Por Matheus Pereira

Jornalista, analista de sucesso do cliente na Rock Content e entusiasta do Marketing Digital. Acredita que a Comunicação tem o poder de transformar a sociedade.

Publicado em 19 de fevereiro de 2019. | Atualizado em 20 de agosto de 2019


Um vlog usa recursos, como os vídeos, para estabelecer uma comunicação regular com o público, oferecendo conteúdo de qualidade e informativo. Eles são armazenados em plataformas de vídeo como o YouTube e podem ser desenvolvidos com bastante planejamento e foco.

Um vlog é uma das melhores formas de usar as redes sociais para se comunicar com a sua audiência. A produção de conteúdo é semelhante a um blog, porém, usam-se vídeos em vez de textos e imagens.

Esse tipo de mídia está cada vez mais presente na internet e o seu crescimento não é à toa. Estima-se que 86% dos usuários da internet assistam a vídeos online. Outro dado interessante é que a maioria das pessoas considera anúncios online mais relevantes.

Os vlogs têm o poder de atrair o interesse não só de pessoas, mas também de marcas. Nesse cenário, todos saem ganhando. Os criadores de conteúdo aumentam a sua receita com publicidade e conquistam novos seguidores todos os dias e as marcas melhoram a sua imagem ao anunciar na internet.

Por isso, muitos usuários embarcam em vlogs e passam a usá-los para tentar fazer o mesmo sucesso que o artista Whindersson Nunes. Trata-se de um desafio, mas é possível ter o mesmo destino que grandes nomes do meio digital.

Quer ter sucesso na internet e conquistar milhares de seguidores e fãs pelo mundo? Então, descubra agora mesmo as principais informações sobre o vlog e como ser um youtuber de sucesso.

O que é vlog?

O vlog nada mais é que um blog. Porém, em vez de usarem textos para expressar as suas opiniões, os autores contam com o apoio dos vídeos para compartilhar ideias sobre diversos assuntos.

Os conteúdos publicados em vlogs criam bastante empatia com a audiência, uma vez que é possível transmitir uma opinião com a fala, os olhares e os gestos. Essas expressões ajudam o público a entender exatamente o que os autores da publicação querem transmitir com aquele conteúdo.

Existem vlogs de diversos tipos: tutorias de maquiagem, cursos sobre montagem de computadores, opiniões sobre política e cultura, moda, empoderamento feminino, games, culinária, entre outros.

O aumento no número de vlogs é justificável por diversos motivos. O primeiro deles é a facilidade de colocar um conteúdo em vídeo no ar. Afinal, para criar um vlog, basta ter uma câmera ou um aparelho móvel com uma boa resolução. Além disso, um cenário com muita luz e sem interferência externa já é o suficiente para iniciar a produção.

Outro motivo pelo qual muitas pessoas estão criando vlogs é a rentabilidade que essa mídia gera para o dono da página. Geralmente, eles são publicados no YouTube, que tem bilhões de visitantes em todo o mundo.

Se o seu vídeo tem muitos acessos, você acaba gerando bastante receita. Isso ocorre porque os conteúdos podem ser monetizados de acordo com a quantidade de pessoas que visualizam a publicidade que aparece antes da transmissão do conteúdo. Quanto mais pessoas assistem ao comercial, mais dinheiro você ganha no YouTube.

O vlogger de sucesso é aquele que consegue o engajamento dos usuários, gerando compartilhamentos e comentários na página. A busca pela atenção das pessoas na internet não é uma tarefa fácil, uma vez que elas têm o poder de mudar de canal com frequência.

Você pode se interessar por esses outros conteúdos

👉 Top 10 maiores canais do Youtube no Brasil e no mundo [2019]

👉 Ferramentas para o Youtube: 15 melhores para o seu canal

👉 SEO para Youtube: TUDO o que você precisa saber!


Quais são as diferenças entre blog, vlog e flog?

Uma das dúvidas mais comuns quando o assunto é vlog são as diferenças desse tipo de mídia se comparado ao blog e o flog. Entretanto, a distinção é bem simples.

Nos blogs, os autores apresentam a sua opinião por meio de textos. Ele pode ter um caráter mais profissional ou pessoal e, geralmente, tem um segmento específico e trata sobre um determinado assunto.

O assunto de um blog pode ser compartilhado em diversas mídias, além dos textos, já que as plataformas permitem o uso de imagens, vídeos, áudios e gifs. Assim, formato do conteúdo depende de como a sua persona gosta de receber determinada informação.

Já no flog, o conteúdo é publicado em formato de fotos. O usuário pode tirar fotos dele, de um ambiente que costuma frequentar muitas vezes, do seu local de trabalho ou até dos amigos. Esse material é enviado para sites que hospedam fotos em plataformas como Flickr, Picasa, Pinterest e Instagram.

Assim, a principal diferença do vlog em relação ao blog e o flog é em relação à mídia utilizada para compartilhar informações. Nesse formato, como você percebeu, os autores usam os vídeos para expor as suas ideias.

Por que ter um vlog?

Os vloggers, ou vlogueiros, são os responsáveis pelo vlog e conquistam vários benefícios ao aplicar essa estratégia. Essa mídia é uma ótima forma de conquistar mais autoridade em relação ao público, pois os usuários assistem cada vez mais vídeos no YouTube.

Pesquisas mostram que, em 2020, todo o tráfego da internet será gerado por vídeos. E, nesse mesmo ano, o número de telespectadores de vídeos online pode ultrapassar o da TV tradicional.

Além de conquistar uma grande parcela da audiência e aumentar a sua reputação online, um vlog proporciona:

  • engajamento dos usuários;
  • benefícios econômicos e ótimos retornos financeiros;
  • facilidade de compartilhamento do conteúdo;
  • hospedagem sem a necessidade de grandes investimentos;
  • humanização da marca.

Os vídeos também melhoram o seu posicionamento nos mecanismos de busca, pois o segundo sistema de pesquisa mais conhecido é o YouTube. Por isso, se você pretende aumentar o seu tráfego, os vídeos são fundamentais nas estratégias de SEO.

Agora que você já sabe o que é vlog, quais são as suas diferenças em relação a outros canais de aquisição e quais são os seus benefícios, que tal descobrir como se tornar um youtuber de sucesso?

Como produzir um vlog?

1. Defina o seu foco

Vamos começar pela escolha do tema do seu vlog. Definir um assunto com o qual você tenha mais familiaridade é essencial para ter melhor articulação na hora de falar, autoridade com a sua audiência e, em resultado disso, mais seguidores.

Nessa etapa, evite falar sobre culinária se você não sabe como fritar um ovo ou fazer uma simples receita. Além das pessoas perceberem sua falta de conhecimento sobre o assunto, você não terá motivação para continuar com o trabalho, pois os resultados vão aparecer com muita dificuldade.

Vale destacar também que a falta de conhecimento sobre o assunto também pode bloquear a nossa criatividade na hora da escolha de temas para a produção de conteúdo. Quando conhecemos a nossa área de atuação, conseguimos falar sobre diversos assuntos, usando uma linguagem diferente da concorrência.

2. Faça um roteiro do vídeo

O conhecimento sobre o assunto pode nos trazer mais segurança na hora de gravar o vídeo. No entanto, é muito importante fazer um roteiro para não ter dificuldades no meio da fala e se perder durante a gravação.

Também é importante buscar um diferencial no momento da gravação. Confira o que os outros vlogueiros da sua área já falaram sobre o assunto e busque trazer uma informação nova para a sua audiência.

3. Cumpra o que prometer ao seu público

Se você anunciou que pretende publicar vídeos semanalmente, faça um planejamento para cumprir com o combinado. Caso contrário, a sua reputação ficará manchada na internet.

Muitos seguidores aguardam ansiosamente pelos vídeos dos vlogueiros. Então, não frustre essa expectativa, pois trazer uma audiência de volta é mais complicado do que parece.

Outro ponto interessante é que você deve sempre buscar informações atualizadas sobre o seu mercado. Não adianta publicar vídeos de assuntos que foram destaque três meses atrás.

Se você prometeu ao seu leitor conteúdo atrativo, único e atualizado, então, não fique estagnado. Afinal, as pessoas consomem conteúdo diariamente e procuram informações novas para o seu conhecimento.

canal no youtube da rock

Como se tornar um youtuber de sucesso?

Um dos maiores mitos da área de vendas é acreditar que todo vendedor de sucesso já nasce com as habilidades específicas para desenvolver negociações complicadas. No entanto, a gente sabe que isso não é verdade, já que todo vendedor pode ser treinado para chegar aos resultados exigidos por uma empresa.

A mesma situação ocorre com um youtuber. Claro, temos algumas habilidades que são importantes para o profissional, como carisma e facilidade para se comunicar em público. Entretanto, todas as habilidades podem ser aperfeiçoadas com bastante treino.

O mais importante é seguir algumas dicas para potencializar os resultados de sua estratégia. Veja algumas orientações para ser um youtuber de sucesso.

1. Invista em equipamentos de qualidade

Uma estratégia de Marketing Digital começa a gerar resultados em médio e longo prazo. Porém, os investimentos precisam ser um pouco avançados no início para que os resultados apareçam com mais facilidade.

Além de um bom conteúdo, o vlogueiro precisa se preocupar com equipamentos de qualidade para criar imagens e sons em perfeito estado. Basicamente, o ideal é ter uma boa câmera, tripé, microfone, equipamento de iluminação e um bom editor de vídeos.

Se você não ainda não pode investir nesses equipamentos, sem problemas. Aproveite os materiais que têm em casa e abuse da criatividade para montar o seu estúdio.

2. Cuide do SEO

No início da construção de um blog, é bastante complicado ser encontrado pelas pessoas. No entanto, algumas estratégias de SEO ajudam a fazer com que o seu vídeo tenha um bom rakeamento:

  • use a palavra-chave do conteúdo no nome do arquivo. Se for uma expressão, separe os termos por hífen;
  • crie um título atrativo para chamar a atenção da sua audiência. Fique atento ao tamanho do título, que deve ter no máximo 100 caracteres e inclua as palavras-chave sempre no início para que o título fique otimizado;
  • faça uma descrição sobre o seu vídeo. O YouTube libera 5.000 caracteres, mas, visto que somente 150 vão aparecer nos resultados do Google, use a palavra-chave no início da descrição e incentive o leitor a assistir o seu vídeo do começo ao fim;
  • lembre-se das tags, já que elas ajudam não só nas indexações, mas também fazem com que os usuários encontrem o seu conteúdo com mais facilidade.

Existem outras estratégias de SEO para vídeo. Por isso, aprofunde mais nesse assunto para otimizar os seus resultados.

3. Divulgue o seu conteúdo

Outra dica para ter sucesso como youtuber é divulgar os seus conteúdos em vários canais, como blogs e redes sociais.

Um dos maiores erros dos criadores de conteúdo é achar que o seu material fará sucesso somente com a postagem no YouTube, mas o ideal é que você divulgue bastante o seu material para ser reconhecido.

4. Crie interação com a sua audiência

Os assinantes do seu canal no YouTube são fundamentais para o seu sucesso. Então, busque interagir com eles de todas as formas. Não tenha preguiça — responda e curta os comentários. O gerenciamento de sua comunidade pode trazer vários frutos para o seu negócio.

Escolha também outras estratégias para interagir com o seu público. Os vídeos ao vivo são excelentes opções para criar um relacionamento mais próximo com a sua audiência. Ao escolher esse tipo de formato, siga as nossas dicas acima, pois o ao vivo pode trazer diversas surpresas durante a transmissão.

5. Passe uma boa imagem para o seu público

“A primeira impressão é que fica”, especialmente quando falamos de imagens, não é mesmo? Portanto, fique atento aos mínimos detalhes para surpreender os novos seguidores.

Cuide do visual da sua página. Faça uma linda foto de perfil ou crie uma logo profissional. Não se esqueça da imagem de capa com as dimensões corretas que o YouTube exige.

6. Monitore os resultados

É fundamental medir o retorno do seu investimento em vídeos. Os dados ajudam a identificar o que está dando certo e quais são as estratégias que deram errado em seu planejamento.

Evite trabalhar com “achismos”. Uma boa estratégia é aquela que usa os dados a seu favor para melhorar o impacto do seu negócio. Portanto, tenha objetivos e metas claras para medir com eficiência.

Os vlogs são um verdadeiro fenômeno na internet. No início, o trabalho pode parecer mais desgastante. No entanto, vale a pena um pouco de esforço para colher os frutos que essa estratégia pode proporcionar.

Portanto, crie bons conteúdos, interaja com a sua audiência, faça um bom planejamento, teste novas estratégias e ouça o seu público. Esses são os ingredientes que ajudam a trazer resultados mais eficientes para a sua página.

Além disso, uma boa gestão do seu canal no YouTube é essencial para o sucesso do seu vlog. Então, entenda como fazer isso da melhor forma lendo o artigo “Do planejamento à execução: como gerenciar o seu canal do YouTube com maestria”.

100.000 pessoas não podem estar enganadas
Deixe seu email e receba conteúdos antes de todo mundo

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *