Por Redator Rock Content

um de nossos especialistas.

Publicado em 29 de agosto de 2018. | Atualizado em 22 de maio de 2019


Muitas variáveis influenciam o desempenho de um e-commerce. Saber todas elas é difícil, então, é preciso estudar um pouco mais o comportamento do visitante. O teste A/B para e-commerce é a melhor forma de entender o que performa melhor diante de quem visita seu site.

Para uma boa performance, um e-commerce precisa mais do que somente bons produtos. Cada elemento do site tem um impacto direto no visitante e, para que ele seja positivo, é preciso fazer boas escolhas.

O teste A/B para e-commerce é de grande apoio na hora de tomar essas decisões. Por meio dos resultados coletados, ele ajuda a entender quais opções apresentam um desempenho melhor.

Por exemplo, se você usa um banner, a tendência é que ele chame atenção para um produto, fazendo até mesmo a linkagem. No entanto, o design dessa peça impacta o visitante de diferentes formas.

Assim, é importante deixar por determinado período um modelo “A” e, em outro período, o modelo “B”. A proposta é verificar qual das 2 opções recebeu mais cliques e converteu para o site.

Existe uma série de testes A/B que podem ser utilizados no e-commerce. Fique por dentro dos 10 principais, entenda como funcionam e os aplique agora mesmo!

1. Pop-up de texto x pop-up de texto sobre imagem

Os pop-ups são recursos muito interessantes e amplamente utilizados em muitos e-commerces. Eles podem ofertar lançamentos, promoções ou newsletter, como estratégia de obtenção de leads.

Ainda assim, para que captem a devida atenção do usuário, precisam ser” interessantes. Há, basicamente, 2 formas de apresentar um pop-up: somente com texto, ou em imagem como fundo da parte escrita.

Cada negócio tem uma segmentação de público e persona, então, é importante testar esses formatos. Eles devem trazer, basicamente, a mesma mensagem, apenas mudando a forma de apresentação.

Após isso, basta acessar as métricas e saber qual teve melhor desempenho. A propósito, é sempre importante considerar que os conteúdos visuais são mais propensos a engajar o visitante.

2. Imagens diferentes em uma landing page

Ainda falando sobre imagens, dependendo da qualidade e da mensagem que transmitem, a possibilidade de captar a atenção do usuário é potencializada.

No teste A/B para e-commerce é fundamental checar resultados com diferentes fotos na landing page. Essa é uma ferramenta que tem bons efeitos na captação de leads, tão importantes no relacionamento com o público.

Geralmente, as landing pages usam imagens ilustrativas como background do formulário em que o usuário preenche seus dados. Quanto mais impactante forem, maior a chance de conseguir o lead.

Pode ser difícil escolher a imagem certeira, então, não resta decisão melhor do que realizar os testes. Mais uma vez, faça com 2 alternativas durante um tempo e torne a principal aquela que conquistar mais conversões.

3. Promoções em diferentes dias da semana

Quem trabalha com marketing digital sabe o quanto os horários e dias influenciam os resultados. Usuários da Web estão mais propícios às interações e visualizações em diferentes períodos, e isso tem impacto direto nos resultados.

Quando se trata de promoções, em que as oportunidades de conversões são excelentes, é fundamental realizar os testes para ter o máximo de desempenho.

Um bom exemplo são os cupons de desconto para quem assinar uma newsletter. Por si só, a estratégia é muito boa, mas pode melhorar. Para isso, teste o disparo desse pop-up ou landing page em diferentes dias e horários.

Divida em 2 possibilidades, cada uma com 3 dias na semana em um período do dia. Em, no máximo, 2 semanas, já é possível perceber quando o usuário engaja mais.

4. Diferentes tipos de exibição de lista de produtos

Para os visitantes de um e-commerce, é sempre interessante visualizar páginas com uma ampla seleção de produtos. Se você vende coleiras para cachorros, por exemplo, é importante mostrar todos os produtos em uma página.

No entanto, há diversas formas de mostrar esses itens, como listas em grade, horizontais ou destacando alguns produtos específicos, geralmente, os mais visitados.

Diferentes disposições podem performar bem, algo que também varia de acordo com seu público. O ideal é identificar as 2 melhores formas de mostrar os produtos para entender quais prendem mais a atenção do consumidor.

Ao realizar esse teste A/B, verifique métricas para e-commerce como cliques, tempo de permanência na página e outras conversões mais avançadas, até mesmo como vendas.

Você pode se interessar por esses outros conteúdos sobre e-commerce

👉 Potencializar vendas na internet: 7 dicas para seu e-commerce

👉 Como garantir um bom atendimento ao cliente em e-commerce

👉 Análise SWOT para e-commerce: otimize a sua loja online


5. Visualização rápida e detalhada dos produtos

Ao visualizar os produtos, além de ter essa possibilidade de ter muitas alternativas em sua tela, o visitante também quer agilidade.

Esse senso de urgência e praticidade é uma característica forte do consumidor em plena era do Marketing 4.0, então, é bom sempre atendê-la.

