Como fazer roteiro para YouTube: 9 dicas para criar vídeos inesquecíveis

Com cada vez mais pessoas consumindo vídeos na internet, a habilidade de escrever roteiros para YouTube se tornou bem requisitada no mercado de trabalho. Por isso, neste conteúdo, ensinamos você a produzir os melhores scripts para essa plataforma!

Roteiro para YouTube

O vídeo já faz parte da vida das pessoas, e se você busca novos meios de se destacar no marketing digital, um caminho é criar um roteiro para YouTube. Isso mesmo! De acordo com um estudo da Kantar Ibope Media, 99% dos internautas consomem esse formato de mídia.

Então, se você tem talento para escrever, pode aproveitar essa oportunidade e criar scripts ou roteiros, que nada mais são que a parte escrita de um conteúdo audiovisual. Mas como escrever esse tipo de texto? Quais temas podem ser abordados? O que levar em conta nessa produção?

Para que você tenha as respostas para essas e outras questões, neste conteúdo falaremos sobre:

Então não perca o post que preparamos para você e anote as nossas 9 dicas sobre como fazer um roteiro para YouTube!

Qual conteúdo criar para YouTube?

Quando falamos de conteúdo online, a boa notícia é que você tem uma infinidade de assuntos que podem ser abordados. O ideal é, antes de sair escrevendo o script, entender bem quem é o seu público. Dessa maneira, você consegue utilizar os melhores recursos para que o seu roteiro seja, de fato, atrativo.

Se você busca dicas sobre como trabalhar como videomaker, precisa entender o processo de produção de um roteiro, certo? E se você é redator e gosta mesmo só de ficar com a parte escrita de um projeto, pode direcionar sua carreira para a produção de roteiros, participando, dessa forma, da construção de um vídeo para o YouTube.

Afinal, de nada adianta uma super produção de vídeo, com as melhores câmeras, figurino e imagens se o texto for ruim, concorda? Por isso, é importante saber como escrever um roteiro para captar a atenção da sua audiência.

Afinal, como começar a escrever um roteiro?

Já tem em mente o seu roteiro para o YouTube e quer começar a escrever?

Antes de tudo, é imprescindível fazer um planejamento, ou seja, uma etapa de pré-produção audiovisual, para estabelecer:

  • objetivo do roteiro;
  • quem vai assistir;
  • onde será veiculado/divulgado;
  • como será produzido? Qual o formato?

Vamos dar um exemplo: você vai produzir um roteiro para YouTube com dicas sobre como fazer uma boa redação para o vestibular. Logo, seu objetivo é levar conteúdo para ajudar jovens que querem entrar na faculdade, mas têm dificuldade na hora de escrever a dissertação.

Embora a criação seja nessa plataforma específica, você também precisa decidir também se vai divulgar vincular o link em outras redes sociais, como Instagram, Facebook ou ainda em outros canais.

Por fim, é interessante estabelecer o formato para o seu roteiro: as dicas serão faladas por um apresentador? Ou o vídeo será uma sucessão de imagens e o seu roteiro será narrado?

Nesse exemplo, a ideia é sugerir dicas para fazer uma boa redação no vestibular, mas, dependendo do conteúdo do seu roteiro, você pode criar um storytelling para o vídeo, modificando o formato do seu script.

Inclusive, olha que legal este vídeo mostrando a importância de utilizar a estratégia do storytelling:

Aqui tem mais dicas para utilizar essa abordagem:

Como fazer roteiro para YouTube? Veja 9 dicas!

Agora que explicamos sobre o planejamento na hora de fazer o roteiro para YouTube, chega o momento de colocar a mão na massa. Dá uma espiada nas 9 dicas para você criar um script incrível para encantar o público:

  1. Identifique qual é a sua audiência
  2. Entenda a necessidade do seu público
  3. Pesquise o tema que será abordado
  4. Defina a duração ideal do vídeo
  5. Divida a estrutura do roteiro
  6. Determine as mensagens e emoções que serão transmitidas
  7. Adeque a linguagem para o seu público
  8. Avalie quais ações são esperados do público após assistirem ao vídeo
  9. Revise e faça os ajustes necessários no roteiro

1. Identifique qual é a sua audiência

Da mesma maneira que temos a persona no momento de escrever um post para o blog, entendendo qual o perfil de quem desejamos atingir com o conteúdo, é preciso saber quem será a audiência do vídeo.

Defina, portanto, qual a média de idade dessas pessoas, qual formato de conteúdo consomem, o que buscam assistir, entre outros aspectos.

Com isso, você sabe quais temas pode explorar, a linguagem que será utilizada e até estima qual o tempo ideal do seu vídeo.

2. Entenda a necessidade do seu público

Ao saber exatamente quem é a sua audiência, você consegue produzir roteiros para YouTube capazes de “conversar” com elas, pois entende o que precisam, quais são suas dores, ou melhor, o que querem encontrar na web.

Dessa maneira, é possível se aprofundar no assunto tratado, tirando dúvidas e trazendo soluções para o público.

Veja o exemplo de sucesso de um negócio nos Estados Unidos que passou a usar o YouTube para chegar no seu público, produzindo tutoriais:

Dica: confira, no vídeo, a opção de legendas em português!

3. Pesquise o tema que será abordado

Para que as pessoas acessem seu vídeo e assistam até o final, é necessário fazer um roteiro bem elaborado, criativo e com informações consistentes.

Então, é importante pesquisar a fundo o assunto que será tratado, evitando erros ou contradições. Se possível, coloque dados confiáveis de pesquisa para embasar o conteúdo e, de quebra, ganhe autoridade na web em relação ao tema apresentado.

4. Defina a duração ideal do vídeo

Não existe um tempo padrão de duração de seu vídeo, pois isso depende do assunto a ser tratado. É claro que é preciso evitar vídeos excessivamente longos pois, na internet, as pessoas buscam rapidez para obter informações.

A dica é estabelecer o tempo de modo que você consiga abordar bem o assunto sem precisar que a narração seja rápida ou que tenha que “encher linguiça”.

Considere que, para uma leitura em ritmo médio, serão cerca de 110 palavras a cada minuto. Além disso, caso queira veicular seu vídeo em uma rede social, o ideal é não ultrapassar os 3 minutos.

Já para uma videoaula ou webinar, o tempo do vídeo pode ser mais extenso.

Veja mais sobre esse tipo de roteiro acompanhando as leituras:

5. Divida a estrutura do roteiro

Para ficar mais simples de escrever o roteiro, a dica é dividir sua estrutura em:

  • introdução;
  • desenvolvimento;
  • conclusão.

Na introdução, você apresenta brevemente o assunto e o que será tratado. Aqui, é preciso encantar o internauta, mostrando dados de pesquisa, fazendo algum suspense ou apontando o problema que ele quer resolver e como você vai ajudá-lo.

No desenvolvimento, aborde o tema, dividindo por tópicos (por exemplo, com dicas numeradas). Na conclusão, encerre o conteúdo e convide o leitor para uma próxima ação, como conferir mais um vídeo do seu canal.

Para redigir o roteiro, o ideal é criar uma tabela, dividida com as seguintes colunas:

  • tempo do vídeo/ texto falado / descrição da cena (se houver imagens).

Assim, seu script fica organizado, facilitando a produção do material e até mesmo a escolha das ferramentas de edição de vídeo.

Confira, também, este outro conteúdo sobre o assunto:

6. Determine as mensagens e emoções que serão transmitidas

Você deve falar diretamente para o seu público, criando uma relação de proximidade com ele. Então, no roteiro, é fundamental planejar as mensagens que pretende transmitir de modo que o texto seja fluido.

Aliás, é possível reservar alguns trechos que possam ser falados com emoção, como alegria, espanto, surpresa, entre outras reações. Tudo isso traz mais naturalidade para o vídeo, envolvendo quem está assistindo.

7. Adeque a linguagem para o seu público

Um ponto importante para construir um roteiro para YouTube é adequar a linguagem ao seu público. Caso fale para pessoas mais jovens, é possível se valer de gírias ou fazer referências culturais de séries ou filmes do momento, por exemplo.

Agora, se o seu público for mais maduro, é preciso ter mais cuidado com a linguagem para engajar a audiência.

No entanto, aqui vale escolher o tom de voz de acordo com a mensagem a ser transmitida. Por exemplo: ao dar dicas de viagem, você pode escolher uma linguagem mais leve para o roteiro mesmo que a audiência seja formada por pessoas com mais de 50 anos.

E não se esqueça de produzir um texto que será falado, por isso, priorize frases curtas para facilitar a fluidez da mensagem.

8. Avalie quais ações são esperados do público após assistirem ao vídeo

Aproveite o fechamento do seu roteiro para fazer o CTA ou call to action, quer dizer, peça alguma ação do seu interlocutor, que pode ser curtir ou comentar o vídeo, se inscrever no canal ou clicar em outro vídeo que tenha uma temática correlata.

9. Revise e faça os ajustes necessários no roteiro

Depois de terminar de escrever o roteiro para YouTube, chega o momento de fazer a revisão e os ajustes. É importante:

  • verificar se não há erros de português que vão prejudicar a leitura;
  • checar dados que foram colocados no conteúdo e se todas as informações relevantes foram incluídas;
  • conferir, ainda, se a linguagem está adequada.

Uma dica para essa etapa é reler o roteiro em voz alta, assim, você pode verificar se a leitura está natural e de acordo com a mensagem que deseja transmitir. Ajuda bastante pedir para outra pessoa (que não se envolveu na produção do texto) para ouvir o roteiro a fim de que ela possa dar uma opinião sobre o conteúdo.

Na hora de revisar, aproveite e acione o cronômetro para saber se o roteiro está de acordo com o tempo de vídeo que você precisa produzir.

Como entrar no mercado de roteiro para YouTube?

Depois de acompanhar as dicas de como escrever roteiro para YouTube, é importante não ter medo de começar a produzir scripts.

Você pode fazer uma carreira escrevendo roteiros , então, para entrar nesse mercado, nada melhor que estudar a estrutura dos textos utilizada pelos vídeos que tenham bastante visibilidade e, é claro, começar a tirar as ideias do papel.

É possível, inclusive, fazer parcerias com videomakers e influencers para fazer a parte do roteiro ou trabalhar para plataformas de freelancers.

No mais, se você chegou até aqui já percebeu que o roteiro para YouTube não precisa ser complicado. O segredo é sempre fazer uma pesquisa apurada acerca das necessidades do seu público para encontrar temas que vão gerar engajamento.

E aí? Gostou das nossas dicas? Venha também fazer parte do nosso time de Talentos para escrever roteiros, infográficos, blogposts e outros materiais como freelancer!

freelancer
Compartilhe
facebook
linkedin
twitter
mail
Copyediting

Thiago Murça

Briefing

Aline Gonçalves

Gostou deste conteúdo?

Envie-o para seu e-mail para ler e reler sempre que quiser.

Posts Relacionados

Guia prático para escrever à noite!

alt Redator Rock Content
abr 17, 17 | Leitura: 6min

Atrás ou Atraz: como se escreve? Veja a forma certa!

alt Aline Gonçalves
out 25, 17 | Leitura: 3min

Os melhores conteúdos para sua carreira freelancer, direto na sua caixa de entrada

Inscreva-se para receber no e-mail conteúdos exclusivos e em primeira mão.