Tenho um site em WordPress, blog também é importante?

“Tenho um site em WordPress, blog também é importante?” Essa é uma pergunta que perpetua a cabeça de muitos empresários e profissionais. Afinal, se o site é o principal canal de Marketing Digital, qual é a função de um blog? Bom, continue a leitura para saber!

wordpress blog

    A escolher como plataforma de conteúdo o WordPress, blog posts costumam ser o próximo passo dentro de uma estratégia de Marketing de Conteúdo. Contudo, alguns empreendedores ainda ficam em dúvidas sobre a importância desse canal assim como sua eficiência em conquistar os resultados de negócio esperados.

    Por essa razão, desenvolvemos este artigo em que levantamos os seguintes pontos:

    • por que WordPress;
    • além de ter um site em WordPress, blog também é importante;
    • como postar no blog em WordPress.

    Vamos em frente?

    Por que WordPress?

    Apesar de existirem diversos CMS no mercado, o WordPress é o mais apropriado para donos de negócio. Lembra da época em que o empresário dependia de um programador para criar o site e fazer toda atualização de conteúdo necessária? Bom, isso não ocorre no WordPress.

    Mesmo que você conte com um profissional que faça o site em WordPress para você, o gerenciador de conteúdos é muito simples de usar, de maneira que você mesmo consegue atualizar as informações dos seus produtos ou serviços sem complicações. 

    Além disso, ao usar os plugins disponíveis na plataforma, também é possível atribuir ao seu site funcionalidades necessárias para o sucesso do seu negócio, tais como: botões de redes sociais, cadastro de leads, entre outros.

    Além de ter um site em WordPress, blog também é importante?

    Sim. Para justificar essa resposta, é importante saber a diferença que existe entre um site e um blog.

    A função do site é trazer informes a respeito da sua empresa, assim como os produtos e serviços oferecidos. Já o blog conta com artigos que falam sobre assuntos relacionados à área de atuação da sua empresa.

    Por exemplo: a Rock Content oferece serviços de Marketing de Conteúdo, por isso seu site explica detalhadamente como funcionam as suas soluções. Por outro lado, o blog fala sobre temas ligados ao universo do Marketing Digital com muitas dicas e informações.

    Confira também estes conteúdos:
    Para que serve um blog numa estratégia de marketing e vendas?
    Atingido pela crise? Aprenda a criar um site para ganhar dinheiro
    Confira como criar um site com foco em resultados no WordPress pelo Stage

    Como postar no blog em WordPress?

    Agora que você sabe a diferença entre um site e blog, é importante saber como criar postagens nele de forma estratégica e com foco em resultados. Para isso, confira abaixo os sete passos necessários para isso.

    Passo 1: criação da persona

    Algumas pessoas pensam que para fazer uma publicação num blog basta escrever e postar, mas isso está errado. Antes de redigir o primeiro parágrafo é necessário desenvolver a estratégia de conteúdo e o primeiro passo para isso é criar a persona.

    A persona é um personagem fictício baseado no seu público-alvo que representa o seu cliente ideal. Dessa forma, todos os artigos do seu blog e dos demais canais digitais devem ser produzidos tendo como base a sua persona.

    Caso você não saiba como criar a sua, pode utilizar este gerador gratuito desenvolvido pela Rock Content. Mas, recomendamos que leia antes o que vem a seguir.

    Passo 2: composição do funil de vendas

    Depois de criar a sua persona, é fundamental saber a jornada que ela traça para comprar a sua oferta, também conhecida como funil de vendas composto por três etapas:

    1. topo do funil: é o momento em que a persona descobre ter um problema;
    2. meio do funil: aqui, a persona busca soluções para o problema;
    3. fundo do funil: aqui, por fim, ela descobre quem pode solucionar esse problema.

    E se você estiver se perguntando qual é a funcionalidade desse funil na produção de conteúdos, bom, eles dão base à produção de artigos sobre os problemas pelos quais a sua persona passa (topo de funil), soluções que ela procura (meio do funil) ou ofertas da sua empresa capazes de saná-los (fundo de funil). 

    Trate de usar o Princípio de Pareto para a produção de 80% dos conteúdos voltados para o topo e meio, enquanto 20% é destinado ao fundo. 

    Passo 3: produção dos conteúdos

    Uma vez que os dois pontos acima estejam determinados, você pode dar início à produção do seu primeiro blog post. 

    Se você mesmo for escrever, leve em conta os pontos acima e os que vêm a seguir. Se for delegar à um redator, certifique-se de passá-los a ele para que produza o conteúdo adequado à estratégia do seu negócio.

    Passo 4: escolha da palavra-chave

    Um ponto essencial no seu blog post é a inserção da palavra-chave. Sabe os termos que as pessoas inserem no Google para fazer uma busca? Bom, elas são as palavras-chave.

    Vejamos um exemplo: alguém procura por “marketing digital” a fim de saber mais sobre o assunto. O primeiro resultado é um artigo escrito pela Rock Content, tal como você pode conferir aqui.

    E qual é a vantagem de aparecer no primeiro resultado para uma palavra-chave importante para o seu negócio? Ora, que pessoas interessadas no seu nicho conhecerão a sua marca e as chances de conversão de parte delas em clientes serão maiores! 

    Passo 5: uso das Heading Tags

    E para que a experiência de leitura tanto do seu público quanto do algoritmo seja boa, é importante que você se atente às Heading Tags.

    Elas organizam o seu texto hierarquicamente o seu artigo por meio de subtítulos divididos em H1, H2, H3, e assim por diante. Vejamos um exemplo abaixo.

    • melhores lugares para conhecer em Belo Horizonte (subtítulo em H2);
    • onde comer em Belo Horizonte (subtítulo em H3);
    • restaurantes em Belo Horizonte (subtítulo em H4).

    Dessa forma, tanto o leitor quanto o algoritmo conseguem entender a ordem das Heading Tags ao longo do texto.

    Passo 6: criação da introdução, desenvolvimento e conclusão

    Sabe aquela sensação de estar diante de uma folha em branco e não saber por onde começar a escrever? Acredite, ela é mais comum do que você imagina.

    Por isso, recomendamos que, ao começar a escrever o seu blog post, o organize em introdução, desenvolvimento e conclusão.

    Na introdução você deverá apresentar o tema do texto e como ele será abordado. No desenvolvimento, desenvolva o problema e as hipóteses conectadas à sua solução. Por fim, na conclusão, encerre o artigo com um ponto muito importante que apresentamos a seguir.

    Passo 7: uso da CTA

    Esta é a parte final do blog post. CTA significa Call To Action, ou seja, é uma chamada que convida o leitor a fazer uma ação que pode ser, por exemplo:

    • comentário no artigo;
    • compartilhamento nas redes sociais;
    • assinatura da newsletter do blog;
    • download de um e-book ou outro material rico;
    • continuar a leitura em outro blog post relacionado.

    Ao seguir esses passos, você terá feito um post focado em gerar resultados para o seu negócio e isso responde a pergunta do artigo: tenho um site em WordPress, blog também é importante? Claro que também é fundamental fazer o blog aparecer entre as primeiras posições do Google, o que é um desafio e tanto. Para aprender a superá-lo, confira este texto que escrevemos.

    Compartilhe
    facebook
    linkedin
    twitter
    mail

    Inscreva-se em nosso blog

    Acesse, em primeira mão, nossos principais posts diretamente em seu email

    Posts Relacionados

    Quer receber mais conteúdos brilhantes como esse de graça?

    Inscreva-se para receber nossos conteúdos por email e participe da comunidade da Rock Content!