Ao se interessar por algum item, o usuário quer saber mais sobre ele, visualizar em uma imagem ampla e ter alguns detalhes, porém, sem sair da página.

Diante disso, um bom teste para se fazer é permitir a possibilidade da visualização rápida. Ao passar o cursor sobre o produto, o consumidor visualiza uma janela temporária que se abre, ampliando a imagem e com mais detalhes sobre o produto.

É interessante oferecer essa possibilidade para entender se ela realmente traz mais conversões, tendo essa percepção pelo teste A/B, naturalmente.

6. Ofertas atrativas no checkout

Um dos grandes fantasmas do e-commerce é o abandono de carrinho. Essa métrica significa que o usuário desistiu da compra já no checkout, ou seja, no momento de confirmar a compra e pagar por ela.

O problema é tão grande que um estudo do Baymar Institute apontou que a taxa geral de abandono está beirando os 70%.

Boas estratégias chamativas ajudam a suavizar isso! O teste é simples: no checkout, use os gatilhos mentais em seu favor com a oferta de algo vantajoso ao seu cliente, fazendo ele se sentir privilegiado.

Uma boa forma de conseguir isso é mostrar um banner informando que ele ganhou frete grátis, desconto no valor final da compra, ou que ele conseguiu o envio grátis porque está comprando acima de determinado valor. A sensação de ganhar algo conduz o usuário à confirmação!

7. Variações de Call to Action (CTA)

Há algumas frases que fazem toda a diferença na forma de se comunicar com quem navega no seu site. Pode parecer algo simples, mas estudar diferentes possibilidades de CTA é um valioso teste A/B para e-commerce.

O mais importante é que você pode usá-las em diversas páginas, ou seja, também pode tentar variações sempre para entender quais trazem melhor conversão.

Sabe aquele clássico botão de “compre agora”? Nem sempre essa frase é o melhor termo que você pode usar. Apesar de precisar ser simples e objetiva, essa chamada para ação pode ser mais suave e igualmente direta.

Teste outros termos, como somente “Compre” ou “Compre o seu”, e verifique quais tem desempenho melhor. Acredite: simples mudanças de termo podem fazer muita diferença!

8. Email solicitado antes de abrir a página de checkout

O checkout, como você viu, é um momento muito importante para as lojas online. Ainda que haja o abandono de carrinho, esse usuário pode gerar um lead e, com um trabalho seguinte, ser convertido finalmente em um consumidor.

Para isso, um teste A/B para e-commerce é fundamental: solicitar o email do usuário antes de fazer com que ele siga para a conclusão da compra.

Naturalmente, é preciso fazer isso em uma opção bem simples, se limitando somente ao preenchimento do email. A proposta é simples: se a compra não for concretizada, um follow up pode ser realizado imediatamente com o remarketing para e-commerce.

Assim, esse usuário recebe um email avisando que ele tem itens no carrinho e ainda pode ver publicidade do tipo na Rede de Display.

9. Imagem estática de valor x carrosséis

As diferentes formas de publicidade com banners podem ser muito interessantes para captar atenção do usuário no seu e-commerce. Porém, é preciso entender a fundo o que cada uma delas pode causar.

Os carrosséis são bonitos e funcionam bem, mas um bom layout estático e de valor, que traz a mensagem de forma impactante, também deve ser considerado um ótimo recurso.

O ideal é fazer testes avaliando o que cada uma dessas alternativas causa no visitante do site. Carrosséis podem demorar a entregar a mensagem final, causando impaciência e não surtindo efeito, por exemplo. Ainda assim, para alguns usuários, eles podem prender a atenção.

Teste ambos os formatos e veja qual deles gera mais cliques, observando as conversões e outras métricas relacionadas a cada um.

10. Informações de contato em destaque

Vender pela internet ainda é muito sobre confiança. O primeiro grande desafio do e-commerce foi vencer a ideia de que não era seguro comprar pela Web.

Até hoje, os consumidores buscam credibilidade, e a ideia de que estão aparados pela lei e que podem ter contato direto com quem vende para eles. Por isso, é sempre importante mostrar de forma clara os canais para isso.

Existem muitos sites que expõem e-mails, links de redes sociais, telefones e outros contatos apenas no rodapé. Isso pode diminuir o engajamento e evitar a proximidade, algo que deve ser a base para trabalhar na Web.

Realize teste A/B para e-commerce mostrando esses dados no rodapé por um tempo e, depois, dê mais destaque a eles, no cabeçalho, por exemplo. Verifique qual traz mais engajamento e leads!

Não há mistérios em conseguir um bom desempenho ao vender online. Há muitas questões que variam e impactam o usuário de diferentes formas. Nesse contexto, o teste A/B para e-commerce é o recurso mais produtivo na hora de descobrir o que funciona bem no seu site!

Curtiu este conteúdo? Agora, saiba como o teste A/B também pode ajudar no rankeamento da sua página!

100.000 pessoas não podem estar enganadas
Deixe seu email e receba conteúdos antes de todo mundo

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *