Perfil profissional nas redes sociais: como fazer seu marketing pessoal

Ter um bom perfil profissional nas redes sociais é fundamental para todo freelancer hoje em dia. É em plataformas como o Instagram, Facebook, LinkedIn e TikTok que você encontra seus clientes. Basta saber como montar seu perfil.

Já faz bastante tempo que as redes sociais se tornaram parte do dia a dia de todo mundo. Elas não se resumem mais a sites em que os jovens tentam matar o tempo, pois tornaram-se plataformas que reúnem empresas, criadores de conteúdo, influenciadores e profissionais de todo tipo. E em locais em que existe um público, há oportunidades para encontrar clientes.

Um grande desafio para o profissional freelancer é chegar até aquele cliente ideal. Mas se engana quem acredita que só é possível se promover gastando muito dinheiro. Para dar o primeiro passo, basta montar o seu perfil profissional nas redes sociais.

Por isso, neste artigo, você verá:

Confira, então, as nossas dicas para crescer — e aparecer — no ambiente virtual!

O que é um perfil profissional nas redes sociais?

O seu perfil profissional nas redes sociais é uma página que você usa para promover sua imagem como freelancer e alcançar mais clientes. Ele pode ser seu único perfil naquela rede ou ser um usuário separado. Também pode ser feito no seu nome ou exclusivamente com o nome da sua empresa.

Esse perfil serve como um cartão de visita. Em vez de tentar incluir todos os seus dados em um pedacinho de papel, você coloca um link para suas redes sociais, em que terá informações mais detalhadas. A partir delas, pode direcionar o público para o seu site, loja virtual ou qualquer que seja seu principal canal de trabalho.

Por que é importante ter um perfil profissional nas redes sociais?

Para todo profissional, mas especialmente para os freelancers, ter uma boa presença online é a melhor maneira de promover a sua carreira. Alguns dos principais benefícios que as redes sociais trazem estão a seguir.

Melhor ambiente para o seu marketing pessoal

Em resumo, marketing pessoal é um conjunto de estratégias usadas para promover a sua imagem no mercado de trabalho. Para quem é empreendedor autônomo, é assim que você consegue levar seus produtos e serviços até as pessoas mais interessadas. Considerando que milhões de pessoas já usam as redes sociais todos os dias, é um ótimo lugar para alcançar um grande número de potenciais clientes.

Oportunidade para formar parcerias

Redes sociais são, bem… sociais! Nelas gente do mundo inteiro se reúne para compartilhar conteúdo e opiniões de todo tipo. Não só isso, mas também é um ótimo espaço para formar grupos com interesses comuns. É só olhar as várias páginas e os inúmeros grupos dedicados a programas de TV, artistas, hobbies e até diferentes carreiras. Basta ter um perfil e você pode encontrar outras pessoas e formar as conexões que precisa.

Aprender mais sobre seu público

Um dos recursos mais úteis nas redes sociais hoje é poder acompanhar praticamente tudo que o público faz. Quais páginas mais curtem, com que tipo de conteúdo se envolvem, como respondem a diferentes chamadas, entre outras coisas. Toda essa informação é muito preciosa para formar estratégias e melhorar seu posicionamento no futuro. Se você tem uma página, pode monitorar a performance de cada postagem e testar quais delas dão melhores resultados.

Como ter um bom perfil profissional nas redes sociais?

Que as redes sociais são importantes para o seu perfil profissional todos sabem. A parte difícil é montar um perfil que atraia clientes. Esse processo pode até não ser um bicho de sete cabeças, mas ainda exige um pouco de preparo.

Confira aqui algumas dicas práticas que vão ajudar nessa missão:

Escolha as fotos certas

As primeiras coisas que o público vê da sua empresa são imagens, não o seu nome. Se você quer chamar a atenção de um lead, precisa de fotos e imagens marcantes e claras — que o cliente note como a sua empresa só de bater o olho. Isso inclui usar imagens de boa qualidade e com a definição certa para cada área, seja em postagens, perfil ou capa.

Defina as redes adequadas

Toda rede social é útil para conquistar clientes, mas os resultados variam. Depende do tipo de perfil que você tem como profissional. Algo com mais seriedade e sobriedade costuma cair melhor no LinkedIn, que é uma rede voltada para empresas. É um artista? Instagram, TikTok e Twitter são lugares bem melhores para construir sua audiência.

Preencha todas as suas informações

Digamos que um lead viu uma postagem, se interessou pelo seu trabalho, clicou no seu perfil e… nada. Nenhum complemento, número de contato, site, informação, nada. Nem precisamos dizer que você perderia o cliente, não é?

Antes de deixar seu perfil como “finalizado”, confira se há mais informações importantes que precisam ser colocadas, especialmente contatos, site, portfólio e sua loja. Não precisa ser uma dissertação com a sua história, só as coisas que o lead realmente deve saber.

Faça um bom networking

Não faz sentido criar um perfil nas redes sociais e não aproveitar a oportunidade para usar a rede. Há sempre outros freelancers com quem é possível fechar parcerias mútuas. Assim, você divulga o trabalho deles e eles divulgam o seu. O importante é que todas as partes saiam ganhando alguma coisa nessa empreitada. Vocês não serão “parceiros” se só um dos lados tiver algum benefício.

Limpe o que não for relevante

O maior erro que muitos cometem ao montar um perfil profissional nas redes sociais é não dar aquele polimento nas postagens. Alguns freelancers misturam os perfis pessoal e profissional, aí a página na qual você recebe clientes é a mesma com as fotos das férias, de festas e hobbies. Se não for separar os dois lados, ao menos apague tudo que não estiver alinhado com a sua imagem profissional.

Analise perfis que estão em alta

Sabemos que é difícil criar um perfil de sucesso a partir do nada. Mas, por que você teria que começar do “nada”? Há milhões de outros freelancers nas redes sociais, muitos que têm redes sociais de sucesso. Se estiver em dúvida e quiser se inspirar, use esses perfis como referência. Não é para copiar a identidade nem o conteúdo, só usá-lo para entender quais perfis fazem mais sucesso com o público.

Evite exageros

A melhor forma de atrair bons clientes como freelancer é mostrar seus trabalhos já realizados e formações. É assim que você constrói sua reputação. Mas tem sempre aqueles que exageram e enchem uma rede social com detalhes e mais detalhes do seu currículo que nenhum lead vai olhar.

Mantenha a quantidade de informação apenas no essencial e inclua links para páginas mais detalhadas. A landing page do seu site, um e-book, portfólio digital no Google Sites etc.

Fique de olho nas configurações de privacidade

Dependendo da sua estratégia e do seu perfil, não é todo mundo que deve ver todas as suas postagens. Esse é, inclusive, o principal motivo para separar o perfil profissional nas redes sociais do pessoal. Outra camada de proteção aqui é o controle de privacidade.

Quase toda rede social tem isso. Ao postar ou na sua configuração padrão, você pode definir quem tem acesso a certos conteúdos no seu perfil. Assim, consegue criar postagens exclusivas para quem curte ou segue você ou separar mensagens pessoais e profissionais no mesmo perfil.

Conheça o seu tipo de perfil

Nenhum freelancer é igual, mesmo que alguns tenham certas coisas em comum. Então, cada perfil também precisa ser diferente. O conteúdo de um jovem aprendiz vai ser diferente daquele de um especialista com anos de experiência, por exemplo.

Qual deve ser a postura de um profissional nas redes sociais?

Montar o seu perfil direito é um passo importante, mas certamente não é o único! Depois de completo, você ainda tem que administrá-lo para continuar atraindo mais leads e fechando mais negócios. Isso envolve, entre outras coisas, ter uma postura profissional nas redes sociais.

Veja aqui algumas dicas para agir de forma profissional na internet:

Separe seu perfil pessoal do profissional

Já mencionamos essa dica, mas vale reforçar. Já perdemos a conta de todas as pessoas que misturaram perfil pessoal e profissional só para perder clientes e credibilidade. É bem melhor manter ao menos alguma separação entre os dois. Também é uma boa ideia ter um controle mais rigoroso com relação a quem pode observar seu perfil pessoal, limitando-o aos seus conhecidos mais próximos, por assim dizer.

Construa sua imagem como se fosse uma marca

Quando você faz um perfil pessoal, seu objetivo é se entreter, fazer amigos e tudo mais. O mesmo se aplica ao perfil profissional, mas com um grau maior de “intencionalidade”. Não é só postar algumas coisas que cheguem de forma natural, mas sim construir toda uma imagem profissional, como uma marca.

Isso inclui coisas como:

Lembre-se: o seu perfil é como o seu cartão de visita. Ele determina o que as pessoas vão pensar de você à primeira vista e contém os dados mais importantes para o seu público.

Mantenha seu perfil ativo

Mesmo que as redes sociais não sejam lugares de puro entretenimento para você, não adianta muito deixar o seu perfil parado. A maioria dos freelancers só tem a ganhar com uma ou outra postagem por dia. Isso mantém o público engajado e também marca o seu perfil como ativo, melhorando suas chances de ser visto — evitando, assim, o ostracismo virtual.

E para que esse engajamento seja útil, é necessário postar conteúdo relevante para seu público. Então, a menos que você seja tosador ou veterinário, esqueça as fotos de gatos. Poste coisas que envolvam seu trabalho, eduque o público, tire dúvidas e use essas conversas para conseguir mais oportunidades.

Verifique as fontes das suas informações

Boa parte do conteúdo em redes sociais são links compartilhados, seja de vídeos, seja blogs. Mas, como já sabemos, não dá para confiar em todo link por aí. Se você compartilha algo apenas com base na manchete, sem ler ou confirmar a fonte, isso também pode prejudicar a sua credibilidade. É melhor tirar alguns minutos para checar do que espalhar desinformação no seu perfil profissional.

Use memes com parcimônia

Memes são bons, na verdade. Imagens, prints e outros conteúdos do tipo são fáceis de reconhecer, divertidas e promovem engajamento fácil. Mas esse ainda é o seu perfil profissional, não uma página para spammar compartilhamentos. A resposta aqui é: use, mas com moderação. Você ainda quer que os leads sigam seu perfil pelo seu trabalho, não só pelas fotos com textos engraçados.

Como conseguir oportunidades de trabalho nas redes sociais?

Hoje em dia, mais pessoas se sentem à vontade para contratar freelancers pelas redes sociais. Basta olhar todos os artistas anunciando comissões no Twitter e Instagram. Mas o que você pode fazer do seu lado com o perfil profissional nas redes sociais para conseguir mais trabalhados? Veja algumas opções:

Você também pode se interessar por este conteúdo:

Mostre o seu trabalho

Pode parecer bem óbvio falando assim, mas é a verdade. Especialmente para perfis mais criativos! Além de montar um portfólio com alguns dos seus principais trabalhos, poste outras atividades suas, clientes satisfeitos e tudo mais que diga “eu faço um bom trabalho e posso provar”. Se não, será só mais um perfil fantasma.

Participe de grupos

O Facebook é bem conhecido pelos seus grupos, páginas em que todos os membros possuem algum interesse em comum. Participar de grupos relacionados à sua área de atuação é obrigatório para o seu networking, além de ser o método mais eficiente para conhecer esse mercado.

Pesquise as hashtags mais usadas

Hashtags são aqueles marcadores colocados em algumas postagens com base em um tema. Quando acontece o Rock in Rio, por exemplo, sempre tem uma hashtag do evento no perfil oficial, mas que também é usada em postagens sobre os shows, compra de ingresso e tudo mais.

Hashtags populares são uma forma de ganhar mais tração. Se um assunto bomba ou um tema é do interesse particular do seu público, eles vão pesquisar pela tag. Aí vão encontrar postagens suas e o seu perfil.

Depois de montar o seu perfil profissional nas redes sociais, é bom tirar algum tempo para fazer testes, comparar postagens e fazer um ou outro ajuste. O mais importante, afinal, é ter uma boa estratégia de marketing pessoal e usar esses espaços a seu favor.

Então, se quiser aprender como dar o próximo passo para melhorar sua presença online, baixe nosso e-book com as melhores estratégias de redes sociais para freelancers.

Compartilhe
facebook
linkedin
twitter
mail
Copyediting

Thiago Murça

Copywriting

Wanderlei Corrêa

Gostou deste conteúdo?

Envie-o para seu e-mail para ler e reler sempre que quiser.

Posts Relacionados

4 dicas para criar sites multilíngues

alt Renata Figueiredo
jul 23, 21 | Leitura: 5min

Como escolher a melhor imagem possível para seu post

alt Redator Rock Content
fev 13, 15 | Leitura: 4min

Os melhores conteúdos para sua carreira freelancer, direto na sua caixa de entrada

Inscreva-se para receber no e-mail conteúdos exclusivos e em primeira mão.