WPO (Web Performance Optimization): garanta o bom desempenho do seu site com essa estratégia

WPO é uma sigla para a expressão em inglês "Web Performance Optimization". Consiste em um conjunto de estratégias e boas práticas para melhorar o desempenho de um site em seu aspecto técnico, como a velocidade de carregamento das páginas e a experiência de navegação do usuário.

WPO

    A experiência do usuário ao navegar em um site tornou-se um fator essencial para empresas e marcas, especialmente para aquelas que desejam aproveitar ao máximo o mercado global e quase infinito que a Internet representa.

    Quando pensamos em como melhorar a navegabilidade, cativar os usuários e garantir experiências verdadeiramente agradáveis ​​ao visitar um determinado site, o WPO surge como uma alternativa chave.

    Você sabe do que se trata esse conceito e como ele pode ajudá-lo? Continue lendo e descubra!

    O que é WPO?

    Web Performance Optimization ou, em português, Otimização de Desempenho Web, é o significado de WPO.

    Mas não pense que você já sabe tudo sobre esse tema! Estamos apenas começando, afinal, ele trata de um aspecto complexo, estratégico e profundo, com diferentes ângulos que favorecem os objetivos do negócio e o posicionamento da marca.

    Embora seja um termo de apenas três palavras, o WPO abrange uma ampla série de técnicas que permitem reduzir ou eliminar todos os obstáculos e atritos que afetam a experiência do usuário ao navegar em uma página da Internet.

    Para “ilustrar” a essência e as características dessa prática estratégica, tomemos como referência o exemplo mais comum que existe: o das páginas criadas e gerenciadas pelo WordPress, o mestre do CMS, que contém mais de 60% desse mercado.

    Graças às técnicas de WPO, é possível otimizar a velocidade e os modelos de um site criado nesse sistema de gerenciamento de conteúdo.

    Para que você possa entender melhor o alcance e a importância desse elemento, vamos analisar especificamente suas principais vantagens.

    Quais são as vantagens de uma estratégia WPO?

    Como você já sabe, o WPO melhora significativamente a experiência na página e a deixa muito mais eficiente e atraente, tornando-se uma verdadeira fonte de crescimento, posicionamento e geração de oportunidades de negócios.

    Sem mais delongas, aqui está uma lista dos benefícios específicos e valiosos da aplicação de técnicas e práticas de otimização de desempenho web.

    Melhora o posicionamento nos buscadores

    Está mais que claro que o foco principal do WPO é o PageSpeed, que é o mesmo que a velocidade de carregamento de uma web.

    De nada adianta que sua página tenha conteúdo atraente e seja visualmente amigável se o tempo de carregamento for muito alto, um dos maiores aborrecimentos que o usuário pode enfrentar.

    Além disso, o PageSpeed ​​é um dos principais fatores de posicionamento no SEO.

    Sim, os algoritmos cada vez mais inteligentes do Google e de outros sites de busca detectam quando uma página é rápida e a priorizam em seus resultados (SERPs).

    Outro ponto é o fato de um site tecnicamente funcional conseguir reter o usuário em suas páginas por mais tempo, o que também é um indicador de qualidade para os mecanismos de pesquisa.

    Afinal, quanto mais tempo o usuário navega em uma página, mais o algoritmo do Google interpreta o conteúdo como relevante.

    Mas quais são as técnicas e estratégias que permitem aumentar a velocidade de carregamento de um site?

    Uma deles, que se destaca entre o repertório de práticas do WPO, é a otimização de imagens, por meio de ferramentas que permitem sua compressão.

    Assim, as páginas podem conter uma quantidade significativa de imagens, elementos visuais essenciais para a experiência do usuário, sem serem muito “pesadas” e lentas.

    Inclusive, existem plugins que otimizam automaticamente todas as imagens JPG, PNG ou GIF de sites de WordPress, como o EWWW Image Optimizer ou o TinyPNG, por exemplo.

    Você também pode se interessar por este conteúdo!
    Guia definitivo e atualizado para conquistar a primeira página do Google

    Aumenta a probabilidade de conversão

    O WPO não é um aspecto que apenas impacta de forma técnica e na própria experiência do usuário. Ele também é um aliado para processos e estratégias de negócios.

    Como ditam as boas práticas de Marketing Digital, é importante guiar estrategicamente as pessoas pelos sites para que eles realizem ações positivas para o processo comercial.

    Para que isso seja possível, logicamente, é preciso ter um tempo médio de permanência significativo e um alto nível de engajamento, que se reflete nos usuários que abrem diferentes guias e seções da página.

    Por meio do trabalho do WPO, você poderá otimizar sua página a ponto de os usuários serem motivados a explorar todas suas seções, conteúdos e funcionalidades.

    Ao mesmo tempo, eles terão incentivos para preencher formulários e acessar outras janelas que permitem obter informações de interesse para impulsionar a taxa de conversão e suas estratégias.

    Nesse contexto, as páginas interativas também se mostram muito interessantes, uma vez que permitem extrair dados valiosos de cada usuário enquanto ele navega e clica nos recursos.

    Retém os usuários no site

    Retenção, fidelização, ciclo de vida do cliente mais longo: todos esses são benefícios associados ao ilustre WPO.

    Graças à velocidade de carregamento e outras otimizações, os usuários não apenas ficarão motivados a gastar uma quantidade significativa de tempo na página, mas também retornarão frequentemente, classificando a página como um dos sites que sempre visitarão quando se conectarem à Internet.

    Em geral, o WPO se torna essencial para construir, de maneira sustentável, um público fiel e amplo.

    Melhor retorno sobre investimento

    O WordPress e outras ferramentas facilitam a criação de um blog, e-commerce ou site, mas isso não significa que seja gratuito.

    Desenvolver a visibilidade digital e ter uma página cativante requer investimento em dinheiro, tempo e esforço.

    Felizmente, esse investimento se torna muito rentável e seguro quando se aplicam boas práticas de WPO, já que, como mencionamos, trazem benefícios comerciais.

    E hoje não há agente ou executivo de vendas melhor do que uma página na Internet.

    Se muitos usuários estão dispostos a ouvir, ler, seguir e ver o que o seu site traz de novo, as chances de expandir significativamente o portfólio de clientes e, consequentemente, o volume de vendas, são muito altas, o que no final do dia representa mais produtividade e receita.

    7 fatores-chave para implementar com sucesso o WPO

    O WPO pode fazer a diferença em seu site e garantir que ele seja uma fonte de oportunidades de negócios e lucratividade.

    Obviamente, esses benefícios serão obtidos desde que você desenvolva essa série de técnicas de maneira eficaz e siga as melhores práticas.

    Dito isto, nas próximas linhas, explicaremos os 7 fatores principais para implementar a Otimização de desempenho Web com êxito.

    1. Escolha uma solução sólida de hospedagem

    A otimização começa desde quando pensamos em desenvolver um site, já que esses primeiros passos de planejamento devem seguir os melhores critérios e práticas.

    Entre outras coisas, é importante apontar uma alternativa de qualidade em termos de hospedagem na web, que ofereça flexibilidade, personalização e grande capacidade de gerenciamento. Entre essas opções, destaca-se a hospedagem WordPress.

    No entanto, a hospedagem comum ou compartilhada também pode ajudar você, especialmente se o seu projeto não tiver grandes necessidades técnicas ou exigir várias funcionalidades de gerenciamento.

    Tudo depende das características do seu negócio. É claro, depois de identificar as opções ideais para o perfil da sua empresa e presença digital, analise referências, avaliações e experiências de outras pessoas para ajudar você a ter uma visão clara do potencial de cada alternativa de hospedagem.

    Para armazenar páginas web com bom desempenho, a hospedagem deve ter capacidade de estrutura robusta e canais de suporte eficazes, evitando que o site saia do ar constantemente.

    2. Comprima imagens

    Sim, já mencionamos isso antes, mas esse fator não pode ser deixado de fora da lista dos principais recursos do WPO.

    Lembre-se de que essa tarefa depende, em grande parte, de que a página tenha uma velocidade de carregamento sólida, que, além de garantir a satisfação do usuário, envie sinais positivos aos algoritmos do Google, levando a um bom posicionamento nos SERPs.

    3. Use temas mais leves

    Esse é outro elemento do qual depende a boa velocidade da página. No WordPress, um tema inclui os arquivos que definem a aparência e as características de um site.

    É importante ressaltar que um tema pesado não é necessariamente melhor, pois isso depende do conceito e estilo que você deseja dar à sua página.

    De fato, o ideal é escolher um tema leve, o que contribui para a velocidade de carregamento e, consequentemente, para a experiência do usuário.

    4. Minimize o impacto do JavaScript e CSS

    Os recursos JavaScript e CSS em áreas visíveis da página não afetam diretamente o tempo de carregamento, no entanto, prejudicam a experiência do usuário, já que representam interrupção e dificuldade na navegação.

    Por exemplo, o CSS geralmente bloqueia a visibilidade na metade das páginas principais, causando uma primeira impressão não muito boa para os usuários.

    Nesses casos, é melhor compactar os arquivos, eliminando os caracteres desnecessários sem perder a funcionalidade.

    5. Utilize um CDN

    Em essência, o CDN (Content Delivery Network ou, em português, Rede de Distribuição de Conteúdo) é um fator que fornece conteúdo para um site.

    Mas ele vai muito mais além disso! Além de cumprir com esse objetivo principal, também ajuda a melhorar a velocidade de carregamento e a funcionalidade das páginas.

    Isso ocorre porque as imagens e outros aspectos do conteúdo de um site permanecem estáticos em servidores de diferentes cantos do mundo.

    Isso significa que, independentemente de o usuário estar na China, Austrália, México ou Espanha, ele pode navegar rapidamente em seu site, pois a velocidade de carregamento não diminui devido a fatores geográficos.

    Por outro lado, se você hospedar seu site em um único servidor, sem uma CDN, no México, por exemplo, visitantes da Europa, Ásia e regiões distantes terão que esperar mais tempo para acessar suas múltiplas janelas e funcionalidades.

    6. Aplique o prefetching

    Ativar opções e configurações de prefetching significa, em palavras simples, que seu site estará um passo à frente da intenção do usuário.

    Isso permite que as páginas executem etapas antes que o usuário as inicie, como exibir uma imagem ou vídeo do seu interesse e carregar links.

    É claro, tudo isso se baseia no entendimento do comportamento do usuário, no produto de estudos e na análise de padrões de navegação por especialistas em User Experience (UX) e áreas relacionadas.

    7. Desative plugins não utilizados

    “Limpar” uma página é uma boa prática de SEO técnico no WordPress e também faz parte do WPO.

    Entre as coisas que precisamos colocar em ordem estão os plugins, uma vez que eles são um daqueles elementos que, quando não são funcionais, não geram valor e, em vez disso, afetam o banco de dados e até a velocidade de carregamento.

    Quando não são mais usados ​​ou não fornecem mais funcionalidades importantes para o site, eles devem ser excluídos ou removidos como parte do trabalho de manutenção.

    Também é importante executar ações de manutenção simples e rotineiras, como excluir comentários de spam e esvaziar a lixeira.

    Outra ação valiosa nesse sentido é excluir as páginas do site que não são mais usadas ou que não possuem tráfego relevante, porque elas acabam ocupando espaço desnecessário.

    Para fazer isso, é aconselhável usar o redirect 301 do WordPress, evitando que os usuários que acessam as páginas excluídas acabem se deparando com um erro.

    Conclusão

    Se você leu até aqui, já sabe o que é WPO, quais são suas vantagens e como aplicá-lo com sucesso.

    Ficou claro que os benefícios dessa variedade de práticas e técnicas vão além dos aspectos técnicos e da experiência do usuário apenas ao navegar na página.

    Na verdade, afeta a percepção geral das pessoas sobre as marcas e, portanto, seu posicionamento.

    Ao mesmo tempo, é um mecanismo que impulsiona as estratégias de Marketing Digital para atingir seus objetivos, pois retém os usuários e permite que eles sejam gerenciados estrategicamente dentro dos sites, para que eles realizem ações favoráveis ​​ao processo comercial.

    Finalmente, é importante mencionar que muitas das tarefas e ações de WPO requerem um alto grau de especialização e conhecimento técnico em programação, desenvolvimento e áreas relacionadas, portanto, não descarte procurar ajuda de especialistas.

    Quando o assunto é posicionamento na web e melhorias técnicas, improvisar não é uma boa ideia. Não se esqueça!

    Achou as informações deste material úteis e interessantes? Se você está focado na criação de um site robusto e otimizado de acordo com as melhores práticas, é importante que você também saiba tudo sobre o rei do CMS.

    Baixe o nosso guia gratuito do WordPress para blogs!

    Compartilhe
    Redator Rock Content Rock author vector
    um de nossos especialistas.

    Inscreva-se em nosso blog

    Acesse, em primeira mão, nossos principais posts diretamente em seu email

    Posts Relacionados

    Quer receber mais conteúdos brilhantes como esse de graça?

    Inscreva-se para receber nossos conteúdos por email e participe da comunidade da Rock Content!

    Nosso site é otimizado para cada país em que operamos.

    Ir para site em Português ->