Por Leandro Abreu

Redator freelancer da Rock Content

Publicado em 19 de setembro de 2019. | Atualizado em 22 de junho de 2020


Para divulgar um site, é importante usar técnicas de SEO, ferramentas de marketing, blogs, parcerias e mídias sociais, que são meios de divulgação que não exigem investimentos iniciais. Também é fundamental ter uma boa estratégia de conteúdo regularmente postar informações que sejam úteis para o público-alvo.

Com tantas ferramentas disponíveis, a criação do tão sonhado site tornou-se algo corriqueiro para os empreendedores. Entretanto, quando um trabalho como esse é executado sem muitos critérios, o que parece muito simples acaba se tornando uma verdadeira dor de cabeça.

Desse modo, a proposta ágil e intuitiva das plataformas modernas pode iludir bastante o profissional ou a empresa que já entendeu a importância do Marketing Digital na atualidade e deseja usar a internet para promover seus produtos ou serviços.

Sabemos que você quer aprender a divulgar o seu site, mas antes de apresentarmos os meios gratuitos de se fazer isso, precisamos destacar alguns cuidados que devem ser levados em consideração ao desenvolver um trabalho como esse. Confira os tópicos do conteúdo que preparamos:

Se deseja aprender a divulgar o seu conteúdo na internet e obter resultados sólidos, sem perder tempo e dinheiro com equívocos frequentes, este post é para você! Aproveite a leitura!

O que devo levar em consideração antes de divulgar o meu site?

Se você deseja ter um site de sucesso na internet, a primeira coisa a fazer é tratá-lo como um legítimo projeto de marketing, o que prevê uma visão panorâmica desse processo que se estende desde a escolha da plataforma ideal até o planejamento. Veja só o que deve ser considerado.

Qualidade do gerenciador de conteúdo

Naturalmente, antes de pensar na divulgação, a primeira coisa que você deve se preocupar é com o seu site propriamente dito. Existem diversas plataformas disponíveis para criar e gerenciar conteúdos na internet, dos criadores de sites mais básicos aos mais robustos CMSs.

A questão é que os recursos disponíveis podem variar significativamente de uma ferramenta para outra, afetando, consequentemente, o seu potencial de divulgação de conteúdos, a disponibilização de novos serviços e a otimização para os motores de busca.

Certifique-se, portanto, de que a plataforma do seu site seja segura e estável, e atenda a todas as necessidades que o seu negócio demanda.

Práticas de SEO

O SEO, ou Search Engine Optimization, envolve ferramentas, técnicas e regras de produção que garantem que o seu conteúdo seja compreendido pelos buscadores e listado em seus disputados rankings de resultados de pesquisa.

Os mecanismos de busca, tais como o Google e o Yahoo!, são as principais fontes de tráfego da internet. Dessa forma, produzir páginas, artigos e imagens sem o devido trabalho de otimização é literalmente jogar tempo e dinheiro fora.

Mas de que adianta construir um conteúdo belíssimo se quase ninguém conseguirá acessá-lo?

Sendo assim, investir em SEO é fundamental para assegurar os resultados da sua estratégia de conteúdo, e vale ressaltar que essas práticas também contemplam melhorias na navegação e na experiência do usuário.

Objetivos e métricas

Esse é um ponto bastante delicado na gestão de conteúdo na web, principalmente quando o assunto é a divulgação de sites. Profissionais e empresas que trabalham com Marketing de Conteúdo estão acostumados a lidar com grandes volumes de dados, mas é necessário ter muita cautela ao definir quais informações são realmente relevantes para o negócio.

Muitas vezes um resultado aparentemente positivo pode ser pouco ou nada relevante para os objetivos estipulados na estratégia. Os indicadores que nos fornecem esse tipo de informação são chamados de métricas de vaidade.

Tratando exclusivamente da divulgação de sites, um exemplo muito comum desse tipo de dado é o tráfego. É claro que você precisa de visitantes, mas de que adianta ter milhões de acessos mensais se nenhuma dessas pessoas interage com o seu conteúdo, se inscreve em suas listas de email marketing ou fecha compras em seu e-commerce?

Não basta simplesmente levar usuários para o seu site, você precisa atrair as pessoas certas, e, para isso, é fundamental acertar na sua estratégia de conteúdo.

Produção de conteúdo

A produção de conteúdo é o coração da sua estratégia de Marketing Digital. Observe que os materiais que você divulga ― artigos, imagens, vídeos, fotos, banners, entre outros ― são a voz da sua empresa na web.

Nesse cenário, os conteúdos de baixa qualidade podem afetar a credibilidade do seu negócio. Além disso, o direcionamento incorreto das produções é capaz de fazer com que a sua marca atinja as pessoas erradas. Divulgar um site em tais condições, portanto, pode ser uma catástrofe!

Para não fazer feio na internet e garantir bons resultados no seu projeto, é essencial investir em planejamento. Eis algumas medidas que você deve considerar:

  • estude o mercado: analise as ações e os conteúdos trabalhados por outras empresas — concorrentes ou não — e seu desempenho;
  • escute o seu cliente: seus clientes são o caminho mais rápido para identificar erros e acertos, bem como temas e assuntos interessantes que podem ser trabalhados em seus materiais;
  • construa sua persona: a persona é uma representação semifictícia do seu cliente ideal, e todos os seus conteúdos devem ser construídos como uma conversa franca com ela;
  • contrate empresas ou profissionais especializados: conte com ajuda profissional para assegurar a qualidade da sua estratégia e de suas produções.

O que não fazer ao promover um site?

Na ansiedade de obter resultados rápidos, muitas pessoas acabam recorrendo a práticas problemáticas para divulgar conteúdo na internet.

Esses equívocos e “atalhos”, porém, não garantem retornos sólidos e podem prejudicar seriamente a estratégia e a reputação da sua marca na internet. Os erros mais comuns são:

  • divulgar o site ainda sem conteúdo: é como entrar em uma loja com uma fachada belíssima e dar de cara com as prateleiras vazias;
  • promover apenas conteúdos promocionais: uma vez que as pessoas buscam algo mais do que pura publicidade, preocupe-se em gerar valor antes de falar sobre seus produtos;
  • pulverizar posts em redes sociais: visto que estas plataformas são focadas em relacionamento, é preciso criar meios de interação, de modo que compartilhar posts não é o suficiente;
  • fazer spam: inserir links do seu site em caixas de comentários, fóruns e mensagens diretas sem autorização;
  • investir em práticas de black hat: não se deve recorrer a técnicas de SEO que não obedeçam às diretrizes estipuladas pelos buscadores.

Como divulgar o meu site? 7 maneiras gratuitas e eficazes!

Agora que você conhece os pilares de uma estratégia de conteúdo profissional, é hora de aprender a divulgar o seu site do jeito certo, e o melhor: usando ferramentas e métodos gratuitos. Confira!

1. Cadastre-se no Google Meu Negócio

O Google Meu Negócio é uma ferramenta oficial do Google criada para auxiliar empresas de todos os tipos e tamanhos a divulgarem seus produtos e serviços em suas plataformas, em especial o buscador e o aplicativo Maps.

O cadastro é gratuito e, uma vez aprovada, a sua empresa passa a fazer parte da listagem das buscas locais da sua região e ganha um “pino” no mapa do Google.

2. Invista em guest posts

Os guests posts são os materiais produzidos pela equipe da sua empresa, porém, divulgados em sites parceiros. Na prática, o que ocorre é uma simples troca de posts entre duas organizações, mas é fundamental que os dois negócios atuem em áreas iguais ou semelhantes.

O fato é que os buscadores consideram os links externos, bem como outras práticas de link building, que são um parâmetro relevante para a autoridade de um domínio. Dessa forma, essas parcerias tendem a favorecer significativamente o SEO.

Você também pode se interessar por este conteúdo!
👉 Como se destacar na internet: 7 passos essenciais para seguir!

3. Interaja nas mídias sociais

Nos últimos anos, as empresas sentiram uma queda brusca no alcance orgânico de suas postagens nas redes sociais, mas isso não significa que essas plataformas tenham restringido os negócios a anúncios e impulsionamentos pagos.

O que precisamos entender é que as mídias sociais são espaços para relacionamento, e as marcas têm muito a ganhar quando trabalham o conteúdo nessa direção.

Em termos práticos, isso significa não limitar as publicações aos posts do site, mas interagir com as pessoas respondendo comentários, criando enquetes e tratando de assuntos que estejam em alta no momento.

4. Ofereça recompensas digitais

As recompensas digitais são geralmente materiais ricos ― conteúdos mais extensos e elaborados, como pesquisas, ebooks, planilhas, infográficos e vídeos ― disponibilizados em troca de dados de contato como email, telefone e endereço na internet.

A questão é que esses conteúdos tendem a chamar mais atenção dos usuários e, por isso, são um excelente método para gerar leads e iniciar um relacionamento com essas pessoas por meio do envio de conteúdos do seu site.

5. Construa uma newsletter

A newsletter é uma variação do email marketing, cujo foco está na promoção do conteúdo de um site ou blog. É, portanto, uma maneira de gerar tráfego recorrente para as suas páginas por meio do envio direto de mensagens.

A maior vantagem dessa estratégia é que ela pode ser automatizada e existem várias ferramentas de qualidade que oferecem pacotes gratuitos.

O MailChimp, por exemplo, é uma das maiores referências do mercado e disponibiliza o serviço gratuitamente para listas com até 2000 cadastros, com direito a landing pages, testes A/B, programação de campanhas, integração com redes sociais e muito mais.

6. Atue em programas de afiliados

Os afiliados atuam basicamente como representantes, consultores ou promotores de venda na internet. Os produtores, por sua vez, entram com os produtos e materiais de divulgação, o que pode incluir imagens publicitárias, sites e páginas em redes sociais.

A grande vantagem dessa estratégia é que os afiliados têm algo que o seu site ainda não tem: audiência! Sendo assim, eles são uma ótima maneira de trazer novos visitantes para as suas páginas.

Entretanto, é preciso destacar que todo esse trabalho gira em torno de um produto ou serviço, sobre o qual são geradas taxas e comissões. Se o seu projeto não prevê o uso de itens comercializáveis, talvez essa não seja a melhor escolha para você.

7. Crie um blog

Os blogs são um ícone da internet, bem como os grandes responsáveis pela geração de tráfego orgânico para os sites a partir dos resultados de pesquisa. Muito além de meros jornais informativos online, essas ferramentas editoriais são um dos pilares do Marketing de Conteúdo.

Por meio da publicação de conteúdos gratuitos, a sua empresa tem a oportunidade de educar o público e conduzi-lo do primeiro contato até a venda de uma maneira natural e nem um pouco invasiva.

Esse é o chamado Marketing de Atração ou Inbound Marketing, uma estratégia que já transformou a realidade de inúmeros negócios em todos os cantos do mundo.

Todos os caminhos citados são válidos para dar início à divulgação do seu site, mas lembre-se de que, à medida que seus resultados forem surgindo e seu projeto for ganhando maturidade, ferramentas e serviços pagos serão necessários para dar continuidade à evolução do seu empreendimento na internet.

Este artigo fica por aqui. Agora que você sabe como divulgar o seu site, é hora de aprender a gerar negócios a partir de todo esse tráfego. Para isso, confira o nosso guia completo sobre geração de leads!

Ebook Geração de LeadsPowered by Rock Convert

100.000 pessoas não podem estar enganadas
Deixe seu email e receba conteúdos antes de todo mundo

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *