Por Ivan de Souza

Analista de Marketing na Rock Content.

Publicado em 8 de julho de 2020. | Atualizado em 8 de julho de 2020


O ping determina a disponibilidade do host, a distância entre equipamentos que executam processos na rede e ainda mede o tempo de resposta desses dispositivos, em relação ao envio e recebimento de pacotes de dados.

Tecnicamente, ping se refere à latência — tempo demandado para que um pequeno conjunto de dados seja transmitido de um dispositivo ao servidor na Internet e retorne ao equipamento.

O tempo de ping é medido em milissegundos (ms) e usado, principalmente, por jogadores online, que verificam, por meio dessa métrica, a performance dos seus equipamentos em relação à rede. Além disso, ele é usado para conferir a performance do servidor de hospedagem.

Esse atraso pode ser influenciado também pelos equipamentos usados para acesso à Internet, pois o ping se refere à latência bidirecional e representa apenas parte desse processo, mas não a transmissão em toda a rede. Neste artigo falaremos um pouco mais sobre o ping. Veja a seguir:

  • O que é ping?
  • Como funciona o ping?
  • Qual a relação dele com a conexão?
  • Quais valores determinam o ping ideal?
  • Como acessar esse comando?

O que é ping?

Ping é acrônimo para o termo em inglês Packet Internet Groper. Essa ferramenta avalia a conectividade entre equipamentos e verifica problemas de conexão com a Internet por meio do domínio do site.

Dessa forma, a métrica verifica se um pacote de dados pode ou não ser entregue para o seu destino sem erros. Ele também atesta a acessibilidade da rede por um endereço de IP específico, assim como o funcionamento do host.

Se o seu servidor está distante, o comprimento da rota de transmissão também influenciará no tempo de ping. Conexões são consideradas rápidas se, geralmente, têm um tempo de ping inferior a 2 ms para acesso com fibra óptica. Logo, conexões lentas têm pings superiores a 50 ms, por exemplo.

Como funciona o ping?

O ping é uma das linhas de comando mais usadas e, conforme já abordamos, esse diagnóstico se refere à latência dos equipamentos para alcançar dois objetivos principais:

  • verificar se o host está disponível;
  • medir o tempo de resposta da rede.

Se o host estiver disponível, ele responde com um único pacote. O tempo de ping quantificado refere-se à média do tempo demandado até que o pacote de dados chegue ao host e retorne com uma mensagem ao remetente.

O ping envia essa mensagem por meio do ICMP (Internet Control Message Protocol). Nesse processo também é possível verificar a existência de erros que não são apontados no protocolo de IP.

Mas, como isso funciona? O ping atua como um sonar, que envia pequenos pacotes de informações com mensagens para outro sistema. O destinatário recebe a mensagem e emite ao remetente uma resposta. O processo relata possíveis erros e aguarda até que a arquitetura do sistema corrija-os adequadamente.

Abaixo estão as etapas de execução do comando ping no sistema:

  1. uma mensagem de solicitação de resposta do ICMP é enviada ao destinatário pela fonte;
  2. o programa do ping define um identificador de sequência e recebe essas mensagens de solicitação de resposta;
  3. o ping insere o horário de envio na seção de dados da mensagem e então envia uma mensagem de resposta de eco ICMP de volta à fonte. Se o host estiver ativo ele a recebe;
  4. o horário da chegada da resposta é registrado por meio do ping, que já contabilizou o horário de envio para cálculo do tempo de ida e volta da mensagem;
  5. ele incrementa o identificador de sequência e envia uma nova mensagem de solicitação de resposta, de forma continuada, até completar o número de envios solicitado pelo usuário;
  6. o programa é encerrado.

Dessa forma, o ping calcula o tempo de ida e volta da mensagem, por meio da anotação da hora local do sistema de origem quando o datagrama IP sai e, em seguida, subtrai o tempo no momento em que a resposta de eco chega. Se algo der errado, ele exibe mensagens de erro:

  • unknown host ou host desconhecido: informa que o endereço IP ou os nomes de host não existem na rede ou que aquele nome do host de destino é desconhecido;
  • destination host unreachable ou host de destino inacessível: verifica que o sistema de destino está operante ou inoperante na rede. A mensagem também pode ser recebida em decorrência da inexistência de uma rota local ou remota para o host de destino;
  • TTL expired in transit ou TTL expirou em trânsito: indica o tempo máximo que um pacote IP pode ficar na rede antes de ser descartado se não atingir seu destino;
  • request time out ou esgotado o tempo de pedido, que determina:
  • quando o ping atingiu o tempo limite porque não houve resposta do host;
  • a inexistência de uma mensagem de resposta devido ao excesso tráfego na rede;
  • falha na filtragem de pacotes;
  • erro no roteador.
ping

Qual a relação dele com a conexão?

O ping efetiva testes de diagnóstico de rede mas também pode ser usado para outras aplicações, como explicaremos a seguir.

Powered by Rock Convert

IP do domínio

Você pode usar o ping para pesquisar a existência de um domínio na rede, uma vez que a resposta exibe um endereço IP correspondente à solicitação.

Tempo e distância

O comando ping determina o tempo demandado até que um pacote de dados seja recebido e a velocidade de resposta. A relação entre tempo e distância pode ser determinada com essa velocidade de transmissão dos dados, logo, a métrica ajuda no cálculo da distância dos equipamentos que utilizam a mesma rede.

Acesso

O ping ainda pode ser usado para verificar se o usuário tem acesso a outro dispositivo ou equipamento.

Diagnóstico de problemas

Se a resposta do ping apontar alguns problemas, os usuários podem tentar resolvê-los:

  • se o host de destino estiver inacessível, é possível modificar a tabela de rotas local;
  • se o host for desconhecido, o usuário deverá verificar o nome e a disponibilidade dos servidores do sistema de nomes de domínio (DNS);
  • se o TTL expirou em trânsito, é necessário aumentar o valor do TTL por meio da chave ping;
  • se a chave expirar, o usuário deve aumentar o tempo de espera.

A resposta do ping também pode ser desativada por questões de segurança do sistema. Para conferir mais velocidade ao seu site, é preciso contar com uma plataforma especializada. Confira como a equipe do Rock Stage pode ajudar você!

Quais valores determinam o ping ideal?

Os valores abaixo são usados para mensurar a eficácia do tempo de resposta do ping:

  • menor que 30 ms — taxa excelente e ping ideal para gamers;
  • 30 a 50 ms — essa taxa ainda não prejudica a execução de jogos e aplicações;
  • 50 a 100 ms — taxa média de ping;
  • 100 a 500 ms — taxa lenta que afeta, inclusive, a velocidade de navegação na web;
  • maior que 500 ms — taxa de ping que indica um atraso perceptível em todas as solicitações.

A saída do ping varia conforme o sistema operacional que o executa. No entanto, quase todas as vezes são exibidas as seguintes informações:

  • Destination IP address — endereço IP de destino;
  • ICMP sequence number — número de sequência do ICMP;
  • Time to live (TTL);
  • Round-trip time — tempo de ida e volta;
  • Payload size — tamanho da carga útil;
  • Number of packets lost during transmission — número de pacotes perdidos durante a transmissão.

Como acessar esse comando?

Para executar esse comando, basta acessar o prompt do computador no “menu iniciar” » “executar” » “cmd”, ou digitar na ferramenta de pesquisa do sistema o termo “cmd”.

No Linux, o prompt fica na pasta “Acessórios”. Você também pode digitar o atalho Ctrl+Alt+T. No Mac OS X acesse a pasta “Aplicativos” » “Utilitários”. Depois que você acessar o prompt:

  • digite o termo “ping” juntamente o nome de domínio ou endereço do servidor que você deseja verificar. Por exemplo “meusite.com”;
  • pressione “enter”, aguarde alguns instantes até que o prompt exibirá informações sobre o tempo de resposta e os pacotes enviados e recebidos.
ping

Se o número de pacotes for igual a zero, pode ser que a sua conexão esteja com problemas. O sistema calcula a média do ping com base em todos os testes realizados.

Pessoas muito ativas na Internet, que realizam muitos downloads, executam jogos online ou utilizam plataformas de streaming, precisam que seus equipamentos informem um ping baixo, geralmente em taxas menores que 100 ms. A perda de pacotes indica que o usuário também terá dificuldades durante o acesso.

Para retomar a usabilidade do sistema e estabilizar o ping, o usuário pode:

  • evitar participar de jogos online durante a execução de outras aplicações, como o Torrent, que transfere e recebe uma alta taxa de dados enquanto está ativo;
  • evitar horários de alta de acesso, em que muitos usuários ficam conectados simultaneamente;
  • desligar o modem e o roteador, aguardar alguns segundos e religá-los.

Saber o ping do seu equipamento é fundamental para verificar o desempenho do seu acesso durante a execução de jogos e aplicações, mas também é uma forma de conferir o pleno funcionamento do seu servidor.

Veja agora como verificar a velocidade do seu site e quais aspectos influenciam esse desempenho.

100.000 pessoas não podem estar enganadas
Deixe seu email e receba conteúdos antes de todo mundo

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *