Por Pedro Santos

Publicado em 17 de abril de 2019. | Atualizado em 12 de dezembro de 2019


Webinar é uma estratégia do Marketing Digital e consiste em aulas online para um público-alvo específico. O webinar pode ser transmitido tanto ao vivo, quando previamente gravado e disponibilizado para os usuários.

Realizar uma palestra é uma opção muito interessante para engajar e educar o público com informações relevantes sobre um assunto. O problema é a logística necessária para tal. Além do espaço físico, é preciso se preocupar com o sistema de som, o projetor de imagens, o conforto dos participantes e até o estacionamento.

A boa notícia é que, com a consolidação do Marketing Digital e os recursos oferecidos pela tecnologia, esse processo se tornou muito mais fácil. Agora, é possível realizar esses eventos por meio de transmissões ao vivo, otimizando a experiência dos participantes e potencializando o seu alcance e engajamento.

É o que chamamos de webinar, uma poderosa ferramenta para gerar e qualificar leads. Quer se aprofundar no assunto? Neste artigo, vamos responder as seguintes questões:

Acompanhe!

O que é webinar?

O webinar, ou webinário, é uma videoconferência de via única empregada para fins comerciais ou educacionais. Esse formato de conteúdo vem ganhando bastante destaque, especialmente em estratégias que utilizam o Marketing de Conteúdo.

Você já deve ter notado que o termo webinar se assemelha a uma junção das palavras “web” e “seminário”, não é? A ideia é mais ou menos essa. Trata-se de uma abreviação da expressão inglesa “web based seminar” que, em português, representa um seminário realizado pela internet.

Existem alguns objetivos comuns que podem ser alcançados com a realização desses eventos. Se você trabalha com o funil de vendas, o webinar pode ser uma ferramenta interessante para gerar leads e facilitar sua conversão para a próxima etapa da jornada do consumidor.

O webinar também é utilizado em abordagens mais diretas, que direcionam o comprador diretamente para a ação de compra ao falar sobre um determinado produto ou serviço. Trata-se de um tipo de conteúdo muito eficaz para lidar com leads na última fase do funil, também chamada de etapa de decisão.

Além desses pontos, a ferramenta é bastante útil para otimizar o relacionamento com o cliente, fator tão importante no Marketing 4.0. A partir do oferecimento de conteúdos exclusivos, tutoriais e interações em tempo real, você enriquece a experiência dos consumidores, possibilitando sua fidelização.

No próximo tópico, vamos destrinchar as vantagens que você pode ter acesso ao utilizar o webinar em sua estratégia. Siga a leitura!

Quais os benefícios de um webinar?

O webinário vem se mostrando um recurso cada vez mais útil para empresas otimizarem a relação com o público. Prova disso é o relatório Content Trends 2019, que aponta que esse tipo de material é utilizado por cerca de 25% das marcas que investem em Marketing de Conteúdo. Entenda as principais vantagens!

Atenção do público

O aumento do volume de marcas buscando espaço na internet traz um efeito colateral. É cada vez mais desafiador conseguir a atenção do público, que se depara com intermináveis opções de conteúdo para consumir. Por isso, só atinge o sucesso quem consegue driblar esse obstáculo.

O oferecimento de um webinário é uma forma eficaz de atrair o interesse da audiência. Afinal, grande parte dos conteúdos disponibilizados online tem o formato de texto, o que acaba saturando alguns internautas. O webinar é uma alternativa a esse lugar-comum.

Para muitas pessoas, é muito mais interessante assistir um vídeo falando sobre um assunto do que ler um artigo explicando-o detalhadamente. Esse diferencial é ainda mais relevante quando falamos de uma palestra ao vivo, que dá ao espectador a sensação de maior participação no evento.

Engajamento

Você já sabe que o engajamento é uma das métricas mais importantes no Marketing Digital, não é? E o que pode ser melhor para potencializar esse fator do que a realização de uma transmissão ao vivo? O webinar cria uma conexão entre marca e consumidores que é essencial para o sucesso do negócio.

Durante o seminário online, você tem a chance de receber e responder dúvidas em tempo real. Isso é importante por diversos motivos. Para começar, trata-se de uma oportunidade para mostrar conhecimento sobre o assunto e se estabelecer como autoridade no mercado. Assim, fica mais fácil atrair novos leads.

Além disso, responder as questões dos espectadores possibilita que você os eduque sobre os seus serviços ou produtos. Por essa razão, o webinário é muito utilizado para qualificar leads e conduzi-los para as próximas etapas do funil de vendas.

Tráfego

Um site comercial bem estruturado é essencial para qualquer estratégia de Marketing Digital. Contudo, de nada adianta contar com um portal excelente se o público não desenvolver o hábito de visitá-lo.

Para assegurar isso, é preciso mais do que o emprego de boas técnicas de SEO. Acima de tudo, os visitantes do seu site precisam se deparar com conteúdos originais e pertinentes, de modo a valorizar a experiência proporcionada pela visita. Para isso, diversificar o conteúdo é fundamental.

Disponibilizar um webinário é uma maneira de aumentar o tráfego do site. Se bem realizado, o evento será divulgado pelos próprios espectadores, atraindo mais visitantes e, consequentemente, elevando as oportunidades de negócio. Para tal, você deve saber como realizar um webinar. Falaremos disso no próximo tópico.

Ebook Marketing de Conteúdo para Vendas Complexas

Como fazer um webinar?

Agora que você entende o que é um webinário e quais benefícios esse tipo de conteúdo pode trazer para o seu negócio, vamos nos dedicar a explicar como realizar um. Antes de tudo, é válido lembrar que não se trata de uma ciência exata. Cada negócio deve realizar o evento de acordo com sua própria realidade.

Portanto, é fundamental basear a estratégia nas características da sua persona. Independentemente da qualidade do webinar, ele só será efetivo se for visto como pertinente e original pelo público atingido. Dito isso, vamos ao primeiro passo.

Escolha o tema

A escolha do tema é determinante para o desenvolvimento da palestra online. Se você não sabe por onde começar, uma boa ideia é olhar para os seus próprios conteúdos e buscar aqueles que causam maior impacto positivo na sua audiência.

Por exemplo, se um dos posts mais acessados no blog de uma empresa é “Como automatizar a emissão de notas fiscais”, o tema pode ser transformado em uma aula ao vivo. Durante o encontro, o apresentador pode mostrar um tutorial de como fazer o processo passo a passo, quais ferramentas usar etc.

Outra dica é utilizar ferramentas de palavras-chave para identificar os termos mais buscados pelas suas personas. Com base nisso, é viável descobrir os tópicos mais relevantes para os seus consumidores e desenvolver seu webinário de forma interessante e atraente.

Além da escolha do tema, é muito importante dar atenção ao título atribuído à videoconferência. Com acesso constante a um alto volume de informações, os consumidores tendem a se interessar apenas por conteúdos com títulos claros, sugestivos e atraentes.

Defina a data

Um planejamento bem-feito é essencial para o sucesso de qualquer tipo de abordagem. Com o webinário não é diferente. Quanto antes você definir a data para realizar a transmissão, melhor será sua programação.

Além do dia de realização, é importante definir a hora. Afinal, o grande apelo desse tipo de conteúdo é o senso de inclusão e urgência gerado pela transmissão ao vivo. Sendo assim, é fundamental optar por um horário em que sua persona costume estar ativa na internet.

Além disso, lembre-se da meta estipulada. Se o objetivo do seu webinar for vender, por exemplo, pode ser interessante marcar para o início do mês (período em que as pessoas têm mais dinheiro).

Escolha uma plataforma

Outra decisão importante para a realização do seu webinário é a escolha da plataforma. É essencial que ela possibilite uma experiência satisfatório para o usuário, ou seja, realize a transmissão com qualidade, sem a ocorrência de travamentos ou ruídos.

Uma das escolhas mais comuns é o YouTube, até pelo fato da plataforma já ser utilizada pelo público para assistir vídeos. Além disso, o site traz a possibilidade de monetizar os vídeos exibidos nele, o que é um atrativo a mais para sua empresa. Contudo, ações mais complexas como mudanças de câmeras são limitadas.

Se a ideia é realizar uma transmissão mais complexa, uma boa opção é a GoToWebinar, uma plataforma criada especialmente para webinários. Ela auxilia o realizador a enviar convites, criar enquetes, responder perguntas e conta até com um modo de ensaio, para evitar imprevistos durante o evento.

Temos, ainda, o Facebook, que apresenta como principal vantagem a própria popularidade. A rede social de Mark Zuckerberg é a mais popular do planeta mas, assim como o YouTube, apresenta limitações para webinars. É impossível, por exemplo, que o usuário visite outro site sem interromper a transmissão.

Outras opções relevantes para a realização do seu webinário são:

  • Hangouts;
  • Twitch;
  • Skype;
  • WebinarJam.

Crie uma landing page

Uma landing page, ou página de captura, nada mais é do que a página em que as pessoas farão a inscrição para participar do seu webinar. Ela deve contar com um texto chamativo e direto, além de espaços para que o visitante insira seus dados de contato.

Em troca de informações como nome, email e número de telefone, as pessoas vão se inscrever para ficar por dentro de tudo o que envolve o evento, desde sua divulgação, até as ações realizadas pela empresa após o fim da transmissão.

É importante que a página deixe claro o tema do seminário, a data e outras informações relevantes.

Planeje a divulgação

Chegou a hora de atrair inscritos para o seu webinar. Aqui você pode contar com diferentes canais de comunicação, usando tanto tráfego orgânico como tráfego pago. Uma boa campanha de email marketing pode aumentar o alcance do webinário e atrair mais participantes.

Além disso, é essencial utilizar suas redes sociais para divulgar a data e o horário da transmissão. Prepare chamadas em todos os seus canais convidando o público para participar do webinar. Experimente usar vídeos curtos no Facebook, Instagram, Snapchat e Youtube.

Também vale usar cards e imagens, tanto no Facebook quanto no Instagram. Não esqueça de sempre deixar um link direcionando o público para a sua landing page. Dessa forma, além de aumentar o alcance, você ainda intensifica a geração de leads.

É interessante, também, incluir calls-to-action (chamadas para ação) em seus posts convidando os leitores a participarem do webinar. Se possível, acione seus parceiros para que eles façam o mesmo em seus portais.

Kit Marketing nas Redes SociaisPowered by Rock Convert

Estruture um roteiro

Por mais que você tenha pleno domínio do assunto que vai tratar no webinar, não deixe de fazer um roteiro. A quantidade de detalhes pode variar conforme a sua necessidade, mas o ideal é que você tenha pelo menos os pontos principais.

Aqui vai a nossa dica de estrutura:

  • Introdução e sua história pessoal (5 a 10 minutos);
  • Apresentação principal (25 a 30 minutos);
  • Perguntas e respostas (10 minutos).

Além disso, lembre-se de que você deve terminar sua apresentação principal com um call to action.

Você pode usar os últimos 5 minutos da apresentação principal para fazer a oferta de um produto, sugerir que a sua audiência assine uma lista de e-mails exclusiva ou simplesmente pedir que as pessoas curtam a sua página do Facebook.

Prepare uma apresentação visual

É muito comum usar uma apresentação de slides durante o webinar. O fato de ter textos e imagens na tela facilita para o próprio organizador e também para o público, que consegue acompanhar e fazer anotações.

Algumas opções para montar os slides são os famosos PowerPoint, o Keynote (caso você use Mac), o Prezi ou até mesmo o Google Slides, que pode ser acessado pelo Google Drive.

Contudo, você não vai querer fazer uma palestra desinteressante. Pelo contrário: sua missão é captar e reter a atenção da audiência, mantendo todos engajados.

Para isso, você deve preparar um design agradável e chamativo. Separe um tempo para testar diferentes cores, fontes e imagens a fim de deixar sua apresentação bonita e moderna.

As dicas gerais são: use fontes de tamanho grande; resuma o conteúdo em frases curtas; ilustre com ícones e imagens; e varie as cores ao longo da apresentação.

Monte um cronograma

Para evitar imprevistos e seguir corretamente o planejamento, é interessante elaborar um cronograma para servir como norte nas semanas que antecedem o webinário. Defina, por exemplo, um limite para tomar decisões relacionadas ao tema, ao objetivo e à aquisição de parceiros.

Separe ao menos duas semanas para trabalhar uma divulgação eficiente e veicular anúncios pagos, caso seja pertinente. Nesse período, certifique-se de elaborar uma landing page chamativa e com boas possibilidades de conversão.

Na semana que antecede o webinar, realize testes para garantir que você domina a plataforma que será utilizada, verificando todas suas funcionalidades. Além disso, deixe prontos o roteiro e a apresentação visual.

Já no dia do evento, faça testes para verificar a qualidade da conexão com a internet e a captação de áudio e imagem. Horas antes do início, envie lembretes ao público para garantir que todos os interessados participem. O processo não acaba por aqui! No próximo tópico, vamos falar sobre o pós-webinário.

O que fazer depois da apresentação?

Você seguiu o cronograma, divulgou seu webinário e o executou com maestria. Agora, o que fazer? Ignorar a parte do planejamento que diz respeito ao pós-webinar pode diminuir seu impacto no público. É importante mostrar que você segue à disposição da audiência mesmo após o fim da videoconferência.

Portanto, para começar, realize uma pesquisa de satisfação com os participantes. Os feedbacks obtidos nessa etapa são fundamentais para a aprimorar futuros webinários e para entender melhor as motivações e características do público.

No mesmo email enviado para realizar a pesquisa, você pode disponibilizar a apresentação de slides utilizada no vídeo. Isso é uma forma de estreitar o relacionamento com o público e ganhar sua confiança. Se for o caso, vale ainda enviar a gravação do vídeo para aqueles que demonstraram interesse mas não puderam participar.

Por fim, reestruture sua landing page para gerar novos leads. Pessoas que não assistiram o webinar podem ouvir falar nele e se interessar. Aí, basta oferecer o acesso em troca de dados de contato.

Como medir os resultados do webinar?

Tão importante quanto realizar o webinário é medir a sua eficácia. Logo após o fim da transmissão, já é possível acessar alguns KPIs, os famosos indicadores-chave de desempenho. Os mais importantes são:

  • taxa de comparecimento;
  • acessos;
  • tempo de visualização;
  • engajamento do público.

Com essas informações em mãos, é possível fazer uma comparação com os objetivos traçados durante a fase de planejamento e identificar o que precisa ser melhorado. Se você já realizou webinários anteriormente, é importante cruzar os dados e analisar o que foi otimizado e o que piorou.

Além disso, não deixe de acompanhar de perto os comentários deixados pelos participantes em redes sociais. Observe, também, se o volume de inscrições e a taxa de acesso ao site vão sofrer alguma alteração no período que sucede a conclusão do webinário.

Recapitulando

Usar webinars no seu negócio é, sem dúvida, uma das melhores formas de se conectar com a sua audiência.

Através das apresentações ao vivo e online, você pode facilmente conseguir mais tráfego, mais engajamento, mais vendas e mais clientes felizes.

Então, que tal recapitular os passos para apresentar um webinar de sucesso?

O oferecimento de um conteúdo diversificado e qualificado é fundamental para sua estratégia de marketing. O webinar representa uma forma eficiente de se conectar com a audiência e educá-la sobre o seu produto ou serviço. Dessa forma, é possível alcançar um engajamento extremamente benéfico para sua empresa.

Quer garantir a execução de um webinar perfeito? Preparamos este checklist para você lembrar os pontos mais importantes para o sucesso do seu webinário. Confira!

100.000 pessoas não podem estar enganadas
Deixe seu email e receba conteúdos antes de todo mundo

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *