O que é Marketing Cultural e 3 exemplos para você se inspirar

O Marketing Cultural é posto em prática por meio de ações culturais e tem o objetivo de cativar o público e fortalecer a relação que ele tem com a sua marca. E, para que você saiba tudo sobre ele, produzimos este artigo.

O que é Marketing Cultural e 3 exemplos para você se inspirar

    Quando uma empresa dá início à ações de marketing, a expectativa é a de ter resultados o quanto antes. Porém, para isso acontecer, é preciso ter um bom relacionamento com seus possíveis novos clientes, tal como se faz no Marketing Cultural.

    Para que você saiba a sua definição, como você pode aplicá-lo no seu negócio e quais são as empresas que fazem este tipo de marketing com muito sucesso, continue a leitura deste post.

    O que é Marketing Cultural

    Entende-se como Marketing Cultural todas as ações que fazem uso da cultura para fazer a divulgação de um produto, serviço ou marca de uma empresa. Para isso, é preciso analisar os comportamentos, conhecimentos e costumes do seu público-alvo.

    Portanto, muito embora a maioria das ações de marketing seja voltada para obter o lucro, o Marketing Cultural não se restringe somente a isso, pois ele ajuda uma empresa a ter um diferencial de mercado para passar na frente da concorrência e ficar mais próxima do público-alvo.

    Este é um tipo de marketing relativamente novo, teve início nos anos 90, embora tenha passado a ser mais utilizado nos últimos anos como uma forma de fortalecer o branding. Vamos falar à respeito agora.

    Como funciona o Marketing Cultural

    Em termos práticos, o Marketing Cultural é dividido em quatro categorias. Veja quais são elas a seguir!

    Marketing Cultural de Fim

    Ele é tido como o primeiro por abranger tudo, desde a criação do produto ou serviço até o marketing feito em cima dele. Seu foco é um objetivo ligado à cultura.

    Marketing Cultural de Agente

    Este tipo não é feito pelo dono do negócio e sim por um produtor cultural que deve analisar o mercado a fim de saber quais são as ações artísticas mais apropriadas.

    Marketing Cultural de Meio

    Aqui, a estratégia de marketing é embasada no patrocínio, além de trabalhar com diversos tipos de promoção cultural.

    Marketing Cultural Misto

    Neste último tipo, duas ou mais empresas patrocinam o mesmo projeto. Ou seja, elas podem tanto apoiar o seu negócio quanto outros envolvidos. Por isso, o desafio principal é conseguir um destaque maior em comparação às outras marcas.

    Seja qual for a categoria pela qual você optar, é preciso escolher um objetivo que esteja conectado aos seus objetivos de negócio. Portanto, independentemente do tipo de estratégia que você for adotar, estabeleça uma conexão com a sua empresa.

    Para isso, identifique as necessidades do seu público nas questões sociais e deixe claro como a sua organização pode ajudar. Afinal, o Marketing Cultural é capaz de transformar a sua marca em meio de entretenimento para as pessoas que acompanham a sua empresa.

    Você pode se interessar por esses outros conteúdos

    Marketing de Conteúdo – Tudo que você precisa saber

    Marketing de Escassez: como usar o senso de urgência em sua estratégia

    O que é Marketing Cloud e quais os benefícios dessa estratégia

    Marketing Sensorial: o que é e como aplicar essa estratégia?


    Quais são os pilares do Marketing Cultural

    Ao adotar o Marketing Cultural no seu negócio, há pilares que devem ser levados em consideração. Trazemos aqui os principais.

    Ofereça uma vantagem

    Em mercados cada vez mais competitivos, para que empresas tenham destaque, é preciso ter um diferencial competitivo, ou seja, uma vantagem que seja vista pelo público.

    Dessa forma, a sua empresa fica mais próxima de atingir os possíveis novos clientes que a concorrência também tanto quer.

    Lembre-se da cultura local

    Sabe a sensação de pertencimento que você sente por alguns grupos? Pois o seu público sente o mesmo e maiores serão as chances de sucesso se ele sentir isso por você. Por isso, use o Marketing Cultural à seu favor.

    Agregue a sua empresa à responsabilidade social

    Além de desenvolver produtos ou serviços que atendam as necessidades e desejos do seu público, o seu negócio também deve demonstrar preocupação com os assuntos sociais e ambientais. Isso gera muito valor à sua marca.

    Por que você deve usar Marketing Cultural na sua empresa

    Como dissemos, o objetivo principal do Marketing Cultural não é aumentar as vendas da sua empresa (ao menos, não diretamente) e sim se diferenciar dos concorrentes e mostrar ao seu público o quão socialmente responsável você é.

    No Marketing Digital, um dos pontos fundamentais é o engajamento com as pessoas que conhecem o seu negócio. O Marketing Cultural realiza o mesmo, pois amplia o relacionamento com o seu público, independentemente de eles estarem no momento de compra.

    Portanto, se você tem leads que estão se distanciando do seu negócio, o Marketing Cultural pode trazê-las de volta à você.

    Sobretudo, porque projetos culturais são bem-vistos pelas pessoas e fazem com que a marca seja lembrada nos momentos necessários (como o da compra).

    Exemplo de empresas que usam Marketing Cultural

    Por fim, levantamos aqui exemplos de quem já utiliza estratégias de Marketing Cultural com muito sucesso.

    Coca-Cola

    A Coca-Cola é conhecida por ser o refrigerante mais consumido do mundo, assim como por suas propagandas que pregam aquilo que mais desejamos (sobretudo, ao adquirir um produto): a felicidade.

    Contudo, ela também faz investimentos recorrentes em eventos culturais. No Brasil, o que mais tem destaque é o Festival de Parintins em que, inclusive, sua marca chega a adotar também a cor azul por conta dos bois-bumbá que são tanto vermelhos quanto azuis.

    Banco Itaú

    Desde que se uniu com o Unibanco, o Itaú tem investido muito nesse tipo de marketing, que ganhou uma área exclusiva chamada Itaú Cultural.

    itaú cultural

    Fonte: Itaú Cultural

    Prova do sucesso desse departamento, são as mais variadas ações voltadas à parte cultural brasileira, que trazem mensagens como diversidade e valorização do próprio legado cultural do país.

    Ambev

    A Ambev é conhecida por ser uma das maiores cervejarias do país e também por trabalhar bem o seu marketing cultural.

    A Skol é o exemplo mais conhecido por conta das apresentações de artistas representando a Skol Beats, assim como a Stella Artois que patrocina o Brasil Open de Tênis, o mais antigo torneio da modalidade no país. 

    Como você pôde ver, o Marketing Cultural tem, como ponto fundamental, o relacionamento com o seu público, tal como é feito no Marketing Human to Human.

    E, para você conhecer mais sobre ele, confira este artigo que escrevemos com dicas de como aplicar o Marketing H2H em sua empresa.

    Compartilhe
    facebook
    linkedin
    twitter
    mail

    Inscreva-se em nosso blog

    Acesse, em primeira mão, nossos principais posts diretamente em seu email

    Posts Relacionados

    Quer receber mais conteúdos brilhantes como esse de graça?

    Inscreva-se para receber nossos conteúdos por email e participe da comunidade da Rock Content!