Por Autor Convidado

pela Rock Content.

Publicado em 13 de janeiro de 2021. | Atualizado em 12 de janeiro de 2021


Entenda quais os segredos para aumentar as vendas da sua empresa sem correr grandes riscos financeiros.

Desenvolver estratégias certeiras no mercado para que produtos ou serviços alcancem destaque é um grande desafio para todo gestor de empresas.

Em uma gestão sustentável e com foco direcionado ao alto desempenho, é necessário atuar de maneira preditiva. Desse modo, você consegue aumentar suas vendas sem expor a saúde financeira do seu negócio.

Para alcançar esse equilíbrio, basta adotar técnicas específicas, já testadas e aprovadas em diversas empresas bem-sucedidas, independentemente do nicho de atuação.

Confira as principais delas, a partir de agora!

Marketing de Conteúdo

Nossa primeira estratégia também é uma das mais efetivas, quando se trata de criar e solidificar um relacionamento de médio e longo prazo com o público-alvo da organização.

Todo o sucesso dessa técnica deriva da capacidade de atrair as pessoas certas, ou seja, aquelas que atendam ao perfil de cliente ideal da marca e gerem confiança.

Lá na frente, e com o acúmulo necessário, a empresa se transforma em uma forte referência no seu ramo perante o grupo de consumidores que almeja atingir.

Isso depende da elaboração de conteúdos relevantes e precisos (posts, infográficos, ebooks, etc.), feitos notadamente para cada momento da persona em sua jornada de compra.

Na prática, o início do contato com um cliente em potencial se dá por meio da apresentação de diversos materiais relacionados a um problema que, talvez, ele desconheça.

Com o passar do tempo e no momento adequado, é possível apresentar não só soluções efetivas, mas indicar por que a sua empresa oferece a melhor escolha.

O grande diferencial do Marketing de Conteúdo é que todo esse processo acontece de maneira espontânea. Com uma estratégia bem delineada e linguagem apropriada, o negócio conquista sua audiência de forma natural e gradual.

Respeitar o tempo do possível cliente é fundamental para que ele se lembre do logo da sua empresa no momento em que ela puder, de fato, ajudá-lo. Essa é uma das lições que demonstram por que o Marketing de Conteúdo é cada vez mais indispensável.

marketing de conteudo primeiros passosPowered by Rock Convert

Upsell e cross-sell

Em uma tradução literal, cross-sell significa venda cruzada. Aqui, o intuito consiste na oferta de itens que complementem determinada compra. De acordo com as características da aquisição que estiver em curso e com o histórico do cliente, você pode sugerir outros itens que sejam do interesse dele naquele momento.

Entenda que não adianta dar sugestões aleatórias. Se a pessoa estiver finalizando a compra de um notebook, por exemplo, oferecer um mouse USB é bem oportuno.

Além disso, note que, embora seja muito comum nesse tipo de ambiente, a venda cruzada não se limita às lojas virtuais. Com uma abordagem pertinente do consultor da loja, as compras feitas em estabelecimentos físicos também podem praticar a técnica.

Com relação ao upsell, o objetivo é fazer com que o consumidor conheça produtos de uma linha mais sofisticada, em comparação com a mercadoria que ele pretende adquirir inicialmente.

No exemplo do notebook, uma oferta baseada no upsell seria um laptop com configuração de hardware mais robusta.

Ao visualizar um computador com processador mais potente, mais memória RAM ou com a inclusão de uma placa de vídeo dedicada, etc., o consumidor pode mudar de ideia e aumentar o ticket.

Campanhas de incentivo

Em certos períodos do ano, como a Black Friday e o Natal, é normal que muitas organizações tragam à tona campanhas de incentivo às compras. No entanto, todas elas já são esperadas por consumidores e clientes.

Existe um modo de realizar algo diferenciado e, assim, chamar a atenção dessas pessoas antes das empresas da concorrência? Existe.

Para isso, é necessário dar atenção a determinados pontos, como o próprio tipo de campanha. Em alguns casos, elas são direcionadas às equipes de vendas. Em outros, diretamente aos consumidores.

Evidentemente, também é possível mesclar as estratégias — premiar os melhores vendedores, ao mesmo tempo em que concede o sorteio de um carro para os clientes, por exemplo.

Matriz BCG

No caso da matriz BCG, o que se tem em mãos é uma metodologia criada com o fim de avaliar o desempenho de cada item comercializado pela organização. Entre outras coisas, ela permite enxergar, via gráficos, quais são aqueles produtos que fazem mais sucesso.

A partir daí, a empresa tem uma noção detalhada de quais deles merecem uma dose maior de investimento e, quem sabe, até de uma campanha de incentivo específica.

Receita recorrente

Em vez de esperar pelo retorno do cliente, também é válido adotar meios para que ele se torne um comprador regular. Nesse sentido, uma das estratégias mais eficazes é, sem dúvida, a elaboração de um plano de assinatura.

No caso, o cliente teria à disposição um serviço ou produto ao longo de um dado intervalo.

A definição do período varia de acordo com as peculiaridades das soluções concedidas pela empresa. Nem toda organização consegue, por exemplo, proporcionar um item por tempo indeterminado, como o fazem as empresas de streaming.

Mas com criatividade, é viável conceber pacotes semestrais, por exemplo, que gerem uma receita recorrente e, teoricamente, garantida. Em teoria, porque a manutenção da assinatura está ligada ao atendimento das expectativas dos clientes.

Pagamento PIX

Ainda novidade, o PIX é a mais nova forma de pagamento digital à disposição dos brasileiros. Para as empresas, a solução veio como uma maneira de aumentar suas vendas, já que a conclusão das transações comerciais recebeu um toque de agilidade considerável.

Com essa nova modalidade, os intermediários entre seu negócio e o cliente simplesmente desaparecem. Uma vantagem significativa é a transferência imediata do valor da compra para a conta da empresa. Isso proporciona mais volume e dinâmica ao fluxo de caixa do negócio.

Política de crédito

Finalmente, nada do que foi dito até aqui faz sentido sem o amparo de um planejamento minucioso, pautado em uma boa política de crédito. Ao mesmo tempo em que vislumbra oportunidades de investimento, sua empresa precisa vender com segurança.

O endividamento das famílias bateu recorde em agosto de 2020, o que comprova ainda mais a necessidade de se efetuar uma consulta ao CPF que seja realmente eficaz.

Para tanto, a solução deve, por exemplo, facilitar a análise do comportamento do cliente em momentos desafiadores, como o causado pela pandemia de coronavírus.

Com um sistema de análise de crédito completo, é possível cruzar dados que se transformem em informações valiosas na hora de se tomar uma decisão importante. A autorização de uma venda de alto valor é um ótimo exemplo.

Vale salientar que, conforme a LGPD, a consulta ao CPF precisa da autorização explícita do cliente. As consultas de CPF e CNPJ da Serasa Experian simplificam esse procedimento, finalizando-o com muito mais rapidez e precisão, o que economiza tempo, evita fraudes e distancia sua organização de eventuais calotes.

Trata-se, portanto, da melhor foma de aumentar suas vendas sem correr grandes riscos.

Que tal levar todos esses benefícios para seu negócio? Então não deixe de conhecer mais sobre como as consultas ao CPF e CNPJ podem proteger a sua empresa em negociações com PJ e PF.

Este conteúdo foi produzido pelo blog parceiro Empresas Serasa Experian.

100.000 pessoas não podem estar enganadas
Deixe seu email e receba conteúdos antes de todo mundo

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *