Por Ivan de Souza

Analista de Marketing na Rock Content.

Publicado em 23 de maio de 2019. | Atualizado em 9 de julho de 2020


O WooCommerce é uma plataforma de e-commerce completa para o WordPress. O mais interessante é que, por mais que seja amplamente completa e satisfatória, ela é apenas um plugin da tradicional plataforma de CMS. Descubra, neste artigo, como ter ótimos resultados usando essa ferramenta!

Para alavancar os seus objetivos de negócio, é fundamental que uma empresa esteja inserida em todos os canais comerciais, o que inclui ter uma loja virtual. E se você tem um site construído no WordPress, a plataforma mais adequada para isso é o WooCommerce.

Porém, quando falamos sobre e-commerce, é comum que empreendedores cocem a cabeça por não saberem exatamente por onde começar e como gerir uma loja virtual. Por essa razão, desenvolvemos este guia completo sobre WooCommerce que passará pelos seguintes pontos:

  • o que é o plugin WooCommerce;
  • quais são as funcionalidades do WooCommerce;
  • quais são as vantagens e desvantagens do WooCommerce;
  • como instalar o WooCommerce no WordPress;
  • como adicionar e gerenciar produtos no WooCommerce;
  • como fazer a gestão do WooCommerce;
  • como personalizar botões e templates no WooCommerce;
  • exemplos de sites que utilizam WooCommerce.

Vamos em frente?

O que é o plugin WooCommerce?

O WooCommerce é um plugin de WordPress que permite a criação de lojas virtuais a partir de códigos abertos. Por isso, é muito comum as empresas que já possuem sites em WordPress optarem pelo WooCommerce para gerir os seus e-commerces.

Originalmente, a ideia foi desenvolvida pelos programadores Mike Jolley e James Koster em 2011. Quatro anos depois, ela acabou sendo adquirida pelo WordPress e detém 26% de todas as lojas virtuais do mundo.

Afinal, o WooCommerce permite vender qualquer tipo de produto ou serviço, desde itens duráveis até infoprodutos e assinaturas de conteúdo. Também possui integração com as mais variadas formas de pagamento, tais como:

  • cartão de crédito;
  • cartão de débito;
  • boleto bancário;
  • transferência eletrônica;
  • PagSeguro;
  • Mercado Pago;
  • PayPal;
  • entre outros.

Portanto, uma vez que o cliente queira comprar a sua oferta, escolher a forma de pagamento de sua preferência não será um problema.

Quais são as funcionalidades do WooCommerce?

Ao ter o WooCommerce, você terá as funcionalidades necessárias para gerir a sua loja virtual. Apontamos aqui as principais.

Cadastro de produtos

Dentro do WooCommerce, você pode inserir e editar todos os produtos do seu negócio. Além disso, se houver produtos parecidos, é possível duplicá-los e alterar as diferenças que existem entre eles. E caso um deles seja o seu carro-chefe, você também pode destacá-lo no site para receber mais acessos e possibilidades de compra.

Formas de pagamento

Como dissemos acima, o WooCommerce traz muitas opções de pagamento, são mais de 140 formas que você pode disponibilizar para os seus clientes. Isso é muito importante para se certificar de que não haja carrinho abandonado caso o meio de pagamento não atenda o cliente. E por falar nisso…

Recuperação de carrinho abandonado

Existe um módulo preparado para resgatar aqueles clientes que estiveram muito próximos de comprar, mas não foram em frente. Este módulo envia e-mails com base nos produtos colocados no carrinho, incentivando-os a concluir a compra.

Acompanhamento de cada pedido

O acompanhamento não funciona apenas para abandono de carrinhos, mas também nas vendas como um todo. Por meio do WooCommerce, você consegue se manter em contato com o cliente via e-mail desde o fechamento da compra até a entrega. Por sinal, em casos de produto físico, você também pode disponibilizar frete grátis, valor único ou cálculo do valor do envio.

Código aberto

Esta funcionalidade é um dos maiores diferenciais do WooCommerce, pois permite que a sua loja virtual fique com a cara da sua empresa. Afinal, por meio dela, você pode fazer conexões com outros softwares e aplicativos que façam parte da gestão do seu negócio.

Pagamentos recorrentes

Para a oferta de serviços feitos nos moldes de mensalidade ou assinatura, o WooCommerce oferece essa opção.

Loja no Facebook

Claro que a maior rede social do mundo não poderia estar de fora. O WooCommerce consegue conectar a sua loja virtual ao Facebook a fim de aumentar o alcance das suas ofertas tanto de forma orgânica quanto via anúncios pagos no Facebook Ads.

Emissão de relatórios

Por fim, para que você tenha informações sobre as vendas, quais produtos foram mais adquiridos, estatísticas, entre outras, basta acessar os relatórios emitidos pelo WooCommerce que facilitarão a sua gestão e os seus fechamentos.

Promoções

O WooCommerce também conta com ferramentas para ativar promoções e atrair ainda mais o seu público. Se fizer um lançamento, por exemplo, pode ativar uma contagem regressiva na página. Em caso de ofertas por tempo limitado, é possível disponibilizar cupons de desconto.

Confira também estes conteúdos:
👉 Como fazer meu site WordPress aparecer no Google? Descubra em 8 passos
👉 Aprenda a fazer CTAs estratégicos para converter seus visitantes em clientes
👉 6 razões para criar um site durante um momento de crise no Brasil

Quais são as vantagens e desvantagens do WooCommerce?

Ao optar pelo WooCommerce, você passa a ter benefícios assim como pontos de cuidado que merecem a sua atenção.

Vantagens do WooCommerce

Comecemos pelos benefícios que a plataforma oferece.

Simples de usar

O WooCommerce é uma plataforma fácil de operar, sobretudo para aqueles que estão habituados a usar o WordPress. Ainda que você não seja desenvolvedor WordPress, não terá dificuldades em tirar aproveitamento máximo da ferramenta.

Visibilidade online

Como o WooCommerce foi desenvolvido dentro do WordPress, a plataforma prioriza o conteúdo de modo que as páginas de cada produto estejam otimizadas para SEO e façam com que se destaquem nos resultados de busca do Google.

Sistema gratuito

Embora para ter um site no WordPress seja preciso comprar domínio e servidor, além de investir em plugins e templates premium caso forneçam alguma funcionalidade específica, o sistema do WooCommerce é gratuito de modo que programadores podem atribuir novas funcionalidades à plataforma sem custos adicionais.

Reconhecimento de mercado

O WooCommerce é uma das soluções mais utilizadas por desenvolvedores por conta de sua flexibilidade em desenvolver lojas virtuais que podem ser operadas até mesmo pelos donos de negócio. Isso fez com que sua marca ganhasse mais reconhecimento de mercado.

Desvantagens do WooCommerce

Agora, vejamos quais são os pontos que exigem uma atenção maior.

Em alguns momentos, você precisará de um desenvolvedor

Por mais que o WooCommerce seja simples de instalar (tal como apresentaremos mais adiante aqui neste artigo) e de operar, é provável que algumas ações requeiram a ação de um programador.

Por exemplo: vamos supor que você tenha um programa de gestão de fluxo de caixa e queira integrá-lo. Como dissemos, o WooCommerce tem API aberto, o que traz essa possibilidade. Porém, a integração pode não ser tão fácil de fazer, cabendo a um profissional especializado desenvolvê-la.

A segurança do site precisa ser mantida por você

Toda vez que entramos num site para realizar uma compra, aparece um cadeado ao lado da URL indicando que a conexão é segura, certo? Todas as pessoas se atentam a isso, certo? Bom, nem todas.

Por isso, é fundamental que o site tenha um certificado de segurança para permitir uma navegação segura. Esse certificado pode ser solicitado ao servidor de hospedagem e aplicado no WordPress por meio do plugin Really Simple SSL.

Por outro lado, a segurança interna do site também deve ser praticada por você. Portanto, evite a instalação de temas e plugins piratas (pois, podem estar infectados) e verifique as atualizações. Essas boas práticas fazem com que seu site esteja menos propenso a ataques virtuais.

Você deve fazer backup periodicamente dos seus arquivos

Embora os visitantes do site tenham uma experiência única ao acessá-lo e escolher um produto para comprar, ele é uma junção de uma série de funcionalidades dentro do WordPress.

A apresentação do site fica a cargo do tema, a organização do menu se faz por meio de um widget, as diversas funções através de plugins, a compra online via WooCommerce. Por isso, é fundamental que todas essas funcionalidades estejam funcionando bem, pois se uma delas der problema, toda a experiência dos visitantes é prejudicada.

Alguns exemplos: se o tema não for atualizado, telas de erro podem atrapalhar a navegabilidade; se algum plugin de pagamento estiver desativado, seus clientes ficarão impossibilitados de comprar.

Algumas vezes, até mesmo a simples atualização de um desses componentes pode causar uma quebra na estrutura. Por isso, trate de fazer um backup do site de maneira recorrente, o recomendável é que seja feito 1 vez por semana.

Como instalar o WooCommerce no WordPress?

Por se tratar de um plugin, você pode encontrar o WooCommerce no diretório de plugins do WordPress. Acompanhe aqui o passo a passo de como instalá-lo e ativá-lo.

Como fazer download do WooCommerce

  1. No menu esquerdo do dashboard do WordPress, vá até “Plugins”.
  2. Em seguida, clique em “adicionar novo”.
  3. Busque por “WooCommerce” na barra de pesquisa.
  4. Ao encontrar o plugin, clique em “instalar agora”.
  5. Assim que a instalação for concluída, clique no botão “ativar” e o WooCommerce aparecerá no menu esquerdo.
woocommerce

Como configurar o WooCommerce

Assim que a ativação do WooCommerce estiver concluída, o próximo passo é configurá-lo de acordo com as necessidades do seu negócio.

Uma mensagem de boas-vindas é exibida para que você dê início a esse processo. Mas, se você a tiver pulado, basta ir em WooCommerce > Ajuda > Assistente de Instalação e clicar em “let´s go”.

Na sequência, no Page Setup, o WooCommerce informará quais serão os dados necessários para a criação da sua loja virtual:

  • Shop: a página em que os seus produtos serão exibidos;
  • Cart: o carrinho que os clientes poderão usar antes de concluir a compra;
  • Checkout: a página em que os clientes inserem os dados para comprar;
  • My Account: os clientes que já tiverem comprado poderão ver nesta página os detalhes do produto ou serviço adquirido.
woocommerce

Em seguida, clique em “continue” para prosseguir.

Na tela de Store Locale você precisará informar em que país a sua empresa está localizada, qual será a moeda utilizada, assim como unidades de peso e dimensão caso a loja venda produtos físicos. Clique em “continue”.

woocommerce

Em Shopping & Tax, você deverá dizer se os produtos serão enviados por você ao cliente e se você é quem pagará essas taxas. Caso a sua oferta se trate de um serviço ou infoproduto, basta não marcar esses campos e clicar em “continue”.

Powered by Rock Convert
woocommerce

A parte de Payments é dedicada a definir quais serão os métodos de pagamento disponibilizados para os seus clientes. Se necessário adicionar outras formas posteriormente, não se preocupe que explicaremos mais adiante aqui mesmo neste artigo. De momento, clique em “continue” ao concluir esta etapa.

woocommerce

Pronto! A configuração do WooCommerce estará terminada após esse último passo. E para saber como adicionar produtos e começar a vender, continue a leitura!

Como adicionar e gerenciar produtos no WooCommerce?

Os produtos são os principais elementos de uma loja virtual. Por isso, após a instalação e configuração, a próxima ação a ser feita é adicioná-los ao seu e-commerce.

O primeiro passo para isso é ir em WooCommerce no menu esquerdo do WordPress e clicar em “Products”. Na tela que aparece a seguir, clique em “Create your first product”.

woocommerce

A seguir, digite o título do produto assim como a descrição. Trate de descrevê-lo de uma forma bem completa, considerando a sua persona e as boas práticas de SEO para e-commerce.

Em “Product Data” você pode personalizar o produto. É sugerível começar com um produto simples que traz os seguintes itens:

woocommerce
  • General: aqui você deve definir o preço do produto;
  • Inventory: esta seção é destinada ao inventário, o SKU (Stock Keep Unit) precisa ser fornecido para determinar a disponibilidade no estoque e o campo “sold individually” deve ser marcado caso o produto seja vendido um de cada vez;
  • Shipping: refere-se ao envio, dimensões, peso e classe dos produtos;
  • Linked Products: aqui, você pode adicionar produtos vinculados à dus oferta;
  • Attributes: nesta parte, você pode adicionar atributos ao produto, tais como títulos e modalidades diferentes;
  • Advanced: neste último item, você consegue criar notas de compra para os clientes assim como permitir que eles enviem reviews sobre os produtos.

Além disso, é possível adicionar outros tipos de produto, são eles:

  • produtos agrupados: fica dentro da opção “Product Type”;
  • produtos externos: permite adicionar um produto de terceiro, fica dentro de “External/Affiliate” em “Product Type”;
  • produto variável: a adição é similar ao do produto simples, também está disponível em “Product Type”;
  • produto virtual: para inserir este tipo de produto, basta marcar a opção “Virtual” em “Product Type”;
  • produto para download: em “Transferable” você pode disponibilizar produtos que podem ser baixados.

Por fim, em “Catalog Visibility”, você pode permitir se o produto estará disponível em todos os lugares da loja ou somente em algumas páginas. Após configurar tudo, assim como um blog post, basta clicar em publicar.

Como fazer a gestão do WooCommerce

O WooCommerce traz uma parte de configurações que permite alterar o local da sua loja, a moeda utilizada, entre outras opções. Vejamos agora cada uma das guias disponíveis.

General

Nesta parte você pode informar ou alterar a localização da sua loja, moeda e taxas de modo que tudo fique visível para os seus visitantes.

woocommerce

Products

Aqui as características do produto podem ser inseridas, tais como dimensões, peso e ativação de reviews.

woocommerce

Shipping

Se você vende seus produtos a nível nacional ou mundial, essas informações de remessa podem ser inseridas aqui.

woocommerce

Checkout

Nesta guia é possível modificar as configurações dos métodos de pagamento. Por padrão, você pode escolher até 5 formas e adicionar outras via extensões. Como o certificado SSL é fundamental em lojas virtuais, você também pode forçar um checkout seguro.

woocommerce

Accounts

Nesta parte, você consegue alterar o local da página de conta, ativar ou desativar o registro de clientes, entre outras configurações de login e criação de conta.

Emails

Aqui os e-mails podem ser configurados para que seus clientes recebam notificações do e-commerce toda vez que for feito um novo pedido, cancelamento, criação de conta, enfim, todas as ações que os visitantes podem executar na sua loja.

woocommerce

API

Nesta última guia você pode habilitar o uso de API no WooCommerce, isto é, habilitar a integração entre ele e softwares e aplicativos de terceiros. Caso seja preciso fazer isso via Webhook, a guia conta com um campo específico para isso.

woocommerce

Como personalizar botões e templates do WooCommerce?

E para começar a fazer a loja online ficar com a identidade visual da sua empresa, vejamos como você pode customizar os temas e botões dentro do WooCommerce.

Como personalizar templates do WooCommerce?

A instalação de um tema no WooCommerce segue o mesmo procedimento necessário para instalar um template no WordPress tal como ensinamos aqui. Porém, se você comprar o seu tema diretamente no WooCommerce, existem algumas ressalvas.

Após fazer a instalação do tema, aparecerá um aviso pedindo para você ativar a chave por meio do WooCommerce Helper, um plugin que deve ser baixado separadamente e que permite facilidade nas atualizações e contato com a equipe de suporte.

woocommerce

Ao fazer o download, instalação e ativação do WooCommerce Helper, ele aparecerá no seu menu esquerdo. Para fazer a ativação da chave, clique no botão azul que diz “Connect your WooCommerce Account”. A partir disso, você pode conectar a sua conta automaticamente (caso esteja logado no WooCommerce) ou manualmente ao clicar em “Connect Subscriptions”.

Caso plugins ou extensões estejam ausentes na lista de subscriptions, isso significa que a sua versão é mais antiga e o WooCommerce Helper não a detecta. Por isso, você precisará fazer o download da versão mais recente na seção de downloads do WooCommerce.

Como personalizar botões do WooCommerce?

Existem três formas de customizar os botões do seu WooCommerce: tema, plugin e CSS. Vejamos agora cada um deles.

Personalizando botões com tema

Como os temas comuns não apresentam essa função, é necessário que você tenha um tema voltado para lojas virtuais feitas em WooCommerce. 

O Storefront é um tema gratuito que tem essa finalidade, por isso ele traz todas as funcionalidades para customizar os botões do seu e-commerce. 

woocommerce storefront

Para personalizar o botão do carrinho, por exemplo, basta ir em “Aparência” e, em seguida, em “Personalizar”. O tema mostrará as opções para mudar o plano de fundo e a cor dos botões. Após fazer a modificação, basta clicar em “Salvar”.

Personalizando botões via plugins

Caso você prefira fazer essa customização usando plugin, a opção ideal é o WooCommerce Colors. Além de gratuito, ele permite que você adicione funções extras ao seu tema, incluindo botões.

Pode ser que ele não funcione com todos os templates, mas nos temas padrões do WordPress as chances são maiores.

woocommerce colors

Personalizando botões via CSS

Por fim, o terceiro e último meio é o CSS, é necessário ter conhecimentos de programação para escrever o código no style.css tal como ensinaremos agora.

Para estilizar o botão de compra do carrinho, por exemplo, você precisa inserir single_add_to_cart_buttonclasse. E para o botão de adicionar um produto no carrinho, use o add_to_cart_buttonclasse.

Exemplos de sites que utilizam WooCommerce

Agora, vejamos exemplos de sites brasileiros e internacionais que utilizam o WooCommerce como plataforma de e-commerce.

Taylor Swift Store

Taylor Swift Woocommerce

Sim, é isso mesmo que você leu. A cantora Taylor Swift tem um e-commerce próprio destinado à venda de produtos para os fãs. A loja, feita no WooCommerce, vende desde os álbuns da cantora até camisas, acessórios, e muito mais.

Sococo

woocommerce sococo

A empresa nacionalmente conhecida por seus produtos a base de coco também utiliza o WooCommerce. Sua loja virtual permite que os visitantes comprem leite de coco, ralados, bebidas, sobremesas e produtos industrializados.

Moka Clube

moka clube woocommerce

O e-commerce do Moka Clube surgiu para agradar os amantes de café que buscam sabores diferenciados e exóticos. Sua principal oferta é um plano de assinatura que entrega mensalmente seus produtos, embora a loja também permita fazer pedidos maiores para bares e restaurantes.

House of Whisky Scotland

House of Whisky Scotland woocommerce

Como o próprio nome diz, trata-se de uma loja destinada à oferta online de whisky. Apesar de simples, o site oferece uma fácil navegação, o que é essencial para o sucesso das vendas.

Cupcake Studio

Cupcake Studio woocommerce

O Cupcake Studio é uma empresa da Ucrânia que vende doces gelados. Seu tema WordPress é customizado para que sua loja no WooCommerce faça o público ficar com água na boca ao disponibilizar seus produtos que unem suavidade e elegância.

Kawaii Box

kawaii box woocommerce

A Kawaii Box é uma loja virtual dedicada à venda de produtos inspirados, sobretudo, em séries japonesas. Além de um design atrativo e colorido, sua navegabilidade é bem fácil de maneira que os visitantes não tenham dificuldades em encontrar os produtos que desejam. 

Conclusão

Conforme você pôde ver neste artigo, o WooCommerce é a forma ideal de iniciar uma loja virtual uma vez que você tenha um site construído em WordPress.

Afinal, ela conta com diversas funcionalidades que variam desde o cadastro dos produtos no seu e-commerce até a promoção deles.

Além disso, por se tratar de uma solução feita para o WordPress, você também consegue personalizar o tema da loja para deixá-la com a cara da sua empresa.

Contudo, para impulsionar as vendas do seu negócio no WooCommerce, é necessário conhecer bem as técnicas de como vender online. Portanto, confira aqui o artigo que escrevemos a respeito!

100.000 pessoas não podem estar enganadas
Deixe seu email e receba conteúdos antes de todo mundo

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *