Marketing de Relacionamento com base em ação social

A aproximação com quem se deseja ajudar é uma das características do marketing de relacionamento com base em ação social.

Quem aposta nesse modelo, precisa participar de ações sociais, muitas vezes, usando os colaboradores da própria empresa.

Marketing de Promoção Social

O Marketing de Promoção funciona quando produtos são comercializados pela marca com o intuito de ajudar alguma causa social ou ambiental.

Um exemplo é a linha Havaianas CI-Brasil, que doa uma parte do seu lucro para a organização de Conservação Internacional

Quais são os pilares do Marketing Societal?

Independentemente do tipo mais adequado de Marketing Societal, existem alguns pilares que devem ser seguidos para conseguir ter sucesso na estratégia.

É importante lembrar que sucesso, aqui, não é conseguir associar sua marca a alguma causa social ou fazer pequenas ações.

O Marketing Societal se associa à cultura organizacional da empresa e a busca pelo impacto social e ambiental deve ser vivida diariamente.

Isso quer dizer que as ações interferem em questões como a diversidade e a inclusão na empresa, e também em formas de melhorar a inclusão digital, por exemplo.

Portanto, os pilares do Marketing Societal são as bases para orientar as estratégias e tomar as melhores decisões.

Outras iniciativas de Responsabilidade Social Empresarial, como o Triple Bottom Line, também têm pilares que direcionam as ações das estratégias.

Os pilares são apenas três, mas que têm importância fundamental na estratégia: meio ambiente, sociedade e lucro.

A busca pelo equilíbrio nessa tríade deve ser a bússola para quem deseja implementar o Marketing Societal com sucesso.

Mais do que isso, poder transformar a sua forma de comercializar produtos e, assim, alcançar muito mais do que o seu público, tornando-se um agente transformador da sociedade.

Como fazer uma campanha de Marketing Societal?

Engana-se, quem pensa que apenas empresas de grande porte, com alcance global, podem implementar o Marketing Societal.

Empresas de todos os portes e nichos podem, de acordo com o seu alcance, transformar o mundo ao seu redor e gerar valor para a sociedade.

Para criar uma campanha de Marketing Societal, é preciso passar por alguns passos.

O ideal é que tenha pelo menos um responsável por levar o projeto adiante e que esteja disposto a mudar a cultura organizacional da empresa, sabendo que algumas dificuldades poderão surgir.

Isso ocorre, principalmente, em empresas mais antigas, com processos estabelecidos há bastante tempo.

Mas com um planejamento bem-feito e força de vontade, implementar o Marketing Societal na empresa não é algo complicado.

A primeira parte está em fazer esse planejamento, que deve conter as metas e objetivos da estratégia, como elas serão executadas e quais possíveis desafios podem surgir.

Depois, deve-se também levar em consideração o público e o negócio como um todo. Afinal, como falamos no começo, o ideal é apoiar causas que tenham relação com a empresa e, principalmente, sejam bandeiras levantadas pelos seus consumidores.

A ação social/ambiental deve fazer sentido para a persona da empresa.

Após isso, pode-se definir quais canais de ação serão utilizados e que formato de Marketing Social será realizado (filantropia? Promoção social de produtos?), além de definir a duração da campanha, quem serão os beneficiados por ela e como será o financiamento dessa ação.

Após esse planejamento, é hora de colocar em prática e mensurar os resultados.

Quais são as melhores empresas que trabalham com Marketing Societal?

Algumas empresas já praticam o Marketing Societal há alguns anos e tornaram-se referência neste tipo de estratégia. O McDonalds, por exemplo, além de ter criado o Instituto Ronald McDonald, lançou o McDia Feliz.

Nele, toda a renda do sanduíche Big Mac é doada para instituições de apoio e pesquisa ao combate do câncer, usando o marketing de filantropia e o marketing de promoção social de produtos para impactar a sociedade.

McDia Feliz

A Rock Content também utiliza o Marketing Societal para gerar impacto na sociedade e torná-la melhor.

O projeto de impacto social da Rock é o Rock.org, que conta com um dia especial: o Rock Volunteer Day, que estimula os colaboradores da empresa a ser voluntários por um dia. Um exemplo de marketing de relacionamento com base em ação social.

Volunteer Day

Na Natura, o Marketing Societal é usado com maestria, assim como o Google, a Disney, a Pedigree e a Ambev.

Todas são exemplos e servem como estudos de caso interessantes para quem deseja se aprofundar e saber mais sobre esse tipo de marketing tão interessante, e que deve ganhar mais adesões nos próximos anos.

O Google, inclusive, recebeu prêmio da Forbes pela sua dedicação a criar um ambiente socialmente justo e mais inclusivo, principalmente dentro da empresa, além de ações visando à redução de gastos com recursos naturais.

O Marketing Societal traz muitos benefícios, não só para as empresas que a adotam, mas também para o mundo. O empreendedorismo tem a capacidade de transformar as relações e a dinâmica das relações.

Não precisa ser grande para começar, basta encontrar algo em que sua empresa acredite e defenda. Para isso, também é importante saber como começar um projeto de impacto social!

100.000 pessoas não podem estar enganadas
Deixe seu email e receba conteúdos antes de todo mundo

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *