Rock Content adquire WriterAccess nos EUA. Saiba mais ->

Entenda o que é assessment e como essa metodologia pode impactar positivamente na sua empresa

O Assessment é um método utilizado para oferecer maior precisão aos diferentes processos de escolha e seleção dentro de uma empresa, auxiliando na resposta de perguntas como: será que o funcionário X pode lidar com mais responsabilidades? Quais candidatos em um processo seletivo se encaixam melhor na cultura organizacional da empresa?

Assessment

Gerenciar uma equipe não é uma tarefa simples de ser executada, afinal, além de ser o responsável por definir quais estratégias seguir para o sucesso do plano de Marketing, por exemplo, é preciso saber tirar o máximo dos profissionais sob seu comando. Por isso, é importante utilizar métodos que facilitem a avaliação e o monitoramento de desempenho.

Um conceito que vem ganhando cada vez mais espaço é conhecido por assessments. A ideia por trás dessa metodologia é mapear o perfil de cada colaborador, avaliando suas competências e dificuldades em busca de um processo mais eficiente para saber, por exemplo, quem pode se encaixar melhor em uma vaga ou o que pode ser aprimorado.

Como qualquer avaliação de desempenho, o objetivo é otimizar a produtividade da sua equipe como um todo e, é claro, conseguir mais embasamento para as tomadas de decisão em relação ao seu time. Que tal, então, se aprofundar no assunto? Vamos abordar os seguintes tópicos:

    Continue a leitura e confira!

    O que é assessment?

    Entre as habilidades gerenciais necessárias para ter sucesso ao comandar uma empresa, área ou mesmo equipe, saber tirar o máximo de cada profissional e direcioná-los para os cargos e funções ideais é uma das mais importantes. Por isso, o método conhecido como assessment vem ganhando tanto espaço no ambiente corporativo.

    Mas, na prática, o que significa esse conceito? A tradução literal do termo já apresenta um indício do que consiste: avaliação. O diferencial dessa análise, porém, é o foco maior nas tendências de comportamento e performance de cada profissional, procurando detalhes mais difíceis de serem observados, por exemplo, em dinâmicas de grupo.

    Avaliar o currículo de um candidato durante um processo seletivo vai oferecer um norte para a tomada de decisão entre contratá-lo ou não, porém, não é apenas o que está no papel que vai afetar o desempenho daquele profissional durante o trabalho. A ideia do assessment é justamente conseguir enxergar além do histórico curricular, por exemplo.

    Com a utilização das ferramentas certas de assessment, os profissionais de Recursos Humanos — ou mesmo os gestores de uma equipe — conseguem avaliar melhor se cada colaborador vai conseguir cumprir com as exigências e responsabilidades do cargo que estiver ocupando. O trabalho de gestão de pessoas é, portanto, otimizado com essa prática.

    A partir dessa análise, empresa e colaborador passam a entender melhor quais são as aptidões e habilidades de cada um, identificando, por exemplo, quais ações podem ser colocadas em prática para uma melhora de desempenho. Independentemente de qual seja o objetivo — promoção, contratação ou realocação —, o assessment pode ser muito útil.

    Qual é o impacto do assessment para a minha empresa?

    O principal benefício de utilizar o método de assessment dentro da sua organização é, sem dúvidas, a possibilidade de tomar decisões mais acertadas em relação ao desempenho e produtividade de todos os profissionais na estrutura de trabalho. Como consequência, os resultados da empresa como um todo também tendem a crescer.

    Em vez de sobrecarregar um funcionário em um cargo que ele não consegue trabalhar ainda, é possível fazer uma realocação ou mesmo investir no seu desenvolvimento com um curso ou pós-graduação, por exemplo. Ações como essa contribuem diretamente para o sucesso do negócio como um todo, com mais profissionais capacitados e satisfeitos.

    O reflexo desse melhor encaixe pode ser visto, por exemplo, na melhora do clima organizacional da empresa. Afinal, os colaboradores vão se sentir mais valorizados e felizes ao realmente entregarem resultados positivos em suas rotinas de trabalho. A retenção de talentos é um exemplo de tarefa que tem a ganhar com o uso do assessment.

    Assim como uma análise SWOT pode ser importante para você identificar quais os próximos passos a serem dados e as estratégias que podem funcionar melhor para o sucesso do seu negócio, a avaliação mais profunda do seu quadro de profissionais também tem o seu valor. Afinal, são eles que impactam diretamente a produtividade do negócio.

    Esse trabalho é feito não apenas internamente, mas também na hora de avaliar uma contratação. Além de uma análise curricular, é possível compreender se aquele candidato é realmente indicado para ocupar determinada vaga ou até mesmo se ele vai se encaixar ou não aos objetivos, comportamento e mesmo a cultura organizacional da empresa, por exemplo.

    Caso as ferramentas indiquem que aquele perfil não traria um encaixe muito bom para a vaga ou mesmo para o dia a dia na empresa, quantos recursos não são economizados? A análise passa a ser ainda mais detalhada e acaba interferindo não só no gerenciamento de uma equipe, mas também na utilização mais inteligente e precisa dos recursos da empresa.

    Aplicar o assessment na sua organização permite que você identifique alguns pontos cruciais para a realização de um trabalho eficiente de gestão de pessoas. A partir dessas informações, é possível tomar decisões ainda mais embasadas na hora de contratar um profissional ou promover alguém, além de ajudar no clima e produtividade da empresa.

    Você também pode se interessar por estes outros conteúdos!
    Plano de valorização de colaboradores: como colocar em prática
    Gestão de Pessoas: como valorizar os colaboradores da empresa
    Avaliação de desempenho: guia para aplicar em sua empresa
    Saiba como investir em treinamento e desenvolvimento de pessoas

    Como usar o assessment ao meu favor?

    Apesar dos inúmeros benefícios dessa metodologia, algumas práticas devem ser adotadas em conjunto para que o trabalho de assessment seja, de fato, eficiente. Caso contrário, essa vai ser apenas uma avaliação do perfil comportamental dos colaboradores, sem um trabalho específico que realmente gere resultados e retornos válidos para a empresa.

    Todos os envolvidos nesse processo precisam ter como objetivo o desenvolvimento e o melhor encaixe possível para cada profissional. E parte desse trabalho é oferecer as condições ideais para que cada colaborador possa realizar a sua função de maneira mais eficiente e precisa. Seja oferecendo ferramentas, seja oferecendo suporte no dia a dia.

    Além disso, é preciso ter um objetivo traçado para direcionar melhor o planejamento e a execução dessa metodologia. Assim, a tendência é que a abordagem se torne mais voltada para o que a empresa precisa. Se a sua meta é encontrar profissionais no mercado, você deve investir em ações para esse fim, o que vai potencializar as chances de sucesso.

    Outro ponto importante para fazer uma utilização inteligente e precisa dessa metodologia de trabalho é evitar o uso do assessment para demissões e desligamentos, por exemplo. Afinal, o principal objetivo desse conceito é justamente potencializar e melhorar o desempenho da empresa e dos colaboradores, e não ser um mecanismo punitivo.

    Quais são as ferramentas do assessment?

    Agora que você já sabe um pouco mais sobre o que é assessment e como essa metodologia traz benefícios para diferentes frentes na sua empresa, que tal conhecer um pouco mais sobre as ferramentas utilizadas para o processo de avaliação? Separamos três delas para facilitar o seu entendimento sobre o que é esse conceito. Confira!

    1. DISC

    Uma das ferramentas mais utilizadas dentro da metodologia de assessment é conhecida como DISC. A partir de um conceito similar ao da análise SWOT, o pesquisador Walter Vernon Clarke identificou que fatores externos e internos acabam influenciando o comportamento do indivíduo no ambiente de trabalho.

    A sigla DISC representa:

    • Dominance (dominância);
    • Influence (influência);
    • Steadiness (estabilidade);
    • Conscientiousness (conformidade).

    O objetivo é encontrar, entre essas quatro características comportamentais, qual delas é predominante no perfil do profissional. A ideia é identificar, por exemplo, o que precisa ser melhorado e aquilo que já funciona.

    Consequentemente, a tendência é que o desenvolvimento daquele profissional se torne muito mais eficiente. Alguém que almeja um cargo mais alto na hierarquia da empresa, por exemplo, pode compreender melhor o que falta para que ele possa gerenciar uma equipe e a empresa pode fornecer os recursos necessários para essa evolução.

    2. Inteligência emocional

    Parte importante para o desenvolvimento profissional é se conhecer, certo? A avaliação de Inteligência Emocional trabalha exatamente com esse foco. Aqui, o objetivo é encontrar quais pontos precisam ser aprimorados nos relacionamentos no ambiente de trabalho ou mesmo a capacidade de gerar empatia ou lidar com dificuldades.

    A utilização dessa ferramenta é variável, sendo muito útil para o desenvolvimento de colaboradores ou mesmo na hora de selecionar possíveis candidatos em um processo seletivo. Conseguir identificar, compreender e interpretar melhor os seus sentimentos e necessidades pode indicar o que você precisa fazer para crescer profissionalmente.

    3. Assess de competências

    Já a ferramenta de assess de competências tem como principal objetivo encontrar quais são as características e habilidades para ter sucesso no ambiente de trabalho. Como o profissional lida com a resolução de problemas? Quais são os traços de personalidade que impactam no desempenho na execução das suas tarefas e funções?

    O trabalho em conjunto, o pensamento crítico ou até mesmo o ritmo de trabalho, tudo isso é possível de ser identificado com essa ferramenta. O assess de competências fornece uma imagem mais clara de quais são os pontos mais fortes daquele profissional avaliado e como isso pode ser utilizado de forma mais eficiente e produtiva?

    O Assessment é, portanto, um método utilizado para oferecer maior precisão aos diferentes processos de escolha e seleção dentro de uma empresa. Seja para escolher quem está mais preparado para assumir um cargo de liderança, seja para encontrar pontos de melhoria dentro da sua equipe, tudo isso é possível com a ferramenta certa.

    Em que situações o assessment é aplicável?

    Os assessments são aplicáveis em várias situações no ambiente corporativo. A ferramenta pode ser usada tanto no marketing externo quanto no marketing interno das organizações. Abaixo, veja algumas situações em que um assessment será um grande diferencial para obter melhores resultados em sua estratégia:

    • atrair e reter talentos na empresa;
    • definir um plano de carreira;
    • efetivar uma avaliação de desempenho;
    • receber feedback personalizado de clientes;
    • testar conhecimentos, habilidades e competências de colaboradores e candidatos;
    • aumentar o engajamento entre as equipes de trabalho;
    • gerar mais leads;
    • obter insights valiosos sobre suas ações de vendas e de marketing;
    • mapear o perfil e delimitar as principais necessidades do seu cliente ideal;
    • criar competições internas;
    • educar as leads desde o início do funil de vendas;
    • fazer diagnósticos sobre o negócio;
    • atribuir responsabilidades aos diferentes cargos da empresa, entre outras.

    Quais tipos de assessment são comuns nas empresas?

    Conforme falamos, existem diversos tipos de assessments e você pode usar essa ferramenta de várias formas no ambiente corporativo. Vamos explicar um pouco mais sobre alguns a seguir. Acompanhe!

    Assessment cultural

    Ter um fit com a cultura da empresa é essencial para minimizar problemas no ambiente de trabalho. Com esse assessment você terá a certeza de que o colaborador selecionado tende a se adaptar melhor aos valores da empresa, reproduzindo posturas positivas e disseminando os princípios que regem uma convivência harmônica entre os membros de uma equipe.

    Além disso, depois de aplicar essa avaliação você será capaz de:

    • minimizar as dificuldades na adaptação dos candidatos ao ambiente de trabalho;
    • manter o alinhamento do candidato à cultura da empresa;
    • reduzir o turnover;
    • aumentar a motivação e a produtividade dos colaboradores.

    Para que essa análise seja efetiva, certifique-se de que os dados são verdadeiros. Além disso, priorize avaliações curtas e correlacione os resultados com outras pesquisas, como de satisfação no trabalho e riscos do negócio.

    Assessment de desempenho

    Essa é uma ferramenta de avaliação de desempenho que tem como objetivo determinar o nível de produtividade do colaborador. Embora essa análise seja extremamente importante em nível individual, sua eficácia é restrita ao não permitir uma comparação com toda a equipe, além de não determinar as causas para as diferenças de desempenho.

    Assessment individual

    Assim como a avaliação anterior, esse tipo de assessment considera apenas as características comportamentais e intelectuais de um indivíduo. Entretanto, ele permite determinar o fit do profissional com o seu cargo ou função, além de quais habilidades são necessárias para que esse profissional desempenhe as suas atividades adequadamente dentro do ambiente corporativo. Uma grande vantagem desse formato é que ele evita erros causados por comparação entre os colaboradores e/ou candidatos.

    Assessment de desenvolvimento

    Essa análise permite determinar quais habilidades e competências devem ser potencializadas e incentivadas, de forma individual ou dentro de um grupo de trabalho, para que os resultados globais da empresa sejam otimizados.

    A partir desses resultados, a empresa consegue oferecer cursos de capacitação e palestras mais adequadas, além de promover eventos, disponibilizar programas de formação continuada e criar um plano de carreira compatível com a qualidade da sua força de trabalho.

    Isso acontece porque, a partir de uma perspectiva melhor para o desenvolvimento da sua carreira, os colaboradores se tornam mais engajados e com uma participação ativa nos ganhos da empresa.

    Coaching assessment

    O coaching assessment utiliza como base as informações coletadas em outras avaliações para promover o desenvolvimento pessoal dos colaboradores. É um tipo de avaliação que reafirma os resultados obtidos e garante um alinhamento maior com a cultura organizacional e os objetivos do negócio.

    Assessments referenciados por normas (NRT)

    Os testes referenciados por normas, termo cunhado por Robert Glaser, são usados ​​para avaliar uma condição com base nos dados de um grupo predefinido. Dessa forma, estabelece uma comparação em que é possível diagnosticar possíveis lacunas, seja no comportamento interpessoal, seja na qualificação quanto aos cargos exercidos, que devem ser sanadas para otimizar o desempenho global da equipe.

    Bônus: o assessment como ferramenta poderosa no Marketing Digital

    Falamos sobre a aplicação de assessments na gestão de recursos humanos, mas como destacamos anteriormente, essa ferramenta é extremamente funcional para outras áreas de gestão corporativa, como no processo de vendas e de marketing.

    Você pode adicionar um assessment em uma landing page para coletar informações estratégicas sobre o público e incentivar o avanço dos leads pelo funil de conversões. Essa também pode ser uma boa oportunidade de criar uma pesquisa de satisfação em que os seus clientes avaliam vários requisitos da sua experiência de consumo simultaneamente.

    O assessment interativo, por exemplo, é a melhor opção para gerar e qualificar leads. Além disso, essa ferramenta funciona muito bem no pós-venda, para avaliar a experiência dos clientes com o produto ou serviço, minimizar objeções no processo de compra e fidelizar um público.

    Isso porque a interatividade adiciona um componente a mais na sua estratégia e aumenta a efetividade de suas ações de marketing, sejam elas focadas no mercado externo (clientes e fornecedores), sejam elas aplicáveis ao seu marketing interno, para melhorar o fit dos candidatos e profissionais com os cargos da empresa, por exemplo.

    A avaliação interativa também incorpora dinamismo e engajamento em suas pesquisas, permitindo que você faça análises de dados em tempo real e acompanhe mudanças em séries históricas para efetivar melhorias pontuais na sua gestão. Além de ser personalizada, essa ferramenta é muito mais eficiente para educar o seu público e demonstrar a preocupação da sua empresa com a satisfação de seus clientes.

    Que tal ver como um assessment realmente funciona? A Rock Content, por meio da sua plataforma Ion Interactive, cria inúmeros assessments para vários objetivos diferentes, mas sempre com o intuito de oferecer a melhor experiência durante a avaliação, uma vez que permite, por meio da interatividade, registrar e comparar as respostas de forma simultânea, criar séries históricas e relatórios personalizados, gerar feedbacks em tempo real e otimizar a gestão de qualquer setor organizacional.

    Agora que você já sabe como aplicar o conceito de um assessment e como essa ferramenta é essencial para aumentar o nível de produtividade da sua empresa ou do seu time, que tal conferir outros materiais sobre o tema? Para isso, escrevemos um artigo completo sobre Gestão de Desempenho e nele abordamos o que é, quais as metodologias e os objetivos envolvidos nesse processo!

    Compartilhe
    facebook
    linkedin
    twitter
    mail

    Inscreva-se em nosso blog

    Acesse, em primeira mão, nossos principais posts diretamente em seu email

    Posts Relacionados

    Quer receber mais conteúdos brilhantes como esse de graça?

    Inscreva-se para receber nossos conteúdos por email e participe da comunidade da Rock Content!